UFC 175

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
UFC 175: Weidman vs Machida
Detalhes
Promoção Ultimate Fighting Championship
Data 02014-07-05 5 de julho de 2014
Local Mandalay Bay Events Center
Cidade Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Cronologia
UFC Fight Night: Swanson vs. Stephens UFC 175: Weidman vs Machida The Ultimate Fighter: Team Edgar vs. Team Penn Finale

UFC 175: Weidman vs Lyoto Machida foi um evento de artes marciais mistas promovido pelo Ultimate Fighting Championship, ocorrido em 02014-07-05 5 de julho de 2014, no Mandalay Bay Events Center, em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Background[editar | editar código-fonte]

O evento principal foi a disputa do Cinturão Peso Médio do UFC entre o campeão americano Chris Weidman e o desafiante Lyoto Machida, a luta ocorreria no UFC 173, porém foi mudada por conta de uma lesão de Weidman.[1]

Wanderlei Silva iria enfrentar Chael Sonnen em uma das lutas mais esperadas do ano para os brasileiros, porém Wanderlei faltou aos exames exigidos pela Comissão Atlética de Nevada e foi automaticamente retirado do card. Para seu lugar, Vitor Belfort foi selecionado e voltará a lutar no estado de Nevada após o polêmico caso de TRT.[2] Semanas depois, Sonnen caiu em um teste antidoping surpresa e também fora retirado do card.[3]

Era esperado que Santiago Ponzinibbio enfrentasse Ildemar Alcântara, porém sofreu uma ruptura no menisco do joelho direito e não poderá realizar o combate. Kenny Robertson será seu substituto.[4]

Stefan Struve enfrentaria Matt Mitrione, porém ele passou mal no vestiário e desmaiou, e sua luta foi cancelada de última hora.

Card Oficial[editar | editar código-fonte]

Card Principal
Categoria Vencedor Perdedor Método Round Tempo Notas
Médios Estados Unidos Chris Weidman (c) derrotou Brasil Lyoto Machida Decisão unânime (49–45, 48–47 e 49–46) 5 5:00 Nota 1
Galos Feminino Estados Unidos Ronda Rousey (c) derrotou Canadá Alexis Davis Nocaute (socos) 1 0:16 Nota 2
Médios Jamaica Uriah Hall derrotou Brasil Thiago de Lima Santos Decisão unânime (29–28, 29–28 e 30–27) 3 5:00
Galos Estados Unidos Russell Doane derrotou Estados Unidos Marcus Brimage Decisão dividida (29–28, 28–29 e 30–27) 3 5:00
Card Preliminar (Fox Sports 1)
Galos Estados Unidos Urijah Faber derrotou Estados Unidos Alex Caceres Finalização (mata-leão) 3 1:09
Meio-Médios Estados Unidos Kenny Robertson derrotou Brasil Ildemar Alcântara Decisão unânime (30–26, 30–26 e 30–26) 3 5:00
Médios Brasil Bruno Santos derrotou Estados Unidos Chris Camozzi Decisão dividida (28–29, 29–28 e 29–28) 3 5:00
Galos Estados Unidos Rob Font derrotou Estados Unidos George Roop Nocaute (socos) 1 2:19
Card Preliminar (UFC Fight Pass)
Meio-Médios Estados Unidos Luke Zachrich derrotou Brasil Guilherme Vasconcelos Decisão unânime (30–27, 30–27 e 29–28) 3 5:00
Médios Estados Unidos Kevin Casey vs. Estados Unidos Bubba Bush Sem resultado 1 1:01 Nota 3

Nota 1 Pelo Cinturão Peso Médio do UFC.
Nota 2 Pelo Cinturão Peso Galo Feminino do UFC.
Nota 3 Casey havia vencido por nocaute técnico. A luta foi movida para Sem Resultado após testar positivo para drostanolona no antidoping.

Bônus da Noite[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Lesão muda a luta de Chris Weidman e Lyoto Machida do UFC 173 para o UFC 175». MMAjunkie.com. 24 de março de 2014. Consultado em 3 de abril de 2014. 
  2. «Wanderlei está fora da luta contra Sonnen no UFC 175, Vitor Belfort é o substituto». tatame.com.br. Consultado em 28 de maio de 2014. 
  3. «Título ainda não informado (favor adicionar)». www.tatame.com.br 
  4. «Santiago Ponzinibbio está fora do UFC 175 por causa de lesão no menisco». tatame.com.br. Consultado em 3 de junho de 2014. 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]