UFC Fight Night: Lewis vs. Abdurakhimov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
UFC Fight Night: Lewis vs. Abdurakhimov
Detalhes
Promoção Ultimate Fighting Championship
Data 02016-12-09 9 de dezembro de 2016
Local Times Union Center
Cidade Estados Unidos Albany, Nova Iorque
Cronologia
The Ultimate Fighter: Tournament of Champions Finale UFC Fight Night: Lewis vs. Abdurakhimov UFC 206: Holloway vs. Pettis

UFC Fight Night: Lewis vs. Abdurakhimov (também conhecido como UFC Fight Night 102) é um evento de artes marciais mistas promovido pelo Ultimate Fighting Championship que será realizado no dia 9 de dezembro de 2016, na Times Union Center, em Albany, Nova Iorque.[1]

Background[editar | editar código-fonte]

Este evento será o primeiro que a organização recebe em Albany.[1]

A luta entre os pesos-pesados Derrick Lewis e Shamil Abdurakhimov é esperada para servir como a principal do evento.[2]

Uma luta no peso-médio entre Josh Samman e Oluwale Bamgbose foi brevemente ligada ao evento. No entanto, o casamento não se materializou, pois Samman morreu no dia 5 de outubro de 2016.[3] Joe Gigliotti foi escolhido como substituto.[2] Por sua vez, Bamgbose foi retirado da luta em meados de novembro, citando uma lesão, e foi substituído pelo recém-chegado na promoção, Gerald Meerschaert.[4]

Recém-chegado na organização, Charlie Ward era esperado para enfrentar Randy Brown no evento. No entanto, Ward foi retirado do evento no início de novembro, alegando problemas com o visto, que restringia sua viagem, e foi substituído pelo também estreante Brian Camozzi.[5]

Zubaira Tukhugov foi programado para enfrentar Tiago Trator no evento. No entanto, em 14 de novembro, Tukhugov foi retirado do card depois de ter sido notificado pela USADA por uma potencial violação das normas antidopagem, decorrente de uma amostra coletada anteriormente, no período fora de competição.[6] Em 28 de novembro, Tukhugov foi substituído pelo recém-chegado na promoção, Shane Burgos.[7]

Aljamain Sterling era esperado para enfrentar Raphael Assunção no evento. No entanto, Sterling retirou-se da luta em 23 de Novembro, citando lesão.[8] Assunção foi, subsequentemente, removido do card, com o casamento da luta sendo esperado para ser reprogramado para um evento futuro.[9][10]

A vencedora do The Ultimate Fighter: Team Joanna vs. Team Cláudia no peso-palha feminino, Tatiana Suarez, era esperada para enfrentar Juliana Lima no evento. No entanto, Suarez retirou-se da luta em 23 de Novembro, citando lesão.[11] Ela foi substituída em 2 de dezembro, pela novata na organização, JJ Aldrich.[12]

Patrick Cummins era esperado para enfrentar Gian Villante no evento. No entanto, Cummins retirou-se da luta em 2 de Dezembro, citando uma infecção por estafilococos.[13] Ele foi substituído pelo recém-chegado na promoção, Saparbek Safarov.[12]

No momento da pesagem, Justine Kish ficou com 116,4 libras (52,8 kg), acima do limite do peso-palha feminino, que é de 116 lbs (52,6 kg). Como resultado, Kish foi multada em 20% de sua bolsa, que vai para a sua adversária, Ashley Yoder, e a luta continuará no card, mas em peso-casado.[14]

Card Oficial[editar | editar código-fonte]

Card Principal (UFC Fight Pass)
Categoria Método Round Tempo Notas
Pesados

Estados Unidos Derrick Lewis

derrotou

Rússia Shamil Abdurakhimov

Nocaute Técnico (Socos)

4

3:42

|

Pesados

Camarões Francis Ngannou

derrotou

Estados Unidos Anthony Hamilton

Finalização (Kimura)

1

1:57

|

Meio-Pesados

Estados Unidos Corey Anderson

derrotou

Estados Unidos Sean O'Connell

Nocaute Técnico (Socos)

2

2:36

|

Meio-Pesados

Estados Unidos Gian Villante

derrotou

Rússia Saparbek Safarov

Nocaute Técnico (Socos e Cotoveladas)

2

2:54

|

Card Preliminar (UFC Fight Pass)
Peso Casado (116,4 lbs)

Estados Unidos Justine Kish

derrotou

Estados Unidos Ashley Yoder

Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

3

5:00

|

Meio-Médios

Jamaica Randy Brown

derrotou

Estados Unidos Brian Camozzi

Nocaute Técnico (Joelhada e Socos)

2

1:25

|

Médios

Estados Unidos Gerald Meerschaert

derrotou

Estados Unidos Joe Gigliotti

Finalização (Triângulo de Mão)

1

4:12

|

Médios

Estados Unidos Andrew Sanchez

derrotou

Estados Unidos Trevor Smith

Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-27)

3

5:00

|

Penas

Estados Unidos Shane Burgos

derrotou

Brasil Tiago Trator

Decisão Unânime (30-26, 29-28 e 29-27)

3

5:00

|

Leves

Inglaterra Marc Diakiese

derrotou

Estados Unidos Frankie Perez

Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

3

5:00

|

Médios

Canadá Ryan Janes

derrotou

Estados Unidos Keith Berish

Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

3

5:00

|

Palhas Feminino

Brasil Juliana Lima

derrotou

Estados Unidos JJ Aldrich

Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-27)

3

5:00

|

Bônus da Noite[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Rick Karlin (19 de agosto de 2016). «UFC is coming to Times Union Center». timesunion.com. Consultado em 19 de agosto de 2016 
  2. a b Staff (14 de outubro de 2016). «UFC Fight Night 102 gets eight new fights, including Derrick Lewis vs. Shamil Abdurakhimov headliner». mmajunkie.com. Consultado em 14 de outubro de 2016 
  3. Marc Raimondi (5 de outubro de 2016). «UFC fighter Josh Samman dead at the age of 28». mmafighting.com. Consultado em 5 de outubro de 2016 
  4. Dale Jordan (16 de novembro de 2016). «Gerald Meerschaert replaces Oluwale Bamgbose; faces Joe Gigliotti at UFC Albany». mmamad.com. Consultado em 16 de novembro de 2016. Arquivado do original em 13 de janeiro de 2017 
  5. Mark La Monica (7 de novembro de 2016). «Randy Brown gets new opponent for UFC Fight Night in Albany». newsday.com. Consultado em 7 de novembro de 2016 
  6. Staff (14 de novembro de 2016). «UFC statement on Zubaira Tukhugov». ufc.com. Consultado em 14 de novembro de 2016 
  7. Guilherme Cruz (28 de novembro de 2016). «Trator gets new opponent at UFC Fight Night 102». mmafighting.com. Consultado em 28 de novembro de 2016 
  8. John Morgan (24 de novembro de 2016). «Aljamain Sterling out at UFC Fight Night 102, promotion needs U.S.-based foe for Raphael Assuncao». mmajunkie.com. Consultado em 24 de novembro de 2016 
  9. Guilherme Cruz (28 de novembro de 2016). «Raphael Assuncao removed from UFC Albany card after Aljamain Sterling injury». mmafighting.com. Consultado em 28 de novembro de 2016 
  10. Staff (29 de novembro de 2016). «Off UFC Fight Night 102 card, Aljamain Sterling vs. Raphael Assuncao targeted for future event». mmajunkie.com. Consultado em 29 de novembro de 2016 
  11. Staff (24 de novembro de 2016). «Tatiana Suarez injured, out of UFC Fight Night 102 fight with Juliana Lima». mmajunkie.com. Consultado em 24 de novembro de 2016 
  12. a b Thomas Gerbasi (2 de dezembro de 2016). «Safarov and Aldrich to make debuts in Albany». ufc.com. Consultado em 2 de dezembro de 2016 
  13. Guilherme Cruz (2 de dezembro de 2016). «Patrick Cummins out of UFC Fight Night 102 card with staph infection». mmafighting.com. Consultado em 2 de dezembro de 2016 
  14. Staff (8 de dezembro de 2016). «UFC Fight Night 102 weigh-in results: Derrick Lewis (265.6), Shamil Abdurakhimov (253.8) official». mmajunkie.com. Consultado em 8 de dezembro de 2016 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]