UFC Fight Night: Shevchenko vs. Carmouche 2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
UFC Fight Night: Shevchenko vs. Carmouche 2
Detalhes
Promoção Ultimate Fighting Championship
Data 02019-08-10 10 de agosto de 2019
Local Antel Arena
Cidade Uruguai Montevidéu
Público 9.225
Cronologia
UFC on ESPN: Covington vs. Lawler UFC Fight Night: Shevchenko vs. Carmouche 2 UFC 241: Cormier vs. Miocic 2

UFC Fight Night: Shevchenko vs. Carmouche 2 (também conhecido como UFC Fight Night 156 ou UFC on ESPN+ 14) foi um evento de MMA produzido pelo Ultimate Fighting Championship no dia 10 de agosto de 2019, na Antel Arena, em Montevidéu, Uruguai.

Background[editar | editar código-fonte]

O evento marca a primeira visita do UFC ao Uruguai.

A disputa de cinturão dos moscas femininos entre a campeã Valentina Shevchenko e a ex-desafiante peso galo feminino Liz Carmouche foram a luta principal da noite. O duelo marca a revanche de um combate realizado em 2010 entre as duas, onde Carmouche ganhou por nocaute técnico no segundo round, após uma interrupção médica.[1]

O duelo nos meio-pesados entre o ex-desafiante dos cinturão dos meio-pesados Volkan Oezdemir e Ilir Latifi estava originalmente marcado para o UFC Fight Night: Gustafsson vs. Smith, porém, dois dias antes do evento o combate foi cancelado após uma lesão nas costas de Latifi. A luta então foi reagendada para o UFC on ESPN: Covington vs. Lawler. Por sua vez, Oezdemir teve problemas com o visto uma semana antes do duelo, com isso novamente foi adiado, agora para este evento.[2]

O duelo nos leves entre Rafael Fiziev e Alex da Silva era esperado para este evento. Porém, no dia 24 de julho, Fiziev saiu do card após ter fraturado o pé. Ele foi substituído pelo estreante Rodrigo Vargas. [3]

O duelo nos moscas feminino entre Veronica Macedo e Rachael Ostovich estava previsto para acontecer neste evento. Entretanto, no dia 29 de julho, Ostovich foi substituída por Polyana Viana por razões desconhecidas.[4]

O duelo nos meio-médios entre Laureano Staropoli e Alexey Kunchenko estava previsto para este evento. No entanto, no dia 29 de julho, Staropoli saiu do card após ter fraturado o nariz e foi substituído por Gilbert Burns.[5]

O duelo nos moscas feminino entre Ashlee Evans-Smith e Taila Santos era esperado para este evento. Porém, Evans-Smith saiu do combate por razões desconhecidas. Por sua vez, no dia 29 de julho, foi forçada a sair do card por uma lesão no punho. Com isso, o duelo foi cancelado.[6]

Card Oficial[editar | editar código-fonte]

Card Principal (ESPN+)
Categoria Método Round Tempo Notas
Moscas Feminino Quirguistão Valentina Shevchenko (c) derrotou Estados Unidos Liz Carmouche Decisão Unânime (50-45, 50-45 e 50-45) 5 5:00 Nota 1
Meio-Médios Brasil Vicente Luque derrotou Estados Unidos Mike Perry Decisão Dividida (28-29, 29-28 e 29-28) 3 5:00
Penas Uruguai Luiz Eduardo Garagorri derrotou Peru Humberto Bandenay Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-27) 3 5:00
Meio-Pesados Suíça Volkan Oezdemir derrotou Suécia Ilir Latifi Nocaute (Socos) 2 4:31
Médios Brasil Rodolfo Vieira derrotou Polónia Oskar Piechota Finalização (Katagatame) 2 4:26
Penas Peru Enrique Barzola derrotou Estados Unidos Bobby Moffett Decisão Dividida (28-29, 30-27 e 29-28) 3 5:00
Card Preliminar (ESPN+)
Meio-Médios Brasil Gilbert Burns derrotou Rússia Alexey Kunchenko Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28) 3 5:00
Pesados França Ciryl Gané derrotou Brasil Raphael Pessoa Finalização (Katagatame) 1 4:12
Palhas Feminino Brasil Marina Rodriguez derrotou Estados Unidos Tecia Torres Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-26) 3 5:00
Moscas Brasil Rogério Bontorin derrotou Brasil Raulian Paiva Nocaute Técnico (Interrupção Médica) 1 2:56
Galos Estados Unidos Chris Gutiérrez derrotou Brasil Geraldo de Freitas Decisão Dividida (29-28, 27-30 e 29-28) 3 5:00
Leves Brasil Alex da Silva Coelho derrotou México Rodrigo Vargas Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-27) 3 5:00
Moscas Feminino Venezuela Veronica Macedo derrotou Brasil Polyana Viana Finalização (chave de braço) 1 1:09

Nota 1 Pelo Cinturão Peso Mosca Feminino do UFC.

[7]

Bônus da Noite[editar | editar código-fonte]

Os lutadores receberam $50.000 de bônus:[8]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Jon Fuentes (19 de junho de 2019). «Valentina Shevchenko irá defender o título contra Liz Carmouche na luta principal do UFC Montevidéu» (em inglês). lowKickmma.com. Consultado em 19 de junho de 2019 
  2. Adam Guillen Jr. (18 de julho de 2019). «Problemas com o visto força Volkan Oezdemir vs Ilir Latifi ir para o UFC Uruguai» (em inglês). mmamania.com. Consultado em 19 de julho de 2019 
  3. Redactie. «Rodrigo Vargas enfrenta Alex da Silva de última hora no UFC Montevidéu» (em neerlandês). mmadna.nl. Consultado em 30 de julho de 2019 
  4. Guilherme Cruz (29 de julho de 2019). «Rachael Ostovich, Laureano Staropoli e Rafael Fiziev fora do UFC Uruguai» (em inglês). mmafighting.com. Consultado em 30 de julho de 2019 
  5. Redactie (30 de julho de 2019). «Gilbert Burns entra de última hora contra Alexey Kunchenko no UFC Montevidéu» (em neerlandês). mmadna.nl. Consultado em 30 de julho de 2019 
  6. Guilherme Cruz (29 de julho de 2019). «Taila Santos lesionada e luta no UFC Uruguai é cancelada» (em inglês). mmafighting. Consultado em 30 de julho de 2019 
  7. «UFC Fight Night: Shevchenko vs. Carmouche 2». Ultimate Fighting Championship. Consultado em 10 de agosto de 2019 
  8. Fernando Quiles Jr. (11 de agosto de 2019). «Bônus do UFC Uruguai» (em inglês). mmanews.com. Consultado em 11 de agosto de 2019 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]