Udo Jürgens

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Udo Jürgens
Nome nativo Udo Jürgens
Nascimento 30 de setembro de 1934
Klagenfurt
Morte 21 de dezembro de 2014 (80 anos)
Münsterlingen
Sepultamento Cemitério Central de Viena
Cidadania Áustria, Suíça
Progenitores Mãe:Käthe Bockelmann
Pai:Rudolf Bockelmann
Cônjuge Panja Jürgens, Corinna Jürgens
Filho(s) John Jürgens, Jenny Jürgens, Gloria Burda, Sonja Jürgens
Irmão(s) Manfred Bockelmann, John Bockelmann
Ocupação ator, cantor, compositor, pianista
Prêmios Cruz de Oficial da Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha, Pena Dourada, Anel de Honra da cidade de Viena, Romy, Condecoração de Ouro por Serviços para a Cidade de Viena, Grande Condecoração de Honra de Serviços para a República da Áustria, Prêmio Steiger, Bambi, Prêmio Amadeus de Música Austríaca, Festival Eurovisão da Canção 1966
Magnum opus Merci, Ich war noch niemals in New York
Religião ateísmo
Causa da morte Insuficiência cardíaca
Página oficial
http://www.udojuergens.de/
Assinatura
Signature Udo Jürgens.svg

Udo Jürgens, nasceu como Udo Jürgen Bockelmann (Klagenfurt, 30 de setembro de 1934Münsterlingen, 21 de dezembro de 2014) foi um compositor e cantor suiço-austríaco.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Jürgens tornou-se famoso quando venceu o Festival Eurovisão da Canção, em 1966, com a canção "Merci chérie" (Obrigado, querida). Apesar das suas músicas serem cantadas quase todas em língua alemã, ele foi conhecido não apenas nos países germanófonos, mas em toda a Europa. Certa imprensa sensacionalista tem-lhe atribuído um carácter de mulherengo e muitas mulheres reclamam que ele é pai de várias crianças. Em Setembro de 2003, o jornal Bild revelou que Jürgens casou secretamente com Corinna em Nova Iorque, em 4 de Julho de 1999.

Ao longo de sua carreira, Jürgens compôs mais de 1000 canções, muitas das quais eram de Super Hits. Ele produziu mais de 50 álbuns e vendeu mais de 100 milhões de discos. Udo Jürgens, ficou mundialmente conhecido; com a interpretação da música: " Walk Away " em 1977.[1] Em Portugal e no Brasil a sua música mais conhecida é "Verde Vinho" (Grieschicher Wein), na versão cantada por Paulo Alexandre.[2]

Ele morreu em 21 de dezembro de 2014.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]