Batalha de Caporetto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Vittorio Veneto
campanha italiana (Primeira Guerra Mundial)
Battle of Caporetto.jpg
Batalha de Caporetto
Data 24 de outubro a 9 de novembro de 1917
Local Kobarid, Eslovênia
Desfecho Derrota italiana
Combatentes
Flag of Italy (1861-1946) crowned.svg Reino de Itália Flag of Austria-Hungary (1869-1918).svg Império Austro-Húngaro
Flag of the German Empire.svg Império Alemão
Comandantes
Flag of Italy (1861-1946) crowned.svg Luigi Cadorna
Flag of Italy (1861-1946) crowned.svg Luigi Capello
Flag of Austria-Hungary (1869-1918).svg Svetozar Borojević von Bojna
Flag of the German Empire.svg Otto von Below
Forças
400 000 soldados[1] 350 000 soldados[1]
Baixas
10 000 mortos
30 000 feridos
265 000 capturados[2]
70 000 mortos ou feridos[2]

A Batalha de Caporetto (ou Batalha de Karfreit como foi chamada pelos alemães), aconteceu de 24 de outubro a 9 de novembro de 1917, no local próximo a cidade atual de Kobarid, (Eslovênia). Se confrontaram os exércitos do Império Austro-Húngaro e de seus aliados alemães contra os do Reino de Itália. Na batalha foram usadas novas estratégias alemãs para a guerra de trincheiras, desenvolvidas por Oskar von Hutier.[3]

As perdas italianas foram enormes: 11.000 mortos, 20.000 feridos e 275.000 prisioneiros. Os austro-húngaros e alemães avançaram mais de cem quilômetros em direção a Veneza, mas foram detidos no Rio Piave. Ali, os italianos reforçados por tropas francesas, britânicas e estadunidenses conseguiram estabelecer uma linha defensiva (Batalha do Rio Piave) que mais tarde serviu de apoio na Batalha de Vittorio Veneto, onde o exército austro-húngaro foi derrotado.

A batalha levou à conferência de Rapallo e à criação do Supremo Conselho da Guerra, no qual os aliados unificaram suas estratégias e melhoram as operações conjuntas.

Luigi Cadorna era o chefe das forças italianas, e após a derrota foi substituído por Armando Diaz e Pietro Badoglio.

Após a batalha, o termo "Caporetto" ganhou uma conotação na língua italiana no sentido de derrota e desastre.

A sangrenta batalha foi descrita por Ernest Hemingway em seu romance A Farewell to Arms (Adeus às Armas).

Rommel[editar | editar código-fonte]

O general alemão Erwin Rommel participou da batalha como líder de companhia e capturou 3.000 italianos. Ele brilhou na tomada do Monte Matajur, a sudoeste de Caporetto.[carece de fontes?]

Referências

  1. a b Tucker, Spencer C.. In: Spencer C.. Battles That Changed History: An Encyclopedia of World Conflict. Estados Unidos: ABC-CLIO, 11 de novembro de 2010. p. 430. ISBN 978-1-59884-429-0 Visitado em 16 de setembro de 2012.
  2. a b Tucker, Spencer C.; Roberts, Priscilla Mary. In: Spencer C.. World War I: A Student Encyclopedia. Estados Unidos: ABC-CLIO, 25 de outubro de 2005. p. 431. ISBN 1-85109-879-8 Visitado em 5 de agosto de 2012.
  3. Seth, Ronald (1965). Caporetto: The Scapegoat Battle. Macdonald. p. 147

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia (em inglês)[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Caporetto