Como Salvar Meu Casamento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde Abril de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Como Salvar Meu Casamento
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 60 minutos aproximadamente
Criador(es) Carlos Lombardi
Edy Lima
Ney Marcondes
País de origem  Brasil
Idioma original (em português)
Produção
Diretor(es) Atílio Riccó
Elenco Nicette Bruno
Adriano Reys
Wanda Stefânia
Paulo Guarnieri
Flávio Guarnieri
ver mais
Exibição
Emissora de
televisão original
Brasil Rede Tupi
Transmissão original 26 de junho de 1979 - 22 de fevereiro de 1980
N.º de episódios 140

Como Salvar Meu Casamento é uma telenovela brasileira produzida pela Rede Tupi e exibida de 26 de junho de 1979 a 22 de fevereiro de 1980 a partir às 20 horas. Escrita por Edy Lima, Ney Marcondes e Carlos Lombardi e dirigida por Atílio Riccó. Nunca teve seu final revelado.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Há 23 anos, Dorinha e Pedro vivem uma típica vida de casal classe média. Aparentemente felizes, têm a vida mudada de uma hora para outra quando Pedro conhece Branca, uma mulher mais jovem e muito bonita. Disposta a lutar, Dorinha parte em busca de soluções para salvar seu casamento.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha Sonora[editar | editar código-fonte]

  1. Cotidiano - Chico Buarque (tema de abertura)
  2. Qual é, Baiana? - Gal Costa
  3. Se Quiser Chorar Por Mim - Wando
  4. Ser Mulher - Leci Brandão
  5. Boleríssimo - Isolda
  6. Velha Cidade - Filó
  7. Paisagem - Rosinha de Valença
  8. Estou Te Acostumando Mal - Sidney Magal
  9. Solidão - Marina
  10. Espelho Quebrado - César Costa Filho
  11. Viola na Estrada - Nenê
  12. Eu Aproveito Tudo - Wildner
  13. Como? - Luís Vagner
  14. Café Concerto - Banda dos Anos 20

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • O projeto inicial do diretor Walter Avancini era de fazer uma novela inspirada em O cortiço, romance naturalista de Aluísio Azevedo, porém a censura federal proibiu a produção dessa telenovela. Avancini então apostou em um trio de autores sem experiência em TV e lançou-se na produção de "Como Salvar Meu Casamento".
  • A TV Tupi iniciou a novela sem nenhuma estrutura e com índices muito baixos de audiência no horário. Apesar das dificuldades, a novela conseguiu chamar a atenção de uma parcela do público interessada no tema. Como a novela elevou sua audiência, alcançando a liderança na Grande São Paulo, o tempo de duração dos capítulos da novela aumentou. Todavia a emissora entraria naquela que seria última crise.
  • Com o fechamento do departamento de dramaturgia da TV Tupi, Como Salvar Meu Casamento saiu do ar sem exibir aos telespectadores o desfecho de sua história, assim como Drácula, uma História de Amor, atração das 19h. Faltavam apenas vinte capítulos para o fim da novela. Para tapar o buraco na grade de programação (e sem condições de estrear uma atração inédita), a TV Tupi iniciou a reprise da novela A Viagem.
  • Foi paralisada também a produção da telenovela que substituiria "Como Salvar Meu Casamento": Maria Nazaré. A novela seria protagonizada por Eva Wilma e Carlos Augusto Strazzer, dirigida por Carlos Zara e escrita por Teixeira Filho. Uma cidade cenográfica tinha sido construída, e 32 cenas já tinham sido gravadas, mas a novela não chegou a estrear.
  • Eva Wilma fez participação especial em três capítulos.
  • Em 1995 tanto a Rede Globo quanto o SBT estavam interessados na compra de direitos dessa telenovela e fazer um remake, porém ambas as emissoras desistiram da negociação.
  • Drácula, Uma História de Amor teve melhor "sorte". Em 21 de julho de 1980, três dias após o fechamento da Tupi, a novela estrearia na Rede Bandeirantes com o título de Um Homem Muito Especial.
Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.