Mulheres de Areia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mulheres de Areia
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 50 min, aproximadamente.
Criador(es) Ivani Ribeiro
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Carlos Zara
Edson Braga
Elenco Eva Wilma
Carlos Zara
Cláudio Corrêa e Castro
Cleyde Yáconis
Gianfrancesco Guarnieri
Maria Isabel de Lizandra
Antônio Fagundes
Edgard Franco
Sílvio Rocha
Lucy Meirelles
Maria Estela
Ivan Mesquita
Rolando Boldrin
Newton Prado
Carminha Brandão
Márcia Maria
(Ver mais)
Tema de abertura "First Love" e "Last Love" - Phonoband
Exibição
Emissora de
televisão original
Brasil Rede Tupi
Transmissão original 26 de março de 1973 - 5 de fevereiro de 1974
N.º de episódios 253
Cronologia
Último
Último
A Revolta dos Anjos
Os Inocentes
Próximo
Próximo
Programas relacionados Mulheres de Areia (1993)
A Viagem
Os Inocentes
A Barba-Azul
O Espantalho

Mulheres de Areia é uma telenovela brasileira que foi produzida pela extinta Rede Tupi e exibida entre 26 de março de 1973 a 5 de fevereiro de 1974, às 20 horas, tendo 253 capítulos. Foi escrita por Ivani Ribeiro e dirigida por Edson Braga, com supervisão de Carlos Zara.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O jovem Marcos Assunção retorna à cidade litorânea de Itanhaém para auxiliar sua família nos negócios. O rapaz desperta uma paixão pela bondosa Ruth, e tem seus sentimentos correspondidos, mas acaba envolvido pela irmã gêmea de Ruth, Raquel. Filhas de pobres pescadores locais, as irmãs são gêmeas idênticas, mas de personalidades opostas. Enquanto Ruth é sincera, honesta e amorosa, e está verdadeiramente apaixonada por Marcos; Raquel é dissimulada, caprichosa e egoísta, e só ambiciona ter uma prestigiada posição social e muito dinheiro em suas mãos. Raquel percebendo que Ruth e Marcos estão apaixonados, trata de seduzir o rapaz, separando-os, e iniciando um namoro com ele, mas Raquel mantém um relação amorosa com mau caráter Wanderley, seu cúmplice. Quem percebe tudo isso é o doente mental Tonho da Lua, protegido de Ruth, por quem ele este um amor platônico, mas esconde por vergonha. Tonho, mesmo deficiente, é famoso por esculpir mulheres nas areias da praia, mas sofre com as terríveis perseguições e maldades de Raquel.

Raquel para poder casar-se com Marcos e roubar seu dinheiro, terá que enfrentar Virgílio Assunção, o pai de Marcos, que não aceita o namoro, desconfiando das intenções de Raquel com seu filho. Virgílio é um empresário prepotente e inescrupuloso, que enfrenta vários problemas dentro de sua casa, sua filha Malu, uma jovem rebelde que culpa Virgílio pela morte do seu noivo e vive para fazer da vida dele um inferno. Entretanto, Malu, conhece o vaqueiro Alaôr, que fora apaixonado por Ruth, mas perdeu as esperanças. Alaôr é um homem rude, e Malu muda seu alvo, ele tenta a todo custo domar as impetuosidades de Malu.

Enquanto isso, Ruth sofre calada com o casamento da irmã Raquel com Marcos, mesmo sabendo que Raquel está com ele por interesse, e fica muito decepcionada com ela, pois Raquel sabia que ela era e ainda é apaixonada por Marcos, e mesmo assim o conquistou. A história tem uma reviravolta quando as gêmeas sofrem um acidente de barco, e apenas uma delas é encontrada, e a outra é dada como morta. Ruth é a única resgatada do acidente e fica por algum tempo em coma, ao mesmo tempo, Tonho convence a todos de que ela é Raquel, e que Ruth morreu no acidente. Assim, depois de recuperada, Ruth aceita assumir a identidade da irmã, para poder ficar ao lado do homem que tanto ama.

No entanto, Ruth sente-se cada vez mais angustiada, pois odeia mentiras, por outro lado, ela não quer ver Marcos infeliz e aceitou fazer isso para que ele não sofresse com a morte de Raquel, pois Ruth acredita que Marcos gosta realmente de Raquel, mas o que Ruth não sabe é que Marcos é apaixonado por ela, mas todos pensam que ela morreu no acidente, o que faz Marcos sofrer demais. Mas Raquel não esta morta como todos pensam e volta à cidade, buscando vingança contra Ruth que roubou tudo que era dela, e a todos que estiverem em seu caminho.

No final, Raquel é morta assassinada por César, um mau caráter, que teve seu irmão Zé Luís morto atropelado depois que Raquel revelou para ele, que César engravidou Ruth no passado, e ela perdeu o bebê.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator Personagem
Eva Wilma Ruth Araújo
Raquel Araújo Assunção
Carlos Zara Marcos Assunção
Cláudio Corrêa e Castro Virgílio Assunção
Gianfrancesco Guarnieri Antônio "Tonho" da Lua
Cleyde Yáconis Clarita Assunção
Maria Isabel de Lizandra Malu Assunção
Antônio Fagundes Alaôr
Edgard Franco Wanderley
Sílvio Rocha Floriano Araújo
Lucy Meirelles Isaura Araújo
Ivan Mesquita Donato
Maria Estela Arlete Assunção
Rolando Boldrin Dr. César
Newton Prado Alcides Sampaio
Carminha Brandão Baby Sampaio
Márcia Maria Andréa Sampaio
Serafim Gonzalez Alemão (Walter)
Ana Rosa Alzira
Carlos Nunes Tito Belo
Analu Graci Glorinha
Liza Vieira Carola Sampaio
Umberto Magnani Zé Luís
João José Pompeo Duarte
Abrahão Farc Marujo
Adoniran Barbosa Francisco "Chico" Belo
Léa Camargo Do Carmo
Haroldo Botta Jajá
Servílio Batista Servílio
Thereza Santos Vilma
Olívia Camargo Alice
Carmem Marinho Luíza
Riva Nimitz Bebé
Sérgio Galvão Justino
Carmos Moreno João
Paulo Villaça Isidoro
Henrique Martins como promotor de justiça
Othon Bastos Dr. Otávio Galvão
Aldo César Delegado Fleury
Flávio Galvão Ricardo
Átila Iório Henrique
Paulo Guarnieri Tonho da Lua (criança)
Felipe Donavan Rodrigo Pessoa

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  1. "First Love" — Phonoband (tema de Ruth e Marcos, tema de abertura)
  2. "The Night I Got Out Of Jail" — Ten Wheel Drive (tema de Malu)
  3. "Violão Vagabundo" — Baden Powell (tema de Raquel)
  4. "Maldição" — Maria Bethânia (tema de Tonho da Lua e Alzira, de Ruth e Raquel)
  5. "Geração do Amor" — Phonoband (tema de Isaura)
  6. "O Navegante" — MPB4 (tema dos pescadores)
  7. "Last Love" — Phonoband (tema de abertura)
  8. "Beautiful" — The Isley Brothers (tema de Andréia)
  9. "Drops" — Cynthia (tema de Ruth)
  10. "Te Amo Eternamente (While We're Still Young)" — Celso Ricardo (tema de Ruth e Marcos)
  11. "A Viola e o Cantador" — Renato Teixeira (tema de Floriano)
  12. "Easy Comes, Easy Goes" — Phonoband (tema de Clarita)

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • Um dos maiores sucessos da TV Tupi, graças aos textos de Ivani Ribeiro, e no trabalho duplo de Eva Wilma, que conseguiu momentos antológicos quando as irmãs gêmeas contracenavam na mesma cena. Curiosamente, a irmã perversa, Raquel Araújo, era a que mais despertava interesse no público.
  • Em 1993, Ivani Ribeiro, reescreveu Mulheres de Areia para Rede Globo, repetindo o mesmo sucesso da original. Nesta regravação, Ivani inseriu à história central de uma outra telenovela, O Espantalho, de 1977, de sua própria autoria. Glória Pires, reviveu com sucesso igual as protagonista, que foram interpretada por Eva Wilma, nesta versão.
  • Um tema social abordado na telenovela: a alfabetização. Alzira, personagem de Ana Rosa, era apaixonada por Tonho da Lua, e era analfabeta e, como pretexto para passar mais tempo perto do amado, pediu que Tonho ensinasse à ela a ler e escrever. Então, a professora Ruth, quando soube dessa iniciativa, teve a ideia de expandir esse benefício aos pescadores que também quisessem aprender. Na época, o Governo Federal fazia um imenso alarde por conta do MOBRAL — Movimento Brasileiro de Alfabetização —, que visava erradicar o analfabetismo no país.
  • O sucesso trouxe uma grande quantidade de turistas para as praias de Itanhaém, que visitavam a cidade na esperança de acompanhar as gravações de Mulheres de Areia, e tirar fotos com os atores do elenco.
  • Serafim Gonzalez, que interpretava o personagem Alemão, era o responsável por esculpir as estátuas de rostos femininos nas areias das praias, que dão origem ao título da telenovela, e deixou esculpida uma estátua ao estilo das que eram usadas, ficando como lembrança do elenco e da equipe para a cidade litorânea de Itanhaém, de onde eram gravadas as cenas externas e onde a história era ambientada.
  • Com as denúncias que os textos apresentavam a favor dos pescadores que eram vítimas da exploração comercial, foi criada uma cooperativa reivindicatória do seus direitos na cidade de Itanhaém.
  • Carlos Zara e Serafim Gonzalez, do elenco original, também estiveram no elenco da regravação, de 1993. E, novamente Serafim Gonzales, ficou responsável por esculpir as estátuas femininas nas areias das praias.
  • Carlos Nunes e Analu Graci, que interpretavam o par romântico na telenovela - Tito e Glorinha -, externaram essa união para fora da novela e se casaram na vida real.
  • Foi reapresentada em um compacto de 3 horas de duração, em 1975. Como atração de comemoração dos 25 anos da Rede Tupi, mas exibida apenas em São Paulo.
  • Atualmente, restaram poucos capítulos da telenovela. Sobraram em torno de apenas 21 capítulos, contra 253, que se encontram na Cinemateca Brasileira, em São Paulo.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.