Coroas egípcias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrow 2.svg
Este artigo ou secção deverá ser fundido com Coroa egípcia.
Editor, considere adicionar mês e ano na marcação. Isso pode ser feito automaticamente, com {{Fusão com|....|{{subst:DATA}}}}.

(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.).
Anel do Faraó Ptolomeu VI usando a Dupla Coroa Pschent, 3a-2a aC. Os governantes Ptolomeus usavam o Pschent no Egito e em outros territórios usavam outra Coroa
Baixo-relevo do tempo de Seti I em Abidos.


As Coroas Egípcias eram símbolos de poder dos Faraós, encontrando-se, igualmente, associadas aos deuses da mitologia egípcia, apresentando diferentes formas. A palavra egípcia para designa-la era Khau.


Coroa branca ou hedjet[editar | editar código-fonte]

A coroa branca ou hedjet apresentava a forma de um longo cone, que terminava com a ponta arredondada(uma espécie de bola). Antes da Unificação do Egito, esta coroa era usada pelos Faraós do Alto Egito, que se estendia para de Mênfis a Tebas. Era um dos emblemas da deusa abutre Nekhbet, a deusa tutelar do Alto Egito

É mencionada nos Textos das Pirâmides, num episódio que narra o rei a devorá-la com o objetivo de se impregnar com o seu poder

Coroa vermelha ou decheret[editar | editar código-fonte]

A coroa vermelha era chamada em egípcio decheret ou net, estando associada à coroa do rei do Baixo Egito (o norte do país, região que correspondia ao Delta do Nilo). Era a coroa de Uadjit, deusa tutelar do Baixo Egípcio. As deusas Amonet e Neit poderiam também usar esta coroa.

Coroa dupla[editar | editar código-fonte]

A coroa dupla resultava da combinação das duas coroas anteriores. Significava o domínio sobre as Duas Terras, ou seja, sobre o Alto Egito e o Baixo Egito. A coroa vermelha poderia sobrepor-se à branca ou vice-versa, conforme a região do Egipto que se queria enfatizar.

Atef[editar | editar código-fonte]

Assemelhava-se à coroa branca, possuindo um disco solar e duas plumas de avestruz colocadas uma em cada lado. Esta coroa era usada pelos deuses Osíris, Sokar, Tot, entre outros. O deus Geb usava um coroa atef sobre uma coroa vermelha.


Kheprech[editar | editar código-fonte]

Esta coroa pode ser descrita como uma espécie de "capacete" azul, decorada com pequenos círculos dourados.

É por vezes descrita como uma "coroa de guerra", mas esta designação é enganosa pois ela não era usada pelo faraó em batalhas, mas em cerimonias militares. Pensa-se que estava relacionada com a energia que seria necessária ao faraó para governar o país e que se acreditava pode ser conseguida se ele a usasse. Surge em inúmeras representações reais da época do Império Novo.

Hemhemet ou atefu[editar | editar código-fonte]

Era constituída por três coroas atef justapostas. Cada uma destas coroas tinha um disco solar, duas penas de avestruz laterais e dois uraeus.

Referências[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coroas egípcias
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coroas egípcias
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coroas egípcias
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coroas egípcias
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coroas egípcias