Gao Xingjian

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gao Xingjian Medalha Nobel
Nascimento 4 de janeiro de 1940 (74 anos)
Ganzhou
Nacionalidade República Popular da China Chinês
Cidadania França Francês
Ocupação Escritor
Prêmios Nobel prize medal.svg Nobel de Literatura (2000)

Gao Xingjian (chinês: 高行健, pinyin: Gāo Xíngjiàn) (Ganzhou, 4 de janeiro de 1940) é um novelista, dramaturgo e crítico literário francês de origem chinesa. Também é um tradutor, sobretudo das obras de Samuel Beckett e Eugène Ionesco, além de se dedicar à pintura.

Gao Xinjian nasceu na cidade chinesa de Ganzhou, e cresceu em Taizhou, cidade da província de Jiangsu. Gao Xinjian naturalizou-se francês em 1997.

Foi agraciado com o Nobel de Literatura de 2000, por "uma obra de valor universal, de uma lucidez amarga e uma ingenuidade linguística que abriram novos caminhos para o romance e o teatro chineses".[1]

Livros publicados em Portugal[editar | editar código-fonte]

  • A Montanha da Alma, Dom Quixote (2002)
  • Uma Cana de Pesca para o Meu Avô, Dom Quixote (2001)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Gao Xingjian
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gao Xingjian
Precedido por
Günter Grass
Nobel de Literatura
2000
Sucedido por
Vidiadhar Naipaul
Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.