James L. Brooks

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de James Laurence Brooks)
Ir para: navegação, pesquisa
James L. Brooks
Brooks em Springfield, Vermont, durante a estreia de The Simpsons Movie, julho de 2007.
Nome completo James Lawrence Brooks
Nascimento 9 de maio de 1940 (73 anos)
Nova Iorque, Nova Iorque,
 Estados Unidos
Ocupação Diretor
Roteirista
Produtor de cinema e televisão
Cônjuge Marianne Catherine Morrissey (1964–1972)
Holly Holmberg Brooks (1978–1999)
Atividade 1965–presente
Oscares da Academia
Melhor Filme
1984 – Terms of Endearment
Melhor Diretor
1984 – Terms of Endearment
Melhor Roteiro Adaptado
1984 – Terms of Endearment
Emmy Awards
Melhor Roteiro em Série de Comédia
1971 – The Mary Tyler Moore Show
1977 – The Mary Tyler Moore Show
Melhor Série de Comédia
1975 – The Mary Tyler Moore Show
1976 – The Mary Tyler Moore Show
1977 – The Mary Tyler Moore Show
1979 – Taxi
1980 – Taxi
1981 – Taxi
Melhor Programa de Variedade, Música ou Comédia
1989 – The Tracey Ullman Show
Melhor Roteiro em Programa de Variedade ou Música
1990 – The Tracey Ullman Show
Melhor Programa de Animação (Para Programas de Uma Hora ou Menos)
1990 – The Simpsons
1991 – The Simpsons
1995 – The Simpsons
1997 – The Simpsons
1998 – The Simpsons
2000 – The Simpsons
2001 – The Simpsons
2003 – The Simpsons
2005 – The Simpsons
2008 – The Simpsons
Prêmios Globo de Ouro
Melhor Roteiro
1984 – Terms of Endearment
IMDb: (inglês) (português)

James Lawrence Brooks (Nova Iorque, 9 de maio de 1940) é um diretor, roteirista e produtor de cinema e televisão norte-americano. Crescendo em North Bergen, Nova Jérsei, Brooks passava seu tempo lendo e escrevendo. Depois de sair da Universidade de Nova Iorque, ele consenseguiu um emprego como arrumador na CBS, posteriormente passando a escrever para a CBS News. Ele mudou-se para Los Angeles em 1965, trabalhando nos documentários de David L. Wolper. Após ser demitido, Brooks conheceu o produtor Allan Burns, que lhe arranjou um emprego como roteirista na série My Mother the Car.

Brooks escreveu para vários programas antes de ser chamado para trabalhar em My Friend Tony, mais tarde criando Room 222. Grant Tinker contratou Brooks e Burns na MTM Enterprises para criar The Mary Tyler Moore Show em 1970. O programa, um dos primeiros a ter uma mulher trabalhadora independente como protagonista, foi um enorme sucesso e ele venceu vários Primetime Emmy Awards. Brooks e Burns acabariam pro criar dois spin-offs de Mary Tyler Moore: Rhoda (uma comédia) e Lou Grant (um drama). Ele deixou a MTM em 1978 para co-criar Taxi que, apesar de ter vencido vários Emmys, sofreu de baixos índices de audiências e foi cancelada em duas ocasiões.

Brooks então chegou ao cinema escrevendo e co-produzindo Starting Over em 1979. Seu projeto seguinte foi o aclamado Terms of Endearment, que ele produziu, escreveu e dirigiu, vencendo um Oscar por todas as posições. Baseando-se em suas experiências como jornalista, ele realizou Broadcast News, recebendo outras duas indicações ao Oscar. Seus filmes seguintes foram I'll Do Anything e As Good as It Gets. Após sete anos, ele voltou ao cinema com Spanglish. Seus sexto filme, How Do You Know, foi lançado em 2010. Brooks também produziu Say Anything... e Bottle Rocket.

Apesar de não ter planejado, Brooks voltou para a televisão em 1987 como produtor de The Tracey Ullman Show. Ele contratou o cartunista Matt Groening para criar uma série de curtas para o programa, que eventualmente levou a criação de The Simpsons em 1989. A série venceu inúmeros prêmios e ainda está sendo exibida. Brooks também co-produziu e co-escreveu em 2007 a adaptação cinematográfica do programa, The Simpsons Movie. No total, Brooks já foi indicado 47 vezes ao Emmy, vencendo em vinte ocasiões.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em 1987 o Chicago Sun-Times descreveu a carreira de Brooks como Crescendo sem Parar. Embora tendo se formado em relações publicas, ele é um dos maiores produtores televisivos da historia, começou trabalhando como assistente de Allan Burns, e acabou sendo contratado pela MTM Productions onde sua carreira deslanchou, foi aclamado com vários prêmios, dentre eles 19 Emmy Awards, o maior vencedor do premio da historia. Os prêmios foram nove para Os Simpsons, tres para Taxi, cinco para The Mary Tyler Moore Show, e dois para The Tracey Ullman Show.

Mas a sua obra prima foi a série de animação Os Simpsons uma serie de grande sucesso televisivo, pela qual ele foi produtor executivo e roteirista da serie animada de maior sucesso no mundo, vencedora de diversos prêmios Emmy e no ar a mais de 20 anos, a serie deu grande prestigio para Brooks além de marcar a volta do cineasta para a TV, pela qual estava afastado por quase 10 anos.

Em 1983, veio seu segundo filme Laços de Ternura, o filme levou quatro anos para ser filmado com um orçamento de 8,5 milhões, o filme também foi o maior sucesso de sua carreira, lhe rendeu o Oscar de melhor diretor, Oscar de melhor filme, e o Oscar de melhor roteiro adaptado.

Brooks tinha medo da atenção que o Oscar traria para ele como "privado de um perfil baixo", e achando "difícil trabalhar com os holofotes brilhando em seus olhos."

Após o sucesso de Laços de Ternura, Brooks lançou Broadcast News que recebeu criticas positivas e lhe deu mais indicações ao Oscar e I'II do anything que receberam criticas medianas, foi então que ele lançou As good as it gets filme que lhe rendeu mais duas nomeações ao Oscar na categoria de Oscar de melhor filme, e o Oscar de melhor roteiro original e rendeu o Oscar de melhor atriz para Helen Hunt e o Oscar de melhor ator para Jack Nicholson.

Brooks ficou afastado do cinema por sete anos até o lançamento de Spanglish, que ele dirígio e escreveu, ele optou por Adam Sandler no papel principal, por que ele queria ver Sandler em uma atuação mais dramática ao invés de mais uma comédia familiar, tipica do ator.

Após Spanglish em 2007 veio The Simpsons Movie, Brooks foi o produtor e roteirista do filme, que foi aclamado pela critica, e rendeu vários outros prêmios para Brooks. Em 2011 veio How Do You Know, que ele foi produtor, roteirista e diretor, o filme recebeu criticas negativas e teve uma fraca bilheteria, muitos críticos já o consideram o pior da carreira de Brooks. Brooks também produzio diversos filmes, dentre eles os sucessos Big e Jerry Maguire, este ultimo ele produziu junto com Cameron Crowe.

Filmes[editar | editar código-fonte]

Ano Filme Cargo Notas
1979 Starting Over Produtor
Roteirista
1983 Laços de Ternura Diretor
Produtor
Roteirista
1987 Broadcast News Diretor
Produtor
Roteirista
1988 Big Produtor
Say Anything... Produtor Executivo
1994 I'll Do Anything Diretor
Produtor
Roteirista
1996 Jerry Maguire Produtor
1997 As Good as It Gets Diretor
Produtor
Roteirista
2004 Espanglês Diretor
Produtor
Roteirista
2007 The Simpsons Movie Produtor
Roteirista
2010 How Do You Know Diretor
Produtor
Roteirista

Ligações externas[editar | editar código-fonte]