Jerónimo de Sousa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jerónimo de Sousa.jpg

Jerónimo Carvalho de Sousa (Santa Iria de Azoia, 13 de Abril de 1947) é um operário metalúrgico e político português.

Nasceu na aldeia de Pirescoxe, pertencente à freguesia de Santa Iria de Azoia, concelho de Loures, onde ainda hoje reside. É filho de António de Sousa e de Olímpia Jorge Carvalho,[1] Jerónimo de Sousa frequentou o antigo Curso Industrial e começou a trabalhar aos catorze anos, como afinador de máquinas na MEC - Fábrica de Aparelhagem Industrial. Foi delegado sindical nessa fábrica, chegando à Direcção do Sindicato dos Metalúrgicos de Lisboa, em 1973. Aderiu ao PCP em 1974, na sequência da Revolução dos Cravos, e chegou ao Comité Central em 1979. Foi deputado à Assembleia Constituinte, de 1975 a 1976, e várias vezes eleito para a Assembleia da República, entre 1976 e 1992 e, de novo, em 2002, pelo Círculo de Setúbal. Em 1996 foi candidato a Presidente da República, tendo desistido a favor do candidato socialista, Jorge Sampaio. É secretário-geral do Partido Comunista Português, desde 27 de Novembro de 2004.

Candidaturas presidenciais[editar | editar código-fonte]

Eleições de 1996[editar | editar código-fonte]

(ver Artigo principal)

Candidato votos  %
Jorge Sampaio 3.035.056
54%
Cavaco Silva 2.595.131
46%
Jerónimo de Sousa desistiu --
Alberto Matos desistiu --
Abstenção 2.930.658
34%

Eleições de 2006[editar | editar código-fonte]

(ver Artigo principal)

Candidato votos  %
Cavaco Silva 2.746.689
51%
Manuel Alegre 1.125.077
21%
Mário Soares 778.781
14%
Jerónimo de Sousa 466.507
9%
Francisco Louçã 288.261
5%
Garcia Pereira 23.622
0%
Abstenção 3.303.972
37%

Jerónimo de Sousa foi o único candidato a vencer um distrito a Cavaco Silva, o de Beja, e o segundo candidato a vencer mais concelhos (16), atrás de Cavaco Silva.

Citações[editar | editar código-fonte]

Nós acompanhamos e empenhamo-nos no vasto movimento antiglobalização capitalista, na luta contra o neoliberalismo e a guerra, respeitando e estimulando a sua diversidade. Mas julgamos que a existência e participação de Partidos Comunistas, de Partidos de classe, nesse vasto movimento não é só um bem para estes partidos mas um bem para a esquerda e para as forças progressistas que o integram, na medida em que consideramos que a questão da luta de classes continua a ser a grande questão da nossa época contemporânea.
Jerónimo de Sousa, XVII Congresso do PCP

Notas

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Jerónimo de Sousa
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Jerónimo de Sousa


Precedido por
Carlos Carvalhas
Secretário-Geral do
Partido Comunista Português

2004 -
Sucedido por
'