Sino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sino

Um sino é um dispositivo simples de produzir som. É um instrumento de percussão e um idiofone. A sua forma é aproximadamente um cone oco que ressoa ao ser golpeado.

O instrumento de percussão pode ser uma lingueta suspensa dentro do sino, (também se usam os nomes "badalo" para a lingueta interna, ou "martelo", quando é uma peça que bate o sino por fora), de uma esfera pequena, livre, incluída dentro do corpo do sino, ou de um malho separado.

Os sinos são feitos geralmente de bronze, mas os sinos pequenos podem também ser feitos de cerâmica ou de vidro.

Os sinos podem ser de todos os tamanhos: dos acessórios minúsculos do vestido aos sinos da igreja que pesam toneladas. Um sino muito famoso é o Liberty Bell, que está em Filadélfia, nos EUA.

O maior sino já fundido em bronze é o Tsar Kolokol, exposto atualmente no Kremlin de Moscovo, capital da Rússia.

O mais antigo sino do mundo de expressão oficial portuguesa foi identificado na vila de Coruche, Portugal, datando de 1287.

Sinos da Igreja do bonfim, em Pirenópolis, da metade do século XVIII. Neles estão o selo real de Dom Pedro II.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • SEBASTIAN, Luís. História da Fundição Sineira em Portugal: do Sino Medieval da igreja de São Pedro de Coruche à actualidade. Coruche: Museu Municipal, 2008. Extracto da obra

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Sino


Ícone de esboço Este artigo sobre um Instrumento musical é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.