Aeroporto de Bom Jesus da Lapa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde agosto de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Airport symbol civil.png
Bom Jesus da Lapa
Aeroporto Regional de Bom Jesus da Lapa
IATA: LAZ - ICAO: SBLP
Características
Tipo Público
Administração INFRAERO
Serve Bom Jesus da Lapa
Localização Brasil Bom Jesus da Lapa, BA
Inauguração 23 de junho de 1955 (61 anos)
Coordenadas 13° 15' 41" S 43° 24' 27" O
Altitude 443 m (1 453 ft)
Movimento de 2011
Passageiros 553 Passageiros
Carga 87 Kg
Aéreo 132 Decolagens
Mapa
SBLP está localizado em: Brasil
SBLP
Localização do aeroporto no Brasil
Pistas
Cabeceira(s) Comprimento Superfície
18 / 36 1 211 m (3 973 ft) Asfalto
Notas
Dados da FAB[1] e da ANAC[2]

O Aeroporto de Bom Jesus da Lapa (IATA: LAZ - ICAO: SBLP) está localizado no município de Bom Jesus da LapaBahia, em perímetro urbano, totalmente envolvido por loteamentos e reduzidas as possibilidades de expansão. O Aeroporto serve Bom Jesus da Lapa e cidades vizinhas. A topografia do entorno é levemente acidentada e, apesar da presença de um morro nas imediações, não chega a constituir obstáculos às operações aéreas. Sua pista asfáltica é sinalizada com operação diurna e noturna. Sua pista possui 1210m de comprimento, por 30m de largura, e terminal de passageiros medindo 241,80 m². O Aeroporto de Bom Jesus da Lapa contava apenas com uma Companhia Aérea, a Abaeté Linhas Aéreas, com linhas para: Salvador e Guanambi em 5 frequências semanais. Para o terminal estão previstos a revitalização da pista pouso e decolagem, pista de ligação e pátio de estacionamento de aeronaves com aplicação de lama asfáltica média; construção de muro do serviço de contra-incêndio; e sinalização horizontal. O complexo tem área patrimonial de 55,38 hectares e 443m de Altitude. O aeroporto está próximo a rodoviária, há uma distância equivalente a 200m.

História[editar | editar código-fonte]

No passado, outras companhias aéreas como a VARIG, Nordeste Linhas Aéreas, Real Aerovias e outras mantinham vôos regulares para esta cidade, sendo utilizada por turistas, pelos habitantes, políticos e demais autoridades. Hoje, apenas 5 voos semanais e alguns voos particulares para Brasília e outros destinos movimentam o aeroporto. Tem capacidade para decolagens e aterrisagens de aviões de pequeno porte, como monomotores, E-110 Bandeirantes, Embraer 120 Brasília e aeronaves de porte semelhante. Há no local alguns obstáculos à operação, como vegetação, cercas e edificações. O aeródromo é de propriedade do Governo do Estado da Bahia, administrado pela Infraero. Há uma proposta para a construção de um novo aeroporto em uma outra área, mas infelizmente ainda se encontra no papel. Este chegou até receber equipamentos para controle de tráfego aéreo, mas nenhuma construção ainda foi iniciada. Este terá capacidade para aviões da família de grande porte, como Airbus, Boeing e semelhantes e por ventura abrirá portas para outras companhias aéreas operarem.

Reforma[editar | editar código-fonte]

É um dos 20 aeroportos da Bahia incluídos no PDAR - Plano de Desenvolvimento da Aviação Regional, criado em 2012, do Governo Federal, que visa construir e/ou reformar num total de 270 aeroportos em todo o país.[3]

Companhias Aéreas e Destinos[editar | editar código-fonte]

Companhia Aérea Destinos

Referências

  1. «Publicação Auxiliar de Rotas Aéreas (ROTAER)» (PDF). Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA). 2016. Arquivado desde o original (PDF) em 1 de outubro de 2016. Consultado em 1 de outubro de 2016. 
  2. «Dados Estatísticos». Agência Nacional de Aviação Civil. 2015. Arquivado desde o original (XLSB) em 2 de outubro de 2016. Consultado em 2 de outubro de 2016. 
  3. Mapa da aviação Regional da Bahia