Aeroporto de Caruaru

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Aeroporto de Caruaru - Oscar Laranjeira
Aeroporto
IATA: CAU - ICAO: SNRU
Características
Tipo Público
Administração Governo do Estado
Serve Caruaru e Agreste de Pernambuco
Inauguração Inaugurado em 1985 e Janeiro de 2006 (Reformado).
Coordenadas 8° 16' 56" S 36° 0' 48" O
Altitude 576 m (1 890 ft)
Mapa
CAU está localizado em: Brasil
CAU
Localização do aeroporto no Brasil
13/31 1 800 m (5 906 ft) Asfalto
Pistas
Cabeceira(s) Comprimento Superfície

13/ 31


O Aeroporto Oscar Laranjeira, também conhecido como Aeroporto de Caruaru (ICAO: CAU - IATA: SNRU), localizado no município de Caruaru (Pernambuco). Atualmente está inoperante, mas recebeu propostas da Azul linhas aéreas e também da Gol linhas aéreas para operar com voos comerciais num futuro próximo.

Durante alguns anos, a BRA Transportes Aéreos realizou voos comerciais no aeroporto, mas devido a empresa ter vindo a falência, essas operações foram canceladas. No dia 14 de junho de 2010 recomeçou o movimento regular, com a entrada em operação da NOAR Linhas Aéreas. A GOL relacionou Caruaru na sua malha, operando através de acordo com a NOAR.

Com reformas do aeroporto e novas rotas comerciais, a região do agreste Pernambucano, que tem Caruaru como cidade polo e beneficiará cerca de 1,7 milhões de habitantes, poderão ter uma segunda opção além de Recife para operar com novos voos.

Em fevereiro de 2017 uma empresa de manutenção de aeronaves de pequeno porte foi alvo de bandidos que tiveram acesso ao aeroporto através de um buraco no muro.[1]

Reforma[editar | editar código-fonte]

Caruaru está no plano de aviação regional, com um projeto pronto, esperando apenas a liberação da verba para execução. após ocorrido isso, o aeroporto deverá ser totalmente reformado e ganhar um novo terminal de passageiros.

O aeroporto precisa de reformas nos muros, que estão bastante danificados, precisa de uma boa reforma no terminal de passageiros, e também de alguns outros ajustes em toda a estrutura. Mas se tratando de Pista, balizamento noturno, pista de taxiamento, pátio de aeronaves, estão em ótimo estado.

O aeroporto também conta com uma seção contra-incêndio, totalmente equipada com 2 caminhões de bombeiros.

Durante a visita ao Aeroporto de Serra Talhada, que ocorreu em 3 de janeiro de 2017, do Governo do Estado de Pernambuco e de membros da Azul Linhas Aéreas, foi informado pelo Governo de Pernambuco que os aeroportos de Araripina, Caruaru, Garanhuns e Serra Talhada estão na lista para receber melhorias ao longo do ano de 2017 e primeiro semestre de 2018.

Ligações Aéreas e Destinos[editar | editar código-fonte]

Atualmente nenhuma empresa aérea comercial atua no aeroporto. A Azul Linhas Aéreas já demonstrou interesse em operar no local. Caruaru até está nos planos da empresa, mas é preciso que reformas sejam feitas no aeroporto para atender as exigências.

A Gol linhas aéreas, incluiu o aeroporto de caruaru em um plano de aviação regional que se estende até o ano de 2021. Havendo reformas no aeroporto, a cia aérea pretende operar com voos regulares na cidade.

Ligações Aéreas Antigas[editar | editar código-fonte]

Companhia Aérea Situação
Brasil BRA Transportes Aéreos Falida
Brasil NOAR Linhas Aéreas Falida

Escola de Aviação[editar | editar código-fonte]

O aeroporto possui uma escola de aviação, chamada "Brasflight" uma oficina homologada pela ANAC, "Aero Espina" e a fabricante de hélices e Aeronaves "Rupert". Atualmente o Oscar Laranjeira tem a média de cerca de 1000 operações mensais, entre pousos e decolagens de aeronaves de instrução e particular.

Características[editar | editar código-fonte]

  • Terminal de passageiros:
  • Piso: Asfalto
  • Sinalização:
  • Pista: 13 – L12 – (1800 x 30 ASPH 30/F/A/X/U L14, 15) – L12 – 31

Incidentes aéreos[editar | editar código-fonte]

Em junho de 2000, um Fokker 100 da TAM (primeiro voo não fretado) afundou no piso do pátio das aeronaves. O piso cedeu com o peso da aeronave, devido à existência de um lençol freático sob o lado esquerdo da pista de estacionamento. Os passageiros ficaram mais de uma hora para desembarcar.

Em fevereiro de 2002, o piso do pátio, não suportou o peso do Boeing 737-300 da BRA Transportes Aéreos e cedeu, frustrando os 41 passageiros que fariam o primeiro voo comercial sem escalas entre Caruaru e São Paulo.

Referências[editar | editar código-fonte]

[1] Mapa da Aviação Regional de Pernambuco

[2] Azul quer operar voos em Caruaru (set/14)

[3] O Aeroporto de Caruaru poderá funcionar até o final do ano, declarou Douglas Cintra (fev/15)

[4] Prefeito de Caruaru se reúne com Banco do Brasil para discutir reforma do aeroporto da cidade (fev/15)

[5] Ministro promete colocar em operação o aeroporto de Caruaru (fev/15)

[6] Licitação de obras do aeroporto de Caruaru ocorre no 2º semestre, diz a Cintra o ministro da Aviação (fev/15)

[7] Secretaria investe R$ 78,2 milhões na compra de caminhões de combate a incêndio (jun/15)

[8] Presidente da Azul anuncia novidades para Pernambuco (jun/15)

[9] Pernambuco assina acordo com a Azul Linhas Aéreas e garante rotas para Caruaru e Serra Talhada (fev/16)

[10] Aeroportos de Caruaru, Garanhuns e Araripina na lista para receber investimentos (jan/17)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  1. «Aeroporto de Caruaru apresenta sinais de abandono | NE10». ne10.com.br. Consultado em 5 de julho de 2017