Daniele Suzuki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Daniele Suzuki
Daniele Suzuki no Paraná Business Collection 2007.
Nascimento 21 de setembro de 1977 (39 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade Brasileira
Ocupação Atriz
Apresentadora de televisão
Diretora
Produtora
Atividade 1998-presente
Cônjuge Fábio Novaes (2011-2013)[1]
IMDb: (inglês)

Daniele Suzuki (Rio de Janeiro, 21 de setembro de 1977), também conhecida como Dani Suzuki, é uma atriz e apresentadora de televisão brasileira.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Daniele Suzuki nasceu na cidade do Rio Janeiro, capital do estado homônimo, em 21 de setembro de 1977.[3] Descendente de japoneses, alemães, italianos e indígenas,[4] é filha de Hiroshi Suzuki, engenheiro, e Ivone Suzuki, professora.[5] Daniele Suzuki é a segunda filha do casal, tendo como irmã Alessandra Suzuki, bailarina e um ano mais velha que Daniele.[6] Durante sua infância, viveu com a família no bairro carioca do Grajaú, até seus quatorze anos de idade e estudou em escolas privadas. Em uma parte de sua adolescência e juventude, Daniele Suzuki viveu no Flamengo.[7] Daniele tem 1,65 m de altura[8] e é formada em desenho industrial pela PUC.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Em 13 de abril de 2011, Daniele se casou com o empresário Fábio Novaes em uma cerimônia na ilha de Maui, no Havaí.[9] Em 13 de junho de 2011 nasceu o primeiro filho do casal, Kauai. Separaram-se em 2013. Atualmente, namora o ator Nikolas Antunes.[10]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Seu primeiro comercial foi para Coca-Cola em 1987. Começou a carreira na televisão na novela Uga Uga, na Rede Globo. Em 2002 participou do seriado Sandy e Junior.

Em 2003 interpretou a japonesa "Miyuki", na telenovela adolescente Malhação. Ficou no seriado teen até a metade da temporada de 2005[11].

Ainda em 2005, atuou na telenovela Bang Bang, no papel da personagem Yoko Bell.[12]

Como apresentadora, esteve à frente do programa Mandou Bem, no canal a cabo Multishow. Comandou o programa Tribos, na mesma emissora, e esteve no ar na novela Ciranda de Pedra, na faixa das 18h da Globo. Foi a segunda colocada no quadro "Dança no Gelo 2" do Domingão do Faustão. Enquanto atuou na novela Pé na Jaca, em 2007, fez um ensaio sensual para o site Paparazzo. Interpretou a médica Ellen na telenovela Viver a Vida, da Rede Globo, e também apresentou o programa Pé no Chão, do Multishow.

Em 2014, Suzuki voltou ao seriado Malhação, mas dessa vez na pele da professora Roberta.[13]

Dani estava cotada para ser uma das protagonistas da próxima novela de Walther Negrão que está prevista para estrear em agosto de 2016,[14] porém a atriz acabou perdendo o papel para a Jacqueline Sato e ainda poderá estar na novela com um outro personagem.[15]

Ela participa de campanhas e comerciais da operadora TIM.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Daniele Suzuki no Campus Party Brasil, 18 de fevereiro de 2008.
Ano Título Papel Notas
2015 The Voice Brasil Ela mesma Apresentadora (bastidores)
2014 Malhação Roberta Fraga [16]
2013 Vai Que Cola Charlatananda
Vamos Rachar? Ela mesma Apresentadora
2012 Cheias de Charme Ela mesma participação especial
The Voice Brasil Ela mesma Apresentadora (bastidores)
2010 Pé no Chão Ela mesma Apresentadora
Episódio Especial Ela mesma
Diversão & Cia Keila Especial de Final de Ano
2009 Viver a Vida Ellen Murakami Moreira
2008 Ciranda de Pedra Alice/Amélia
2007 Conexão Xuxa Ela mesma
2006 Os Caras de Pau Ela mesma
Dança no Gelo Ela mesma
Pé na Jaca Rosa Tanaka
Tribos Ela mesma Apresentadora
2005 Cilada Aninha Episódio: Praia
Bang Bang Yoko Bell
Mandou Bem Ela mesma Apresentadora[17]
2004 Demorô Ela mesma Apresentadora[18]
2003 Destino Verão Ela mesma Apresentadora[19]
2003-2005 Malhação Miyuki Shimahara (10.ª, 11.ª e 12.ª temporada)[20]
2002 Sandy & Junior Yoko [21]
2001 Malhação Lúcia
Estrela-Guia Bianca [22]
2000 Uga Uga Sarah [23]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Filme Personagem/Cargo
2000 Sabor da Paixão Yoko
2002 Avassaladores Namorada de Thiago
2007 Surpresa Maya
2008 O Guerreiro Didi e a Ninja Lili Yolanda
2009 Os Normais 2 - A Noite Mais Maluca de Todas Zoé
2011 Malu de Bicicleta Asuka
2015 Vai Que Cola - O Filme Ela mesma[24]
2016 Pulso Diretora/ Produtora

Musicais[editar | editar código-fonte]

Período Peça Personagem
1998 Power Of Imagination Disney Fa Mulan
2003 O Rouxinol do Imperador Ming Su

Prêmios & Indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Festival Trabalho Notas
2006 Melhor Dança Melhores do Ano dançarina Venceu[25]
2006 Dança do gelo Domingão do Faustão dançarina Indicado
2009 Melhor atriz coadjuvante Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Zoé Indicado[26]

Referências

  1. «Daniele Suzuki diz que viveu luto ao se separar durante a amamentação». uol. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «Daniele Suzuki». gente.ig.com.br. Consultado em 30 de março de 2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Daniele Suzuki». Quem. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. «Daniele Suzuki». Museu da TV. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. «Daniele Suzuki». IG. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. «Suzuki poderosa». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  7. «"Não passei fome porque sempre tive amigos"». Quem. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  8. Só, Pedro (18 de setembro de 2015). «Dani Suzuki, a garota dourada». Revista VIP. Consultado em 19 January 2016. Mais alta do que muitos imaginam (1,65 metro), corpo forjado pelo balé clássico, Daniele Suzuki tem...  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  9. «Daniele Suzuki está grávida, diz jornal». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  10. «Dani Suzuki passeia de mãos dadas com o namorado Nikolas Antunes». Ego. Consultado em 15 de fevereiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  11. «Daniele Suzuki se despede nesta 2ª de "Malhação"». Terra. 11 de julho de 2005. Consultado em 3 de dezembro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  12. «"Minha personagem 'caiu' para a comédia", diz Daniele Suzuki». Terra. 19 de março de 2006. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  13. «Roberta | Personagens | Gshow». Gshow. Consultado em 17 de agosto de 2015 
  14. «Dani Suzuki vai protagonizar novela de Walther Negrão». Notícias de TV. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  15. Thiago Forato (25 de maio de 2016). «Jacqueline Sato substitui Daniele Suzuki em "Sol Nascente"». Na Telinha. Consultado em 25 de maio de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  16. Gshow (18 de maio de 2014). «Tentação do bairro! Dani Suzuki viverá professora gata na próxima Malhação». Malhação em Construção - Malhação 2014. Consultado em 18 de maio de 2014 
  17. «Daniele Suzuki traz os melhores momentos do Mandou Bem». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  18. «Daniele Suzuki sobre o The Voice Brasil: 'Volta e meia meus olhos enchem de água'». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  19. «Em 'Viver a Vida', Daniele Suzuki definitivamente abandona o quimono». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  20. «Em Malhação, Cabeção e Miyuki estão "in love"». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016 
  21. «Confira por onde andam os atores do seriado 'Sandy & Junior'». Terra. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  22. «DANI SUZUKI». twogether. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  23. «FICHA TÉCNICA». Memória Globo. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  24. «Divulgado primeiro teaser do longa 'Vai que cola - O filme'». Correio Brasiliense. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  25. «Melhores do Ano: Confira todos os vencedores das 16 edições do prêmio». Gshow. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  26. «OS NORMAIS 2 – A NOITE MAIS MALUCA DE TODAS». Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Consultado em 18 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]