Grande Prêmio da Rússia de 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grande Prêmio da Rússia de F-1 2018
Circuit Sochi.svg
Grande Prêmio da Rússia de 2018.
Detalhes da corrida
Data 30 de setembro de 2018
Nome oficial Formula 1 2018 VTB Russian Grand Prix
Local Circuito de Sochi, Sochi, Krai de Krasnodar, Rússia
Total 53 voltas / 309,732 km
Pole
Piloto
Finlândia Valtteri Bottas Mercedes
Tempo 1:31.387
Volta mais rápida
Piloto
Finlândia Valtteri Bottas Mercedes
Tempo 1:35.861 (na volta 50)
Pódio
Primeiro
Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes
Segundo
Finlândia Valtteri Bottas Mercedes
Terceiro
Alemanha Sebastian Vettel Ferrari

Grande Prêmio da Rússia de 2018 (formalmente denominado Formula 1 2018 VTB Russian Grand Prix) é a décima sexta etapa da temporada de 2018 da Fórmula 1. Foi disputada em 30 de setembro de 2018 no Circuito de Sochi, Sochi, Krai de Krasnodar, Rússia.[1]

Relatório[editar | editar código-fonte]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Treino Classificatório[editar | editar código-fonte]

Q1

Eliminados: Brendon Hartley (Toro Rosso), Fernando Alonso (McLaren), Sergey Sirotkin (Williams), Stoffel Vandoorne (McLaren) e Lance Stroll (Williams).

Q2

Eliminados: Max Verstappen (Red Bull), Daniel Ricciardo (Red Bull), Pierre Gasly (Toro Rosso), Carlos Sainz Jr. (Renault) e Nico Hülkenberg (Renault).

Q3


Grid de Largada

Corrida[editar | editar código-fonte]

Resultado da corrida

Pneus[editar | editar código-fonte]

Os compostos de pneus fornecidos pela Pirelli para este Grande Prêmio[2]
Nome do composto Cor Banda de rolamento Condições de Tempo Dry Type Aderência Longevidade
Hiper Macio F1 tire Pirelli PZero Pink.svg Slick
(P Zero)
Seco Hypersoft Mais aderência Menos durável
Ultra Macio F1 tire Pirelli PZero Purple.svg Slick
(P Zero)
Seco Ultrasoft Médio Médio
Macio F1 tire Pirelli PZero Yellow.svg Slick
(P Zero)
Seco Soft Médio Médio

Resultados[editar | editar código-fonte]

Treino Classificatório[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Q1 Q2 Q3 Grid
1 77 Finlândia Valtteri Bottas Alemanha Mercedes 1:32.964 1:32.744 1:31.387 1
2 44 Reino Unido Lewis Hamilton Alemanha Mercedes 1:32.410 1:32.595 1:31.532 2
3 5 Alemanha Sebastian Vettel Itália Ferrari 1:33.476 1:33.045 1:31.943 3
4 7 Finlândia Kimi Räikkönen Itália Ferrari 1:33.341 1:33.065 1:32.237 4
5 20 Dinamarca Kevin Magnussen Estados Unidos Haas-Ferrari 1:34.078 1:33.747 1:33.181 5
6 31 França Esteban Ocon Reino Unido Racing Point-Mercedes 1:34.290 1:33.596 1:33.413 6
7 16 Mónaco Charles Leclerc Suíça Sauber-Ferrari 1:33.924 1:33.488 1:33.419 7
8 11 México Sergio Pérez Reino Unido Racing Point-Mercedes 1:34.084 1:33.923 1:33.563 8
9 8 França Romain Grosjean Estados Unidos Haas-Ferrari 1:34.022 1:33.517 1:33.704 9
10 9 Suécia Marcus Ericsson Suíça Sauber-Ferrari 1:34.170 1:33.995 1:35.196 10
11 33 Países Baixos Max Verstappen Áustria Red Bull-TAG Heuer 1:33.048 S/Tempo 19 1
12 3 Austrália Daniel Ricciardo Áustria Red Bull-TAG Heuer 1:33.247 S/Tempo 18 2
13 10 França Pierre Gasly Itália Toro Rosso-Honda 1:34.383 S/Tempo 17 3
14 55 Espanha Carlos Sainz Jr. França Renault 1:34.626 S/Tempo 11
15 27 Alemanha Nico Hülkenberg França Renault 1:34.655 S/Tempo 12
16 28 Nova Zelândia Brendon Hartley Itália Toro Rosso-Honda 1:35.037 20 4
17 14 Espanha Fernando Alonso Reino Unido McLaren-Renault 1:35.504 16 5
18 35 Rússia Sergey Sirotkin Reino Unido Williams-Mercedes 1:35.612 13
19 2 Bélgica Stoffel Vandoorne Reino Unido McLaren-Renault 1:35.977 15 6
20 18 Canadá Lance Stroll Reino Unido Williams-Mercedes 1:36.437 14
Tempo dos 107%: 1:38.878
Fonte:[3]
Notas
  • ↑1  – Max Verstappen (Red Bull) recebeu uma penalidade de 43 posições do grid (35 posições por exceder sua cota de elementos de unidade de potencia, 5 posições por uma mudança de caixa de marcha não programada e 3 posições por uma infração de bandeira amarela durante o treino classificatório).
  • ↑2  – Daniel Ricciardo (Red Bull) recebeu uma penalidade de 40 posições do grid (35 posições por exceder sua cota de elementos de unidade de potencia e 5 posições por uma mudança de caixa de velocidades não programada).
  • ↑3  – Pierre Gasly (Toro Rosso) recebeu uma penalidade de 35 posições do grid por exceder sua cota de elementos de unidade de potencia.
  • ↑4  – Brendon Hartley (Toro Rosso) recebeu uma penalidade de 40 posições do grid por exceder sua cota de elementos de unidade de potencia.
  • ↑5  – Fernando Alonso (McLaren) recebeu uma penalidade de 30 posições do grid por exceder sua cota de elementos de unidade de potencia.

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos. Nu. Piloto Construtor Voltas Tempo/Retirado Grid Pontos
1 44 Reino Unido Lewis Hamilton Alemanha Mercedes 53 1:27:25.181 2 25
2 77 Finlândia Valtteri Bottas Alemanha Mercedes 53 +2.545 1 18
3 5 Alemanha Sebastian Vettel Itália Ferrari 53 +7.487 3 15
4 7 Finlândia Kimi Räikkönen Itália Ferrari 53 +16.543 4 12
5 33 Países Baixos Max Verstappen Áustria Red Bull-TAG Heuer 53 +31.016 19 10
6 3 Austrália Daniel Ricciardo Áustria Red Bull-TAG Heuer 53 +1:20.451 18 8
7 16 Mónaco Charles Leclerc Suíça Sauber-Ferrari 53 +1:38.390 7 6
8 20 Dinamarca Kevin Magnussen Estados Unidos Haas-Ferrari 53 +1 volta 5 4
9 31 França Esteban Ocon Reino Unido Racing Point-Mercedes 52 +1 volta 6 2
10 11 México Sergio Pérez Reino Unido Racing Point-Mercedes 52 +1 volta 8 1
11 8 França Romain Grosjean Estados Unidos Haas-Ferrari 52 +1 volta 9
12 27 Alemanha Nico Hülkenberg França Renault 52 +1 volta 12
13 9 Suécia Marcus Ericsson Suíça Sauber-Ferrari 52 +1 volta 10
14 14 Espanha Fernando Alonso Reino Unido McLaren-Renault 52 +1 volta 16
15 18 Canadá Lance Stroll Reino Unido Williams-Mercedes 52 +1 volta 14
16 2 Bélgica Stoffel Vandoorne Reino Unido McLaren-Renault 51 +2 voltas 15
17 55 Espanha Carlos Sainz Jr. França Renault 51 +2 voltas 11
18 35 Rússia Sergey Sirotkin Reino Unido Williams-Mercedes 51 +2 voltas 13
Ret 10 França Pierre Gasly Itália Toro Rosso-Honda 4 Freios 17
Ret 28 Nova Zelândia Brendon Hartley Itália Toro Rosso-Honda 4 Freios 20
Fonte:

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Voltas na Liderança[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons
Nº de Voltas Piloto Voltas
24 Países Baixos Max Verstappen (19-42)
14 Reino Unido Lewis Hamilton (12-14) e (43-53)
11 Finlândia Valtteri Bottas (1-11)
4 Finlândia Kimi Räikkönen (15-18)

2018 DHL Fastest Pit Stop Award[editar | editar código-fonte]

Out of date clock icon.svg
Esta seção pode conter informações desatualizadas em seu conteúdo. Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes, citando fontes fiáveis e independentes.

Resultado[editar | editar código-fonte]

Pos. Nu. Piloto Construtor Tempo Pontos
1 Flag of None.svg 25
2 Flag of None.svg 18
3 Flag of None.svg 15
4 Flag of None.svg 12
5 Flag of None.svg 10
6 Flag of None.svg 8
7 Flag of None.svg 6
8 Flag of None.svg 4
9 Flag of None.svg 2
10 Flag of None.svg 1
Fonte: [4]

Classificação[editar | editar código-fonte]

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

Somente as cinco primeiras posições estão incluídas nas tabelas.

Referências

  1. «Formula 1 2018 VTB Russian Grand Prix» (em inglês). Formula 1.com 
  2. «Pirelli announces compound choices and mandatory sets for the 2018 Russian Grand Prix» (em inglês). news.pirelli.com 
  3. «FORMULA 1 2018 VTB RUSSIAN GRAND PRIX - QUALIFYING». Formula 1.com. 29 de setembro de 2018. Consultado em 29 de setembro de 2018 }}
  4. «2018 DHL Fastest Pit Stop Award» (em inglês). Formula1.com 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Prova Anterior:
GP de Singapura de 2018
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 2018
Próxima Prova:
GP do Japão de 2018

Prova Anterior:
GP da Rússia de 2017
Grande Prêmio da Rússia Próxima Prova:
GP da Rússia de 2019