Menino do coro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Merge-arrow 2.svg
Este artigo ou secção deverá ser fundido com Acólito. (desde julho de 2018)
(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.)
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O Menino do Coro faz parte dos Acóltos. Devido às classificassões dos Acólitos dentro dos seus próprios grupos ou Associações, decidiu-se que seriam chamados Meninos do coro todos aquele que tivessem idade inferior a 15 anos mas que pertendessem exercer o ministério do Acolitado.

Paramentos[editar | editar código-fonte]

Os Paramentos dos meninos do coro são, habitualmente:

Oração do Acólito[editar | editar código-fonte]

A oração do Acólito também é utilizada pelos Meninos do Coro, visto que ambos exercem o mesmo ministério.

Senhor Jesus Cristo,
Sempre vivo e presente conosco,
Tornai-me digno de vos servir no Altar
da Eucaristia,onde se renova o
Sacrifício da cruz e Vos ofereceis
Por todos os homens.
Vós que quereis ser para cada um o
Amigo e o sustentáculo no caminho da fé humilde e
forte, alegre e generosa, pronta para vos testemunhar e servir.
E porque me chamastes ao Vosso
serviço,
Permiti que Vos procure e Vos encontre,
e, pelo Sacramento do Vosso Corpo e
Sangue, permaneça unido a Vós para Sempre.
Amém

Diferenças[editar | editar código-fonte]

  • No Brasil existe a função de Coroinha em tudo semelhante ao Menino do Coro, mas enquanto que o primeiro não é encarado como um ministro instituído o segundo é-o.
  • Em Portugal são já poucas as Paróquias que ainda contam com o tradicional Menino do Coro, sendo a maior destas a Paróquia de Nossa Senhora Do Amparo-Benfica, situada em Lisboa. Exceptuando esta Igreja, já referida, o número de Paróquias que os têm não passa o das 5, em todo o País.