Peter Zoller

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Peter Zoller
Nascimento 16 de setembro de 1952 (67 anos)
Innsbruck
Nacionalidade Austríaco
Cidadania Áustria
Alma mater Universidade de Innsbruck
Ocupação físico, físico teórico, professor universitário
Prêmios Prêmio Max Born (1998), Prêmio Erwin Schrödinger (1998), Prêmio Wittgenstein (1998), Medalha Max Planck (2005), Medalha Dirac (2006), Racah Lectures in Physics (2008), Prêmios Fronteiras do Conhecimento (2008), Medalha Benjamin Franklin (2010), Medalha Blaise Pascal (2011), Prêmio Wolf de Física (2013), Prêmio Herbert Walther (2016)
Empregador Universidade de Innsbruck, Universidade Harvard, Universidade de Leiden, Universidade do Colorado em Boulder, Universidade do Colorado, Universidade de Leiden
Orientador(es) Fritz Ehlotzky
Instituições Universidade de Innsbruck
Campo(s) Física

Peter Zoller (Innsbruck, 16 de setembro de 1952) é um físico autríaco.

Trabalha com óptica quântica e teoria da informação quântica, conhecido principalmente por seu trabalho pioneiro sobre computador quântico e também pela conexão entre óptica quântica e física do estado sólido.

Participou da 24ª Conferência de Solvay, em 2008.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Crispin W. Gardiner, Peter Zoller: Quantum Noise. A Handbook of Markovian and Non-Markovian Quantum Stochastic Methods with Applications to Quantum Optics. Springer, Berlin 2004. ISBN 3-540-22301-0

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Klaus Hepp
Medalha Max Planck
2005
Sucedido por
Wolfgang Götze
Precedido por
Patrick A. Lee e Samuel Edwards
Medalha Dirac
2006
Sucedido por
John Iliopoulos e Luciano Maiani
Precedido por
Jacob David Bekenstein
Prêmio Wolf de Física
2013
com Juan Ignacio Cirac Sasturain
Sucedido por
James Bjorken e Robert Kirshner


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.