Saul Oliveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Saul
Informações pessoais
Nome completo Saul Oliveira
Data de nasc. 7 de dezembro de 1919
Local de nasc. Florianópolis (SC),  Brasil
Nacionalidade brasileiro
Falecido em 10 de julho de 1999 (79 anos)
Local da morte Florianópolis (SC),  Brasil
Canhoto
Apelido Saulzinho
Informações profissionais
Período em atividade Como Jogador: 1935-1954 (19 anos)
Como Treinador: 1966-1969 (3 anos)
Posição Treinador (ex-Atacante)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1935
1936
1937
19381941
1941
1942-1954
Total
Brasil Bandeirante (SC)
Brasil Íris (SC)
Brasil Tamandaré
Brasil Avaí
Brasil Cruzeiro-RS
Brasil Avaí
000
000
000
000
000
000
 ??000(401)
Times/Equipas que treinou
1966
1969
????
????
????
????
Brasil Avaí
Brasil Avaí
Brasil Figueirense
Brasil Paula Ramos
Brasil Marcílio Dias
Santa Catarina Seleção Catarinense

Saul Oliveira, mais conhecido como Saulzinho ou apenas Saul (Florianópolis, 7 de dezembro de 1919 - Florianópolis, 10 de julho de 1999), foi um atacante do futebol brasileiro. Um símbolo do Avaí Futebol Clube. Goleador, foi o quarto maior artilheiro estadual do país, marcando 401 gols[1]. Jogou de 1939 a 1953.
Se tornou também o maior artilheiro do clássico de Florianópolis entre Avaí e Figueirense, com 41 gols em 45 jogos, atuando sempre pelo Avaí[2].

Saul também presidiu o Avaí nos anos de 1966 a 1968 e também treinou o time em 1966 e 1969[3]. Entre tantos clubes que jogou, totalizou 401 gols em sua carreira.[4] É o maior artilheiro da história do Avaí.

Seleção Avaiana[editar | editar código-fonte]

Uma eleição feita em 1998 com um grupo de torcedores, jornalistas e ex-atletas do Avaí, apontou aqueles que seriam os melhores jogadores da história do clube até aquela data[5]. Saul foi escolhido um dos atacantes desta seleção.

Referências

  1. Sou Avaiano - Os 11 melhores de todos os tempos. Acesso em 11 de janeiro de 2008.
  2. Sousa, Jairo Roberto de. Figueirense x Avaí - o clássico de Florianópolis. Florianópolis: Tribo da Ilha, 2005
  3. ClicRBS - João Nilson Zunino deve seguir na presidência do Avaí até 2013 Acesso em 15 de outubro de 2009.
  4. KLEIN, Marco Aurélio / AUDININO, Sérgio Alfredo. O Almanaque do Futebol Brasileiro. São Paulo: Editora Escala, 1996
  5. Sou Avaiano - Os 11 melhores de todos os tempos Acesso em 11 de janeiro de 2008.
Precedido por
Fernando Bastos
Presidente do Avaí Futebol Clube
19661968
Sucedido por
Walmor Gomes Soares
Precedido por
José Amorim
Técnico do Avaí Futebol Clube
1966
Sucedido por
José Amorim


Precedido por
Dirceu
Técnico do Avaí Futebol Clube
1969
Sucedido por
José Amorim