Thomas Graf

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Thomas Graf
Nascimento 28 de setembro de 1944 (74 anos)
Viena
Alma mater Universidade de Tübingen
Prêmios Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter (1989)

Thomas Graf (Viena, 28 de setembro de 1944)[1] é um virologista e pesquisador do câncer austríaco.

Graf frequentou a escola em Caracas de 1951 a 1962 e estudou a partir de 1963 na Universidade de Munique e na Universidade de Tübingen, onde obteve em 1969 um doutorado. De 1969 a 1971 fez um pós-doutorado no Instituto Max Planck de Biologia do Desenvolvimento em Tübingen. Foi a partir de 1973 professor assistente e a partir de 1975 professor associado em Tübingen e a partir de 1978 professor de virologia no Centro de Pesquisa do Câncer da Alemanha em Heidelberg. De 1983 a 1998 trabalhou no European Molecular Biology Laboratory (EMBL). É atualmente professor de Developmental and Molecular Biology no Albert Einstein College of Medicine em Nova Iorque e diretor do Programa de Diferenciação Celular e Câncer do Centre for Genomic Regulation (CRG) em Barcelona.

Recebeu o Preis der Deutschen Gesellschaft für Hygiene und Mikrobiologie de 1983, o Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter de 1989 e o Dr. Josef Steiner Krebsforschungspreis de 1988 (com Hartmut Beug, Mariano Barbacid). É membro da Academia Europaea.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Peter Klaus Vogt
Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter
1989
com Stuart Aaronson, Russell Doolittle
Sucedido por
Robert John Collier e Alwin Max Pappenheimer