Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2012 (Fórmula 1)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
GP dos Estados Unidos
de Fórmula 1 de 2012
Austin Formula One circuit.svg
Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2012 (Fórmula 1).
Detalhes da corrida
Data 18 de novembro de 2012
Local Circuito das Américas, Austin, Texas
Percurso 5,516 km
Total 56 voltas / 308,896 km
Pole
Piloto
Alemanha Sebastian Vettel Red BullRenault
Tempo 1:35.627
Volta mais rápida
Piloto
Alemanha Sebastian Vettel Red BullRenault
Tempo 1:39.349 (na volta 56)
Pódio
Primeiro
Reino Unido Lewis Hamilton McLaren-Mercedes
Segundo
Alemanha Sebastian Vettel Red BullRenault
Terceiro
Espanha Fernando Alonso Ferrari


O Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2012 foi a décima nona corrida da temporada de 2012 da Fórmula 1[1] . A prova foi disputada no dia 18 de novembro no Circuito das Américas, Austin, Texas.

Pilotos e equipes sentiram dificuldades com o aquecimento dos pneus, sendo necessário várias voltas para que os pneus alcance a temperatura ideal[2] . Uma novidade em Austin foi o patrocínio da Verizon[3] como patrocinador principal para essa prova ao invés do Vodafone na equipe McLaren. No dia da prova, o evento foi sucesso de público no seu ano de estreia com 117.429 espectadores[4] . No pódio, os pilotos estavam com chapéus de cowboy, ao invés dos tradicionais bonés e foram entrevistados por Mario Andretti[5] , Campeão Mundial de Fórmula 1 em 1978 e da Champ Car (ex-CART) em 1984.

Infelizmente para os fãs da Fórmula 1, a TV Globo não transmitiu ao vivo a estreia da prova em televisão aberta
às 17 horas (horário brasileiro de verão). Naquele domingo após o Fantástico, a emissora exibiu um VT da corrida.
No horário da prova, ela optou pelo futebol, a antepenúltima rodada do Campeonato Brasileiro[6] . Pela primeira vez o SporTV, um dos seus canais por assinatura, exibiu ao vivo o treino classificatório e a corrida, já que normalmente são reprisados[7] . Informações divulgadas recentemente pelo jornal Folha de S. Paulo indica que o ibope da Fórmula 1 caiu 55% nos últimos 10 anos, atingindo, em 2012, menos de 10 pontos de média pela primeira vez neste período de tempo[8] .

Qualificatório[editar | editar código-fonte]

Pos. No. Piloto Constructores Parte 1 Parte 2 Parte 3 Grid
1 1 Alemanha Sebastian Vettel Red Bull-Renault 1:36.558 1:35.796 1:35.657 1
2 4 Reino Unido Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 1:37.058 1:36.795 1:35.766 2
3 2 Austrália Mark Webber Red Bull-Renault 1:37.215 1:36.298 1:36.174 3
4 10 França Romain Grosjean Lotus-Renault 1:37.486 1:36.906 1:36.587 91
5 9 Finlândia Kimi Räikkönen Lotus-Renault 1:38.051 1:37.404 1:36.708 4
6 7 Alemanha Michael Schumacher Mercedes 1:37.927 1:37.102 1:36.794 5
7 6 Brasil Felipe Massa Ferrari 1:37.667 1:36.549 1:36.937 6
8 12 Alemanha Nico Hülkenberg Force India-Mercedes 1:37.756 1:37.066 1:37.141 7
9 5 Espanha Fernando Alonso Ferrari 1:37.968 1:37.123 1:37.300 8
10 18 Venezuela Pastor Maldonado Williams-Renault 1:37.537 1:37.011 1:37.842 10
11 19 Brasil Bruno Senna Williams-Renault 1:37.520 1:37.604 11
12 3 Reino Unido Jenson Button McLaren-Mercedes 1:37.565 1:37.616 12
13 11 Reino Unido Paul di Resta Force India-Mercedes 1:38.104 1:37.665 13
14 17 França Jean-Éric Vergne Toro Rosso-Ferrari 1:38.434 1:37.879 14
15 15 México Sergio Pérez Sauber-Ferrari 1:38.500 1:38.206 15
16 14 Japão Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari 1:38.418 1:38.437 16
17 8 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 1:38.862 1:38.501 17
18 16 Austrália Daniel Ricciardo Toro Rosso-Ferrari 1:39.114 18
19 24 Alemanha Timo Glock Marussia-Cosworth 1:40.056 19
20 25 França Charles Pic Marussia-Cosworth 1:40.664 20
21 21 Rússia Vitaly Petrov Caterham-Renault 1:40.809 21
22 20 Finlândia Heikki Kovalainen Caterham-Renault 1:41.166 22
23 22 Espanha Pedro de la Rosa HRT-Cosworth 1:42.011 23
24 23 Índia Narain Karthikeyan HRT-Cosworth 1:42.740 24
107% tempo: 1:43.317
Fonte:[9]
Notas
  • ↑1Romain Grosjean recebeu uma multa de perda de 5 lugares no grid por troca no câmbio de marcha.

Corrida[editar | editar código-fonte]

# Piloto Equipe Voltas Tempo Grid Pontos
1 4 Reino Unido Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 56 1h55m25s269mil 1 25
2 1 Alemanha Sebastian Vettel Red Bull Racing-Renault 56 +0.675s 2 18
3 5 Espanha Fernando Alonso Ferrari 56 +39.229s 7 15
4 6 Brasil Felipe Massa Ferrari 56 +46.013s 11 12
5 3 Reino Unido Jenson Button McLaren-Mercedes 56 +56.432 12 10
6 9 Finlândia Kimi Raikkonen Lotus-Renault 56 +1m04s425mil 4 8
7 10 França Romain Grosjean Lotus-Renault 56 +1m10s313mil 8 6
8 12 Alemanha Nico Hulkenberg Force India-Mercedes 56 +1m13s792mil 6 4
9 18 Venezuela Pastor Maldonado Williams-Renault 56 +1m14s725mil 9 2
10 19 Brasil Bruno Senna Williams-Renault 56 +1m15s133mil 11 1
11 15 México Sergio Pérez Sauber-Ferrari 56 +1m24s341mil 15
12 16 Austrália Daniel Ricciardo Toro Rosso-Ferrari 56 +1m24s871mil 18
13 8 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 56 +1m25s510mil 17
14 14 Japão Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari 55 +1 volta 16
15 11 Reino Unido Paul di Resta Force India-Mercedes 55 +1 volta 13
16 7 Alemanha Michael Schumacher Mercedes 55 +1 volta 5
17 21 Rússia Vitaly Petrov Caterham-Renault 55 +1 volta 21
18 20 Finlândia Heikki Kovalainen Caterham-Renault 55 +1 volta 22
19 24 Alemanha Timo Glock Marussia-Cosworth 55 +1 volta 19
20 25 França Charles Pic Marussia-Cosworth 54 +2 voltas 20
21 22 Espanha Pedro de la Rosa Hispania-Cosworth 54 +2 voltas 23
22 23 Índia Narain Karthikeyan Hispania-Cosworth 54 +2 voltas 24
Ret 2 Austrália Mark Webber Red Bull Racing-Renault 16 Alternador 3
Ret 17 França Jean-Éric Vergne Toro Rosso-Ferrari 14 Suspensão 14
Fonte:[10]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Prova Anterior:
GP de Abu Dhabi de 2012
Campeonato do Mundo da FIA
Fórmula 1, Temporada 2012
Próxima Prova:
GP do Brasil de 2012

Prova Anterior:
GP dos Estados Unidos de 2007
Grande Prêmio dos Estados Unidos Próxima Prova:
GP dos Estados Unidos de 2013