98 FM (Belo Horizonte)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de 98 FM ou para outras rádios, veja 98 FM.
98 FM
{{{alt}}}
Logotipo da rádio
País Brasil Brasil
Cidade de concessão Belo Horizonte Belo Horizonte
Frequência(s) 98,3 MHz
Slogan A sua rádio do bem.
Fundação 12 de junho de 1969 (47 anos)
Fundador Marco Aurélio Jarjour Carneiro
Pertence a Grupo Bel
Sócio(s) Flavio, Bruno e Rodrigo Jacques Carneiro
Género Jovem/adulto
Prefixo ZYC 693
Nome(s) anterior(es) Del Rey FM
Cobertura Mesorregião de Belo Horizonte
Sítio oficial www.98live.com.br

A 98 FM é uma estação brasileira com sede na cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais e opera na frequência 98,3 MHz. Foi a primeira rádio FM estéreo da América Latina.[1] As pesquisas divulgadas pelo IBOPE, em dezembro de 2011 confirmam como a rádio jovem líder de audiência, em disputa acirrada, na cidade de Belo Horizonte.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Estúdio Principal

A 98 FM foi implementada pelo Grupo Bel em 12 de junho de 1969 e já entrou no ar fazendo história. Foi a primeira FM estéreo da América Latina e, com um conceito que a sustenta até hoje, conquistou BH como nenhuma outra rádio, servindo de exemplo para várias outras em todo o Brasil. 98 FM é marca registrada, no INPI, de propriedade[3] da rádio Del Rey.

A rádio trabalha voltada para o público jovem há mais de 40 anos, com uma programação 100% local, na qual usa o jargão e as gírias próprias do cidadão comum da capital de Minas Gerais. A 98 tem a maior flexibilidade, entre todas as rádios jovens, para criar soluções específicas para cada cliente.

Com a missão de fazer as pessoas felizes, a 98 FM investe em uma programação diferenciada, que leva humor e música atualizada para o público. Já adotou slogans como “matando você de rir”, “a melhor do pop rock“, “a número 1 da América Latina“, “a número 1 do público jovem“, “amiga da água“ e o mais atual, “a sua rádio do bem“.

A rádio é transmitida na frequência 98,3 FM e também pela internet (www.98live.com.br).

Em 2010, após 15 anos, o Grupo Bel retomou a gestão da rádio. A nova administração tem como objetivo modernizar a 98 FM, aproximando-a mais do público jovem.[4] Depois da volta do Grupo Bel ao comando, em menos de um ano e meio houve um aumento de audiência de mais de 70%. Também foram lançados aplicativos para iPhone, iPad, Android e BlackBerry.[5]

98 Live[editar | editar código-fonte]

Em 21 de setembro de 2015, a 98 FM estreou o projeto 98 Live, plataforma que transmite seus principais programas ao vivo pela rádio, internet e canal de TV a cabo BH News. Nos demais horários, o 98 Live passa a exibir videoclipes.[6]

Foram lançados aplicativos do 98 Live para dispositivos com Android[7] e iOS.[8]

Também pretende-se criar atrações exclusivas para a plataforma, como reality shows e novelas, além de transmissões de eventos.

Programação[editar | editar código-fonte]

"A primeira FM da América Latina"

A rádio tem uma programação variada, com programas de humor, esportes e música.

No Fundo do Baú[editar | editar código-fonte]

Músicas antigas, priorizando as décadas de 70, 80 e 90. Diariamente à noite, durante a semana de manhã. Nos dias úteis é transmitida simultaneamente com Rota 98 (Apresentação de Lucas Werneck), um relatório do trânsito com participação do ouvinte.

98 Esportes[editar | editar código-fonte]

Noticiário esportivo, apresentado por Lélio Gustavo, Gleysson Lage e Christiano Junqueira.

Central 98[editar | editar código-fonte]

Noticiário apresentado por Gleyson Lage.

98 Futebol Clube[editar | editar código-fonte]

Um noticiário esportivo bem-humorado, com muitas imitações (as principais sendo de Alberto Rodrigues e Roberto Abras, da Rádio Itatiaia, Milton Neves, e Padre Quevedo) e músicas satíricas após derrotas de Atlético e Cruzeiro. A versão original do programa acabou em 2004, e atual, que estreou em 2008, teve seus primórdios na Rádio Favela.[9] Desde 2010, também faz transmissões dos jogos dos dois clubes. Durante a semana, meio-dia. Compacto semanal aos sábados.

Elenco: Gilbert Campos (apresentador), Igor Assunção (noticiário Atlético), Natália de Sá (noticiário América), Mário Alaska ("Roberto Abracadabras"), Marquinhos Baiano ("Padreco"), Guilherme Mello ("Miltão Ribeirão das Neves"\"Albertinho Lombriga"); durante as transmissões também contam com Eduardo Madeira ("Willy Cover")[10]

Programa Ricardo Amado[editar | editar código-fonte]

Humorístico apresentado pelo "cafajeste" Ricardo Amado e o comediante Christiano Junqueira "CJ". Durante a semana, à tarde. Compacto semanal aos sábados.

Balanço Geral na 98[editar | editar código-fonte]

Versão radiofônica do Balanço Geral. Segunda a quinta, à tarde.

Caju e Totonho[editar | editar código-fonte]

Programa humorístico com a dupla Caju e Totonho. Sextas à tarde.

Graffite 98[editar | editar código-fonte]

Humorístico autodefinido como "Pior Programa de Rádio do Brasil". Começou na Rádio Transamérica, e chegou a ter versão televisiva na TV Alterosa. Durante a semana, à tarde. Reprises na madrugada.

Elenco: Eduardo Schechtel ("Dudu"), Rodrigo Rodrigues, Caju, Rafael Mazzi

Rock que a Terra Não Esqueceu[editar | editar código-fonte]

Programa musical dedicado ao rock. Diariamente à noite.

98 Ponto BR[editar | editar código-fonte]

Programa musical dedicado à música brasileira. Sábados de manhã.

Top 10! Mais Pedidas![editar | editar código-fonte]

O Top 10! Mais Pedidas! é o programa mais tradicional e antigo da emissora de rádio, sendo transmitido desde a fundação da 98 FM em 1969, inicialmente como "Música Escolhida!", seu nome atual veio em 1971. O programa se constitui em transmitir as "dez músicas mais pedidas do momento", seu horário de exibição é: dás 17h ou 20h, mais no meio de qualquer programa com exibição de músicas, há uma espécie de "plantão" com qual é dita as "Dez mais Pedidas!" que é apresentada por um determinado apresentador que esteja em um determinado programa transmitido naquela hora. O Top 10! é mais transmitido durante a chamada "Programação Normal". Mais, a tarde o programa tem horário próprio, apresentado por Geovanne Oliveira, Amanda Ribeiro e Ricardo Mottini. O programa funciona a atendimento a ouvintes ou mensagens pela internet, para a escolha das músicas em destaque. Vários apresentadores já passaram pela "bancada" do programa e dos plantões (transmitidos desde 1973): Entre eles estão, Giuliano Freitas, Mauro Tramonte, Juliana Perdigão, Sérgio Esteves, Édson Calubriti, Márcio Reis, Renato de Los Prates entre outros.

Em 1997 o programa ganhou um site na internet, com qual é mudado todos os anos, mantido até hoje.[11]

Pop Rock Brasil[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Pop Rock Brasil

O Pop Rock Brasil foi um festival de música criado e produzido pela rádio desde 1983. Sendo o mais antigo e um dos mais importantes[12] do Brasil, que atualmente não está mais em atividade.

Originalmente com o nome de Rock Brasil teve sete versões até 1994. A partir de 1997 começou a ser transmitido "ao vivo" também pela internet, áudio e vídeo. Sendo executado originalmente no estádio Mineirão, após uma ação judicial em 2008 de sua concorrente Mix FM o evento foi suspenso até um acordo quatrocentos mil reais por parte da 98 FM.[13] Em 2009 não foi anunciado a venda ingressos para o festival, que desde então ele não foi realizado e sem divulgações sobre uma possível volta.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Placa de sinalização da Del Rey FM, antiga 98 FM.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. 98 FM a primeira rádio FM estéreo da América Latina:
  2. «Audiência MG: Itatiaia e Liberdade evoluem em Belo Horizonte. 98 FM retoma liderança jovem». 13 de dezembro de 2011. Consultado em 07 de janeiro de 2012. 
  3. «98 FM é marca registrada no INPI». Consultado em 3 de Fevereiro de 2008. 
  4. «Grupo Bel volta a dirigir a 98FM». 
  5. Revista Viver Brasil. «Ondas de humor». Consultado em 22 de julho de 2011. 
  6. Starck, Daniel (21 de setembro de 2015). «Extra: 98 FM estreia hoje o projeto “98 Live”, plataforma com conteúdos de áudio e vídeo». Tudo Rádio. Consultado em 30 de setembro de 2015. 
  7. «98FM BH – Apps para Android no Google Play». Play Store. Google Inc. Consultado em 30 de setembro de 2015. 
  8. «98 Live na App Store». iTunes Store. Apple Inc. Consultado em 30 de setembro de 2015. 
  9. [1]
  10. [2]
  11. Programação da rádio
  12. Starck, Daniel (11 de outubro de 2007). «98 FM anuncia a data do Pop Rock Brasil». Tudo Rádio. Grupo Tudo Rádio.com de Comunicação On-line. Consultado em 13 de abril de 2013. 
  13. «Justiça suspende festival de pop rock em Belo Horizonte». Última Instância. Universo Online. 19 de setembro de 2008. Consultado em 19 de setembro de 2008. 
  14. «Colvilles». Consultado em 25 de setembro de 2008. 
  15. «Discografia Skank». Consultado em 25 de setembro de 2008. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]