ArcelorMittal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ArcelorMittal
Razão social ArcelorMittal, S.A.
Tipo Empresa de capital aberto
Slogan Transformando o amanhã
Cotação NYSE: MT
Indústria Aço
Fundação 2006 (2006)
Sede 24-26, Boulevard d’Avranches, Cidade de Luxemburgo,  Luxemburgo
Área(s) servida(s) Mundo
Proprietário(s) Lakshmi Mittal (37.4%)[1]
Pessoas-chave
Empregados 199,000 (2016)[2]
Produtos Produtos acabados, semi-acabados, longos e planos, tais como lajes, bobinas laminadas a quente, bobinas laminadas a frio, produtos de aço revestidos, ferros e chapas pesadas, bem como tarugos, flores, barras, fio-máquina, trechos, trilhos, pilhas de folhas e arame desenhado
Lucro Aumento US$1.77 bilhões (2016)[2]
Faturamento Baixa US$56.79 bilhões (2016)[2]
Antecessora(s)
Website oficial corporate.arcelormittal.com

ArcelorMittal S.A. é um conglomerado industrial multinacional de empresas de aço com sede na Avenue de la Liberté, em Luxemburgo.[3][4] Foi formada em 2006, a partir da fusão da Mittal Steel Company e da Arcelor. ArcelorMittal é a maior produtora de aço do mundo, com uma produção anual de aço bruto de 93,6 milhões de toneladas a partir de 2012. Foi classificada na posição 91 na lista da Fortune Global 500 das maiores empresas do mundo, em 2013.[5]

A empresa siderúrgica Mittal Steel, em 2006, comprou 191,3 milhões das ações da Arcelor. Este valor representa mais de dois terços do total que era negociado como capital flutuante na Bolsa de Valores de São Paulo. Desta forma, Mittal assumiu o controle de 96% das ações do grupo Arcelor.[6] Com esta aquisição, o empresário de origem indiana Lakshmi Mittal, fundiu a Mittal Steel com a Arcelor, tornando-se o maior grupo siderúrgico do mundo.

A ArcelorMittal, presente em mais de 60 países, tem capacidade de produzir 130 milhões de toneladas de aço por ano e emprega, cerca de, 280 mil profissionais nas fábricas da Ásia, África, Américas e Europa. O lucro líquido em 2006 foi de 7,9 bilhões de dólares.

Edifício ARBED, antiga sede da ArcelorMittal, na Avenue de la Liberté, 19, Luxemburgo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «World's Biggest Steelmaker Raising $3 Billion As Profits Plunge». Fortune. 5 de fevereiro de 2016 
  2. a b c «4Q 2012 and FY 2012 Results». ArcelorMittal. 6 de fevereiro de 2016 
  3. Kanter, James; Timmons, Heather; Giridharadas, Anand (25 de junho de 2006). «Arcelor agrees to Mittal takeover» (em inglês). The New York Times. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  4. Lenard, David M (27 de junho de 2006). «Arcelor Mittal: The dawn of a steel giant» (em inglês). Asia Times. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  5. «ArcelorMittal». CNN Money (em inglês). Fortune Global 500. 2013. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  6. «Fusão Arcelor/Mittal gera oportunidades e expectativa de oferta». Grupo Estado (em inglês). Estadão. 25 de julho de 2006. Consultado em 14 de janeiro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.