Auferstanden aus Ruinen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Novembro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Auferstanden aus Ruinen
Português:  Reerguidos das Ruínas
Partitura

Hino nacional da  Alemanha Oriental
Letra Johannes R. Becher, 1949
Composição Hanns Eisler, 1949
Adotado 1949
Até 3 de outubro de 1990
Texto original (Wikisource)
Wikisource-logo.svg Hino Nacional da Alemanha Oriental

"Auferstanden aus Ruinen" (em português, 'Reerguidos das Ruínas') foi o hino nacional da República Democrática Alemã (RDA), a Alemanha Oriental, durante a sua existência.

História[editar | editar código-fonte]

A letra é de Johannes R. Becher (1891 - 1958), e a melodia de Hanns Eisler (1898 - 1962). Diferentemente de Deutschlandlied - hino nacional da Alemanha, entre 1922 e 1945, cuja letra, composta em 1841, contém uma exortação ao nacionalismo alemão (Deutschland, Deutschland über alles: 'Alemanha, Alemanha acima de tudo'), o hino da RDA, Auferstanden aus Ruinen, traz uma mensagem de união, fraternidade e paz no mundo.

Letra[editar | editar código-fonte]

Original em alemão[1]

Auferstanden aus Ruinen
Und der Zukunft zugewandt,
Lass uns dir zum Guten dienen,
Deutschland, einig Vaterland.
Alte Not gilt es zu zwingen,
Und wir zwingen sie vereint,
Denn es muss uns doch gelingen,
Daß die Sonne schön wie nie
Über Deutschland scheint.

Glück und Friede sei beschieden
Deutschland, unserm Vaterland.
Alle Welt sehnt sich nach Frieden,
Reicht den Völkern eure Hand.
Wenn wir brüderlich uns einen,
Schlagen wir des Volkes Feind.
Lasst das Licht des Friedens scheinen,
Dass nie eine Mutter mehr
|: Ihren Sohn beweint. :|

Lasst uns pflügen, lasst uns bauen,
Lernt und schafft wie nie zuvor,
Und der eignen Kraft vertrauend,
Steigt ein frei Geschlecht empor.
Deutsche Jugend, bestes Streben
Unsres Volks in dir vereint,
Wirst du Deutschlands neues Leben,
Und die Sonne schön wie nie
Über Deutschland scheint.

Tradução em português

Reerguidos das ruínas
E voltados para o futuro,
Sirvamos a ti para o bem,
Alemanha, pátria unida.
Votos antigos há a renovar
E, unidos, assim faremos.
Pois apenas de nós depende
Que o sol, belo como nunca,
Brilhe sobre a Alemanha.

Conhecerás a alegria e a paz,
Alemanha, nossa pátria.
O mundo inteiro pela paz anseia,
Por isso avançai e estendei as mãos.
Quando nos unimos fraternalmente,
Derrotamos o inimigo do povo!
Que brilhe a luz da paz,
Para que nenhuma mãe volte a chorar
A morte do seu filho,
A morte do seu filho.

Aremos, construamos;
Aprendei e trabalhai como nunca antes
E, com confiança e força,
Uma geração livre despontará.
Juventude alemã, o melhor esforço
do nosso povo concentra-se em ti;
Te tornas a nova vida da Alemanha,
E o sol, mais belo que nunca,
Brilha sobre a Alemanha,
Brilha sobre a Alemanha.

Reunificação alemã[editar | editar código-fonte]

Após a reunificação da Alemanha, Auferstanden aus Ruinen deixou de ser hino nacional, e o hino da Alemanha unificada passou a ser o hino da antiga República Federal Alemã (RFA), Deutschlandlied. O então primeiro ministro da RDA, Lothar de Maizière, propôs que "Ausferstanden aus Ruinen" ocupasse o seu lugar, proposta que foi rechaçada pelo Chanceler da RFA, Helmut Kohl.

Após a reunificação alemã, o hino nacional passou a ser unicamente um arquivo histórico da música alemã, sendo uma das canções mais belas que existem ainda da República Democrática Alemã, no entanto os alemães que viveram no lado ocidental do Muro de Berlim pouco conhecem a trascendência deste hino patriótico.

Em 1995, durante a visita do presidente Roman Herzog ao Brasil, o hino da Alemanha Oriental, que já não era oficial há seis anos, foi erroneamente executado em vez do hino correto.

Referências

  1. Leben Singen Kämpfen. Liederbuch der deutschen Jugend. Berlin: Verlag Neues Leben. 1954. pp. 8–9 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Hino da RDA em MP3