Cloak & Dagger (série de televisão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cloak & Dagger
Manto & Adaga (BR)
Informação geral
Formato Série
Gênero Ação
Aventura
Drama
Fantasia
Ficção científica
Duração 42–49 minutos
Estado Em exibição
Criador(es) Joe Pokaski
Baseado em Manto e Adaga
de Bill Mantlo
e Ed Hannigan
País de origem  Estados Unidos
Idioma original Inglês
Produção
Produtor(es) Barbara D'Alessandro (1x01 apenas)
Jenny Klein
Produtor(es) executivo(s) Gina Prince-Bythewood (1x01 apenas)
Alan Fine
Stan Lee
Joe Quesada
Karim Zreik
Jim Chory
Jeph Loeb
Joe Pokaski
Editor(es) Terilyn A. Shropshire
Ian S. Tan
William Yeh
Gena Bleier
Cinematografia Tami Reiker
Cliff Charles
Câmera Câmera única
Distribuída por Disney-ABC Domestic Television
Elenco Olivia Holt
Aubrey Joseph
Gloria Reuben
Andrea Roth
J.D. Evermore
Miles Mussenden
Carl Lundstedt
Emma lahana
Jaime Zevallos
Compositor da música-tema Mark Isham
Empresa(s) de produção ABC Signature Studios
Marvel Television
Wandering Rocks Productions
Localização Nova Orleães
Exibição
Emissora de televisão original Estados Unidos Freeform
Brasil Canal Sony
Transmissão original 7 de junho de 2018 – presente
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 10 (lista de episódios)
Cronologia
Programas relacionados Séries de televisão do Universo Cinematográfico Marvel

Marvel's Cloak & Dagger, ou simplesmente Cloak & Dagger, é uma série de televisão a cabo norte-americana criada por Joe Pokaski para a Freeform, baseada nos personagens homônimos da Marvel Comics. É situada no Universo Cinematográfico Marvel, compartilhando continuidade com os filmes e outras séries de televisão da franquia. A série é produzida pela ABC Signature Studios, Marvel Television e Wandering Rocks Productions, com Pokaski servindo como showrunner.

A série é estrelada por Olivia Holt e Aubrey Joseph como Tandy Bowen / Adaga e Tyrone Johnson / Manto, dois adolescentes que adquirem super-poderes. Uma série de televisão com Manto e Adaga entrou em desenvolvimento pela ABC Family em julho de 2011. Em abril de 2016, Cloak & Daggger recebeu uma ordem de produção pela Freeform, e em agosto, Pokaski se juntou à série como showrunner e produtor executivo. Holt e Joseph foram escalados em janeiro de 2017, com Gloria Reuben, Andrea Roth, J.D. Evermore, Miles Mussenden, Carl Lundstedt, Emma Lahana e Jaime Zevallos também estrelando na série. As filmagens da série acontece em Nova Orleães.

A primeira temporada foi exibida de 7 de junho a 2 de agosto de 2018. Freeform renovou a série para uma segunda temporada em julho de 2018.

Premissa[editar | editar código-fonte]

Em Nova Orleães, os adolescentes Tandy Bowen e Tyrone Johnson vêm de diferentes origens e adquiriram superpoderes depois de um evento de mudança de vida que girou em torno do colapso da Plataforma da Roxxon Gulf. Eles logo percebem que seus poderes funcionam melhor quando estão juntos, "mas seus sentimentos um pelo outro tornam o mundo já complicado ainda mais desafiador."[1]

Elenco e personagens[editar | editar código-fonte]

Principal[editar | editar código-fonte]

Uma adolescente e ladra de rua que está conectada a Tyrone Johnson através de uma tragédia infantil compartilhada,[2] com a habilidade de emitir adagas de luz.[3] Bowen também tem a habilidade de testemunhar as esperanças e desejos das pessoas. O showrunner Joe Pokaski disse: "Há algo excitante em ter uma personagem cínica como Tandy que rouba coisas e não acredita no bem do ser humano, mas ainda vê o melhor neles quando ela os toca."[4] Rachel Ryals interpreta uma Tandy criança.[5]
Um adolescente, que está conectado a Tandy Bowen através de uma tragédia infantil compartilhada, com a capacidade de se transportar através da dimensão Darkforce.[3][2] Johnson também tem a habilidade de testemunhar os medos das pessoas, tendo "vivido em um mundo de medo" desde a morte de seu irmão. Pokaski acrescentou: "Havia algo interessante em ajudá-lo a entender que todo mundo está com medo."[4] Maceo Smedley III interpreta um Tyrone criança.[5]
  • Gloria Reuben como Adina Johnson: A mãe de Tyrone, que investe pesadamente para garantir que seu filho tenha uma boa vida.[6]
  • Andrea Roth como Melissa Bowen: A mãe viciada em drogas e álcool, ainda otimista, de Tandy.[6]
  • J.D. Evermore como Connors: Um intimidador detetive do Departamento de Polícia de Nova Orleães com um segredo perturbador.[6]
  • Miles Mussenden como Otis Johnson: O pai de classe trabalhadora de Tyrone que tenta sustentar sua família e também é um associado dos Wild Red Hawks.[6][7] O personagem foi originalmente anunciado como sendo chamado de Michael.[6]
  • Carl Lundstedt como Liam Walsh: O parceiro de Tandy no crime e ex-namorado.[6][8]
  • Emma Lahana como Brigid O'Reilly: Uma detetive do Harlem, transferida para Nova Orleães, com sensibilidades endurecidas de Nova York que acredita que ninguém está acima da lei, incluindo outros policiais.[9]
  • Jaime Zevallos como Delgado: Um padre e amigo de Tyrone que está constantemente buscando redenção e questiona a vida que ele escolheu.[9]

Recorrente[editar | editar código-fonte]

  • Noëlle Renée Bercy como Evita Fusilier: Uma amiga e interesse amoroso de Tyrone. Bercy, que é de Nova Orleães, estava familiarizada com a cultura de vodu da cidade, e foi capaz de falar com as pessoas em relação a isso por sua parte.[8]
  • Wayne Péré como Peter Scarborough: O CEO da Roxxon Gulf que foi responsável por arruinar o nome de Nathan Bowen e confiscar seu trabalho após sua morte.[10]
  • Lane Miller como Fuchs: Um policial e interesse amoroso de O'Reilly.[10]
  • Angela Davis como Chantelle: A tia de Evita que é uma sacerdotisa de vodu.[11] Pokaski descreveu a personagem como "uma encarnação moderna da sacerdotisa Marie Laveau."[12]
  • Ally Maki como Mina Hess: Uma engenheira ambiental na Roxxon Gulf que faz amizade com Tandy. Hannah Hardin interpreta uma Mina mais jovem.[13]
  • Tim Kang como Ivan Hess: O pai de Mina que trabalhou com Nathan Bowen na Roxxon.[14]

Convidado[editar | editar código-fonte]

  • Marqus Clae como Billy Johnson: O irmão mais velho de Tyrone que é baleado e morto por Connors.[15] Carsyn Taylor interpreta um Billy criança.[16]
  • Mike Donovan como Rick Cotton: Um solteiro rico que é roubado por Tandy e depois tenta estuprá-la.[15]
  • Dalon J. Holland como Duane Porter: Um amigo de Billy Johnson e trabalhador de serraria que também está trabalhando com Connors.[10]
  • Andy Dylan como Nathan Bowen: O pai de Tandy e um engenheiro na Roxxon que foi morto em um acidente de carro na noite em que a Plataforma da Roxxon Gulf entrou em colapso.[17]
  • Gary Weeks como Greg Pressfield: O "namorado" de Melissa, que é um advogado trabalhando no caso Roxxon envolvendo o trabalho de Nathan que foi confiscado durante sua demissão póstuma.[18]
  • Dalton E. Gray como Benny: Um dos colegas do time de basquete de Tyrone que bate nele quando ele começa a perder o foco.
  • Luray Cooper como Roland Duplantier: O líder do grupo de Mardi Gras chamado Wild Red Hawks, que é amigo de Otis Johnson.
  • Gralen Banks como Choo Choo Broussard: Um membro do grupo de Mardi Gras chamado Wild Red Hawks, que é amigo de Otis Johnson.
  • Vanessa Motta como Ashlie: Uma assassina profissional que trabalha para Peter Scarborough.

Stan Lee tem uma aparição cameo em uma pintura.[4]

Episódios[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Cloak & Dagger (1.ª temporada)
na
série
na
temporada
TítuloDirigido porEscrito porExibição originalAudiência
(milhões)
11 "First Light" Gina Prince-BythewoodJoe Pokaski7 de junho de 2018 (2018-06-07)0.919[19]
22 "Suicide Sprints" Alex Garcia LopezJoe Pokaski7 de junho de 2018 (2018-06-07)0.750[19]
33 "Stained Glass" Peter HoarHistória por : Ariella Blejer & Dawn Kamoche
Roteiro por : Peter Calloway
14 de junho de 2018 (2018-06-14)0.548[20]
44 "Call/Response" Ami Canaan MannChristine Boylan & Marcus J. Guillory21 de junho de 2018 (2018-06-21)0.606[21]
55 "Princeton Offense" Ry Russo-YoungNiceole R. Levy & Joe Pokaski28 de junho de 2018 (2018-06-28)0.509[22]
66 "Funhouse Mirrors" Jennifer PhangJ. Holtham & Jenny Klein5 de julho de 2018 (2018-07-05)0.499[23]
77 "Lotus Eaters" Paul EdwardsJoe Pokaski & Peter Calloway12 de julho de 2018 (2018-07-12)0.538[24]
88 "Ghost Stories" Alex Garcia LopezChristine Boylan & Jenny Klein19 de julho de 2018 (2018-07-19)0.401[25]
99 "Back Breaker" Jeff WoolnoughNiceole R. Levy & Peter Calloway26 de julho de 2018 (2018-07-26)0.531[26]
1010 "Colony Collapse" Wayne YipJoe Pokaski2 de agosto de 2018 (2018-08-02)0.423[27]

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Na San Diego Comic-Con International 2011, o chefe da Marvel Television, Jeph Loeb, anunciou que a série Cloak & Dagger estava em desenvolvimento na ABC Family. A série, que seria situada em Nova Orleães, após o Furacão Katrina, seguiria Manto e Adaga enquanto os dois "se encontram e percebem que seus poderes tanto complementam quanto complicam suas vidas."[28] Por volta dessa época, Loeb teve uma reunião com a ABC Family, que recomendou Joe Pokaski a Loeb como um potencial roteirista para trabalhar com a Marvel Television, baseado em um roteiro para outra série que o canal havia recebido recentemente de Pokaski. Loeb entrou em contato com Pokaski sobre trabalhar com a Marvel, que estava interessada em escrever Manto e Adaga, já que "há algo que parecia certo sobre eles no formato de televisão", e escrever o roteiro. Pokaski ficou atraído por Manto e Adaga como uma série de televisão, porque a dupla são as únicas pessoas que entendem as situações um do outro, comparada a outras séries de televisão adolescentes sobre coming-of-age como Buffy the Vampire Slayer ou Smallville, onde os personagens principais não tem ninguém que possa se relacionar com eles.[29]

Em abril de 2016, a série recebeu uma ordem de produção pela Freeform, sendo co-produzida pela ABC Signature Studios e Marvel Television[1] Em agosto de 2016, Pokaski tinha asssinado para a série como showrunner e produtor executivo,[30][31][32] Pokaski notou que seu roteiro havia "ficado na gaveta por cinco anos", antes que o executivo da Freeform, Karey Burke, o encontrasse e "arriscasse a chance".[29] Loeb, Jim Chory,[33][32] Alan Fine, Stan Lee, Joe Quesada e Karim Zreik também atuam como produtores executivos, enquanto Jenny Klein produz a série.[10]

Em 20 de julho de 2018, a Freeform renovou a série para uma segunda temporada.[34]

Escrita[editar | editar código-fonte]

Tudo começa com representação. Nos certificamos de que nossa sala de roteiristas é preenchida com muitas pessoas que não se parecem comigo o quanto possível. Temos roteiristas muito bons que nos permitem um espaço bastante amplo para ter conversas reais e encontrar a verdade em nossas experiências. Essa é a chave; é sobre o que as pessoas falam muito, mas tentamos realmente executá-la.

—Showrunner Joe Pokaski sobre ter diversidade nos roteiristas da série e as questões que a série pode explorar.[35]

Sobre a premissa adolescente da série [dado o público-alvo da Freeform], Loeb disse: "São personagens que sempre estiveram tradicionalmente nessa faixa etária. Não é como se tivéssemos pegando alguma coisa e transformando em Young Adult (YA). Ela fala para um público jovem e é uma propriedade jovem. Eu faria The Punisher na Freeform? Eu não acho que isso iria se conectar da mesma maneira."[36] Pokaski ficou satisfeito com a diversidade dos roteiristas da primeira temporada, com a maioria dos roteiristas negros e muitas roteiristas femininas.[37] A maioria dos roteiristas da primeira temporada retornaram para a segunda.[35]

Pokaski falou sobre as diferenças na história de origem de Manto e Adaga dos quadrinhos, dizendo: "Eu acho que as histórias originais foram fantásticas, mas na época, enquanto elas eram um pouco progressivas, elas eram um pouco sexistas e racistas. O que tentamos fazer foi desconstruí-la e fazê-la sobre Tandy e Tyrone, entender quem eles eram." Ele também sentiu que ideia de Loeb de ter a dupla em Nova Orleães, em vez de Nova York como nos quadrinhos, foi uma "grande ideia".[38] Como a Marvel também estava desenvolvendo The Defenders ao mesmo tempo, a mudança para o cenário de Nova Orleães "surgiu bem cedo", já que Pokaski sentiu que a cidade de Nova York do Universo Cinematográfico Marvel tinha super-heróis suficientes. Ao procurar por locais alternativos, e considerando lugares com filmagem de incentivos fiscais, Nova Orleães "parecia tão certo para Tandy e Tyrone. Parecia gótica, parecia um pouco sombria, parecia um lugar de luz e sombra. Quanto mais aprendíamos sobre a cidade e sobre sua história e sobre vodum ou os índios do Mardi Gras, parecia que era o único lugar para Tandy e Tyrone começarem."[29]

Embora Manto e Adaga seja um casal nos quadrinhos, Pokaski preferiu não apressar o relacionamento romântico entre a dupla, dizendo que a primeira temporada é "mais sobre encontrar seu melhor amigo ... essa série é sobre 'Há exatamente uma pessoa que me entende'".[4] Pokaski tem a intenção de criar 100 episódios para a série, com "um plano definitivo para cinco temporadas" criado.[37]

Escolha do elenco[editar | editar código-fonte]

Olivia Holt e Aubrey Joseph promovendo Cloak & Dagger na WonderCon 2018

Em janeiro de 2017, foi anunciado que Olivia Holt e Aubrey Joseph haviam sido escalados como Tandy Bowen / Adaga e Tyrone Johnson / Manto, respectivamente.[3] Gina Prince-Bythewood, a diretora do primeiro episódio, chamou o processo de escalação de "muito, muito difícil ... faltavam poucos dias antes do início das filmagens e não tínhamos encontrado atores para Tandy e Tyrone. Pessoas começaram a ficar dispostas para os papeis, mas as pessoas que estavam na mesa tinham 27, 28 anos. Elas eram crescidas e isso não parecia certo para a série. Então Aubrey e Olivia entraram pela porta, e eles tiveram ótimos testes."[38]

Gloria Reuben e Miles Mussenden foram escalados como os pais de Tyrone, Adina e Otis Johnson;[6][7] Andrea Roth foi escalada como Melissa Bowen, a mãe de Tandy;[6] J.D. Evermore, Carl Lundstedt, Emma Lahana e Jaime Zevallos foram escalados como Connors, Liam Walsh, Brigid O'Reilly e Delgado, respectivamente.[6][8][9]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

As filmagens da série acontecem em Nova Orleães,[39][40] com a primeira temporada usando o título de trabalho Shadows.[41] A primeira temporada apresenta muitas cenas feitas com câmera na mão.[37]

Música[editar | editar código-fonte]

Mark Isham anunciou em maio de 2017 que iria compor músicas para a série.[42] Várias músicas são apresentadas ao longo da primeira temporada, algumas das quais foram coletadas e lançadas em um álbum de trilha sonora digital em 8 de junho de 2018, pela Marvel Music e pela Hollywood Records.[43][44] Um álbum com a trilha de Isham foi lançado digitalmente em 6 de julho.[45]

Conexões com o Universo Cinematográfico Marvel[editar | editar código-fonte]

Loeb disse em julho de 2017 que não havia planos para crossover entre séries de diferentes canais, mas observou que Cloak & Dagger e Runaways, do Hulu, compartilham um tema semelhante de se concentrar em heróis adolescentes.[46] Ele acrescentou que a Marvel queria que a série se estabelecesse antes de se conectar mais com outros elementos do Universo Cinematográfico Marvel, dizendo: "coisas que estão acontecendo em Los Angeles [onde Runaways se passa] não vão exatamente afetar o que está acontecendo em Nova Orleães ... É estar ciente disso e tentar encontrar uma maneira de poder discutir [ligações] de uma maneira que faça sentido."[46]

Pokaski afirmou que houve "algumas conversas interessantes sobre como poderíamos unir Tandy e Tyrone [a outras propriedades da Marvel]."[4] Após o final da primeira temporada, Pokaski expandiu, dizendo que ele "adoraria" ter Tandy e Tyrone aparecendo nos filmes do MCU "como jogadores úteis da maneira que eles são nos quadrinhos", mas admitiu que "há muitos obstáculos legais e barreiras corporativas para fazer isso". Em relação a um crossover com Runaways, Pokaski disse que "há esperanças de que haja alguma coisa que possamos cumprir lá", já que a dupla nos quadrinhos aparece no início da série de quadrinhos Fugitivos.[35]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Temporada Episódios Exibição original Datas de lançamento em DVD e Blu-ray
Primeira exibição Última exibição Região 1 Região 2 Região 4
1 10 7 de junho de 2018 (2018-06-07) 2 de agosto de 2018 (2018-08-02) TBA TBA TBA
2 10[34] 2019[34] TBD TBA TBA TBA

Cloak & Dagger vai ao ar nos Estados Unidos na Freeform.[47]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Temporada Nielsen ratings Recepção da crítica
Telespectadores totais da estreia
(em milhões)
Telespectadores totais do final
(em milhões)
Rotten Tomatoes Metacritic
1 0.919[19] 0.423[27] 90% (41 resenhas)[48] 68 (15 resenhas)[49]

Audiência[editar | editar código-fonte]

Cloak & Dagger teve o melhor lançamento de série na Freeform em dois anos e foi o drama mais assistido da Freeform desde "Till Death Do Us Part", o final da série Pretty Little Liars em junho de 2017. Depois de três dias, "First Light" teve 1,64 milhão de telespectadores, o que representou um aumento de 78% em relação aos espectadores iniciais, o maior aumento de três dias para qualquer lançamento na Freeform. "First Light" também teve a maior estreia digital de todos os tempos da rede, com 716.000 visualizações. A estreia atraiu 7,3 milhões de visualizações em plataformas lineares e digitais e foi a série mais comentada com 112 mil menções no Twitter, Instagram, Facebook e Tumblr.[50]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Para a primeira temporada, o site agregador de críticas Rotten Tomatoes relatou um índice de aprovação de 90% com uma nota média de 7.77/10 com base em 41 análises. O consenso crítico do site diz: "Cloak & Dagger mistura drama soap com grão de super-herói para criar uma adição emocionante e surpreendentemente pensativa ao gênero — mesmo que seja vítima a uma certa quantidade de inchaço narrativo".[48] Metacritic, que usa um média ponderada, atribuiu uma pontuação de 68 em 100 com base em comentários de 15 críticos, indicando "geralmente avaliações favoráveis".[49]

Análise[editar | editar código-fonte]

Abraham Riesman do Vulture sentiu que uma das potencialidades da série era o fato da Marvel ter uma oportunidade única de contar uma história "sem precisar apelar para qualquer tipo de base de fãs fanáticos ou honrar histórias icônicas", porque os personagens não tem "nenhum arqui-inimigo famoso", nem "uma graphic novel amplamente lida" que os fãs esperariam ver.[51]

Rob Cave do Comic Book Resources disse que a série ser situada em Nova Orleães "dá ao público um vislumbre de parte do Universo Marvel, e da América, que é visto na tela com muito menos frequência do que os reinos míticos de Asgard, as cidades de ficção científica de Xandar Prime ou as metrópoles mais expostas de Nova York e Los Angeles. Essa mudança também dá a história de Cloak & Dagger seu próprio espaço, longe da confusão e do clamor das multidões de super-heróis já estabelecidos em todo o MCU."[52]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Indicação Resultado Ref(s)
2018 Teen Choice Awards Choice Summer TV Show Cloak & Dagger Indicado [53]
Choice Summer TV Star Olivia Holt Venceu
Aubrey Joseph Indicado

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Wagmeister, Elizabeth (7 de abril de 2016). «Freeform Greenlights Marvel Romance Superhero Series 'Cloak and Dagger' (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2016. Arquivado do original em 7 de abril de 2016 
  2. a b Borders, Meredith (12 de março de 2018). «'Cloak and Dagger' Review: Freeform's Marvel Pilot Promises a Great Superhero TV Show [SXSW]» (em inglês). /Film. Consultado em 12 de março de 2018. Cópia arquivada em 12 de março de 2018 
  3. a b c Andreeva, Nellie (30 de janeiro de 2017). «'Marvel's Cloak & Dagger': Olivia Holt & Aubrey Joseph Land Title Roles In Series For Freeform» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 30 de janeiro de 2017. Arquivado do original em 30 de janeiro de 2017 
  4. a b c d e Swift, Andy (7 de junho de 2018). «Cloak & Dagger Boss Explains How Freeform's Newest Heroes Connect to the Marvel Cinematic Universe» (em inglês). TVLine. Consultado em 7 de junho de 2018. Arquivado do original em 7 de junho de 2018 
  5. a b Fienberg, Daniel (24 de maio de 2018). «'Cloak & Dagger': TV Review». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 24 de maio de 2018. Arquivado do original em 24 de maio de 2018 
  6. a b c d e f g h i Dinh, Christine (14 de fevereiro de 2017). «Additional Cast for Highly Anticipated Series 'Marvel's Cloak & Dagger' Announced» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 14 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 14 de fevereiro de 2017 
  7. a b Highfill, Samantha (16 de abril de 2018). «Meet the cast of Marvel's Cloak & Dagger - Otis Johnson (Miles Mussenden)». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 17 de abril de 2018. Arquivado do original em 17 de abril de 2018 
  8. a b c Deckelmeier, Joe (12 de junho de 2018). «Carl Lundstedt & Noëlle Renée Bercy Interview: Cloak & Dagger». Screen Rant. Consultado em 22 de junho de 2018. Arquivado do original em 22 de junho de 2018 
  9. a b c Highfill, Samantha (16 de abril de 2018). «Marvel's Cloak & Dagger: Jaime Zevallos and Emma Lahana's characters are revealed». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2018. Arquivado do original em 17 de abril de 2018 
  10. a b c d Motes, Jason (19 de março de 2018). «Freeform Releases New 'Cloak & Dagger' Poster Ahead Of Tomorrow's New Trailer» (em inglês). ScienceFiction.com. Consultado em 22 de junho de 2018. Arquivado do original em 22 de junho de 2018 
  11. Romero, Ariana (6 de julho de 2018). «What Is The "Divine Pairing" In Cloak & Dagger?». Refinery29 (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2018. Arquivado do original em 6 de julho de 2018 
  12. Kelly, Autumn Noel (2 de agosto de 2018). «How 'Marvel's Cloak & Dagger' Created The Divine Pairing Mythology». Newsweek (em inglês). Consultado em 13 de agosto de 2018. Arquivado do original em 14 de agosto de 2018 
  13. Harjo, Noetta (13 de julho de 2018). «Cloak & Dagger Recap: (S01E07) Lotus Eaters» (em inglês). Geek Girl Authority. Consultado em 13 de julho de 2018. Arquivado do original em 13 de julho de 2018 
  14. Vick, Megan (11 de julho de 2018). «Cloak & Dagger Sneak Peek: Tandy Gets to Talk to Her Father». TV Guide (em inglês). Consultado em 13 de julho de 2018. Arquivado do original em 13 de julho de 2018 
  15. a b Romero, Ariana (8 de junho de 2018). «Teen TV Is Darker Than Dark & Cloak And Dagger Is The Proof». Refinery29 (em inglês). Consultado em 22 de junho de 2018. Arquivado do original em 22 de junho de 2018 
  16. Pokaski, Joe (7 de junho de 2018). «Suicide Sprints». Cloak & Dagger. Freeform 
  17. Gooden, Tai (14 de junho de 2018). «Tyrone & Tandy Will Team Up On 'Cloak & Dagger' Soon, Because They Both Have Loved Ones To Avenge». Bustle (em inglês). Consultado em 22 de junho de 2018. Arquivado do original em 22 de junho de 2018 
  18. Frederick, Brittany (21 de junho de 2018). «Cloak and Dagger's Andrea Roth on Melissa's uphill battle». FanSided (em inglês). Time Inc. Consultado em 22 de junho de 2018. Arquivado do original em 22 de junho de 2018 
  19. a b c Welch, Alex (8 de junho de 2018). «Thursday cable ratings: 'Marvel's Cloak and Dagger' premieres, 'RuPaul's Drag Race' dips». TV by the Numbers (em inglês). Consultado em 8 de junho de 2018. Arquivado do original em 8 de junho de 2018 
  20. Welch, Alex (15 de junho de 2018). «Thursday cable ratings: 'Marvel's Cloak and Dagger' falls, 'RuPaul's Drag Race' rises». TV by the Numbers (em inglês). Consultado em 17 de junho de 2018. Arquivado do original em 18 de junho de 2018 
  21. Metcalf, Mitch (22 de junho de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 6.21.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 22 de junho de 2018. Arquivado do original em 23 de junho de 2018 
  22. Metcalf, Mitch (29 de junho de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 6.28.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2018. Arquivado do original em 3 de julho de 2018 
  23. Metcalf, Mitch (6 de julho de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 7.5.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2018. Arquivado do original em 9 de julho de 2018 
  24. Metcalf, Mitch (13 de julho de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 7.12.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 13 de julho de 2018. Arquivado do original em 16 de julho de 2018 
  25. Metcalf, Mitch (20 de julho de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 7.19.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2018. Arquivado do original em 20 de julho de 2018 
  26. Metcalf, Mitch (27 de julho de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 7.26.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 27 de julho de 2018. Arquivado do original em 27 de julho de 2018 
  27. a b Metcalf, Mitch (3 de agosto de 2018). «Updated: ShowBuzzDaily's Top 150 Thursday Cable Originals & Network Finals: 8.2.2018». Showbuzz Daily (em inglês). Consultado em 3 de agosto de 2018. Cópia arquivada em 4 de agosto de 2018 
  28. Brothers, David (24 de julho de 2011). «Marvel TV: 'Hulk,' 'Alias' and 'Cloak and Dagger' Comics To Be Adapted for Television with ABC» (em inglês). Comics Alliance. Consultado em 8 de abril de 2016. Arquivado do original em 7 de abril de 2016 
  29. a b c Riesman, Abraham (2 de agosto de 2018). «Cloak & Dagger Showrunner Joe Pokaski on What to Expect in Season Two». Vulture (em inglês). Consultado em 13 de agosto de 2018. Arquivado do original em 14 de agosto de 2018 
  30. «AMC's Geeking Out: Jeph Loeb Confirms Progress on CLOAK & DAGGER TV Show» (em inglês). Daily Superhero. 22 de agosto de 2016. Consultado em 8 de setembro de 2016. Arquivado do original em 8 de setembro de 2016 
  31. Goldberg, Lesley (11 de novembro de 2016). «Freeform's Fraught Year: Inside the Rebranded Network's Chase for Millennials (and a Hit Show)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 12 de novembro de 2016. Arquivado do original em 11 de novembro de 2016 
  32. a b Freeform (30 de janeiro de 2017). «Freeform and Marvel Announce Lead Cast and Creative Team for Highly Anticipated Series "Marvel's Cloak & Dagger"» (Nota de imprensa) (em inglês). The Futon Critic. Consultado em 31 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 31 de janeiro de 2017 
  33. Strom, Marc (7 de abril de 2016). «'Marvel's Cloak & Dagger' Heading To Freeform» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 7 de abril de 2016. Arquivado do original em 7 de abril de 2016 
  34. a b c Patten, Dominic; Petski, Denise (20 de julho de 2018). «'Marvel's Cloak & Dagger' Renewed For Season 2 By Freeform – Comic-Con». Deadline (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2018. Arquivado do original em 21 de julho de 2018 
  35. a b c «Marvel TV Watch: 'Cloak & Dagger,' 'Runaways' Bosses Reveal Season 2 Plans». The Hollywood Reporter (em inglês). 5 de agosto de 2018. Consultado em 13 de agosto de 2018. Arquivado do original em 14 de agosto de 2018 
  36. Topel, Fred (8 de agosto de 2016). «Marvel TV's Jeph Loeb on Fox's "Reimagined" 'Hellfire Club' Series, 'Cloak and Dagger', and More [TCA 2016]» (em inglês). /Film. Consultado em 9 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 9 de agosto de 2016 
  37. a b c Radish, Christina (11 de julho de 2018). «'Cloak and Dagger' Showrunner Joe Pokaski on Season 2 and Breaking the Audiences' Hearts» (em inglês). Collider. Consultado em 13 de julho de 2018. Arquivado do original em 13 de julho de 2018 
  38. a b Busch, Jenna (24 de março de 2018). «What We Learned About Marvel's Cloak & Dagger at WonderCon» (em inglês). ComingSoon.net. Consultado em 26 de março de 2018. Cópia arquivada em 26 de março de 2018 
  39. Louisiana Economic Development (8 de fevereiro de 2017). «Marvel Selects Louisiana For New Television Series» (Nota de imprensa) (em inglês). Louisiana Economic Development. Consultado em 9 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 9 de fevereiro de 2017 
  40. Scott, Mike (14 de dezembro de 2016). «Disney planning to shoot 'Shadows - Season 1' in Louisiana». The Times-Picayune (em inglês). Consultado em 8 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 8 de janeiro de 2017 
  41. Mueller, Matthew (7 de janeiro de 2017). «Marvel's Cloak And Dagger Working Title Revealed» (em inglês). Comicbook.com. Consultado em 7 de janeiro de 2017. Arquivado do original em 7 de janeiro de 2017 
  42. «Mark Isham to Score Freeform's Marvel Series 'Cloak & Dagger'» (em inglês). Film Music Reporter. 12 de maio de 2017. Consultado em 13 de maio de 2017. Cópia arquivada em 13 de maio de 2017 
  43. Dinh, Christine (8 de junho de 2018). «Marvel Music and Hollywood Records Presents 'Marvel's Cloak & Dagger' Digital Soundtrack Now Available» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 9 de junho de 2018. Arquivado do original em 9 de junho de 2018 
  44. «Soundtrack Album for Marvel's Freeform Series 'Cloak & Dagger' Released» (em inglês). Film Music Reporter. 8 de junho de 2018. Consultado em 9 de junho de 2018. Arquivado do original em 9 de junho de 2018 
  45. «'Cloak & Dagger' Score Album Details». Film Music Reporter (em inglês). 5 de julho de 2018. Consultado em 22 de julho de 2018. Arquivado do original em 22 de julho de 2018 
  46. a b Goldberg, Lesley (27 de julho de 2017). «Hulu's 'Runaways' "Lives in the Same World" as Other Marvel Fare». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 28 de julho de 2017. Cópia arquivada em 28 de julho de 2017 
  47. Evans, Greg (18 de janeiro de 2018). «'Marvel's Cloak & Dagger': Freeform Releases Footage, Sets Premiere Date». Deadline Hollywood (em inglês). Consultado em 19 de janeiro de 2018. Cópia arquivada em 19 de janeiro de 2018 
  48. a b «Marvel's Cloak & Dagger: Season 1 (2018)». Rotten Tomatoes. Fandango Media. Consultado em 19 de agosto de 2018 
  49. a b «Marvel's Cloak & Dagger: Season 1». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 19 de agosto de 2018 
  50. Pedersen, Erik (12 de junho de 2018). «'Marvel's Cloak & Dagger' Scores Freeform's Best Series Launch In Two Years». Deadline Hollywood (em inglês). Consultado em 12 de junho de 2018. Arquivado do original em 13 de junho de 2018 
  51. Riesman, Abraham (12 de abril de 2016). «Why the Cloak and Dagger Show Is a Huge Opportunity for Marvel – and Superhero Fiction» (em inglês). Vulture. Consultado em 13 de abril de 2016. Cópia arquivada em 13 de abril de 2016 
  52. Cave, Rob (21 de abril de 2017). «Cloak And Dagger Offers A Glimpse Of A Wider Marvel Cinematic Universe» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 23 de abril de 2017. Arquivado do original em 23 de abril de 2017 
  53. Douglas, Esme (13 de agosto de 2018). «Teen Choice Awards 2018: See the full list of winners». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 13 de agosto de 2018. Cópia arquivada em 13 de agosto de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]