Maria Raquel de Andrade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Maria Raquel Helena de Andrade, representante da extinta Guanabara, foi coroada Miss Brasil em 1965, em concurso realizado no Maracanãzinho, localizado na capital do estado, Rio de Janeiro, no dia 3 de julho, que foi marcado por uma decepção causada pelas vaias de quarenta mil pessoas presentes no local, devido à 4a. colocação da Miss Mato Grosso, Marilena Carriço de Oliveira Lima, que era favorita ao título. É filha de mãe argentina e pai catarinense.

No concurso estadual, representou o Botafogo. Foi uma das semifinalistas no Miss Universo, realizado nesse ano em Miami Beach, Flórida, EUA.

Precedido por
Ângela Teresa Vasconcelos
Miss Brasil
1965
Sucedido por
Ana Cristina Ridzi