Maria Raquel de Andrade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2013). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Maria Raquel de Andrade
Nascimento Rio de Janeiro
Cidadania Brasil
Ocupação modelo, competidor de concurso de beleza

Maria Raquel Helena de Andrade, representante da extinta Guanabara, foi coroada Miss Brasil em 1965, em concurso realizado no Maracanãzinho, localizado na capital do estado, Rio de Janeiro, no dia 3 de julho, que foi marcado por uma decepção causada pelas vaias de quarenta mil pessoas presentes no local, devido à 4a. colocação da Miss Mato Grosso, Marilena Carriço de Oliveira Lima, que era favorita ao título. É filha de mãe argentina e pai catarinense.

No concurso estadual, representou o Botafogo. Foi uma das semifinalistas no Miss Universo, realizado nesse ano em Miami Beach, Flórida, EUA.

Precedido por
Ângela Teresa Vasconcelos
Miss Brasil
1965
Sucedido por
Ana Cristina Ridzi