Paulo Cunha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Paulo Cunha
Nascimento 1 de setembro de 1908
Lisboa
Morte 16 de dezembro de 1986 (78 anos)
Lisboa
Cidadania Portugal
Alma mater Universidade de Lisboa
Ocupação professor universitário, político
Prêmios Ordem da Estrela Polar, Grã-Cruz da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada, Grande Cruz do Mérito da República Federal da Alemanha, Grã-Cruz da Ordem de Orange-Nassau, Cavaleiro da Grã-Cruz da Ordem de Pio IX, Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo
Empregador Universidade de Lisboa
Religião Igreja Católica

Paulo Arsénio Veríssimo da Cunha GCCGCSE (Lisboa, Coração de Jesus, 1 de setembro de 1908Lisboa, 16 de dezembro de 1986), mais conhecido por Paulo Cunha, foi um professor catedrático de Direito Público na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, advogado, Ministro dos Negócios Estrangeiros e reitor da Universidade de Lisboa.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

A 20 de maio de 1953 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Nosso Senhor Jesus Cristo e a 20 de agosto de 1958 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada.[2]

Casou com Maria Amélia da Silva Pitta (1915 - 199?), Grande-Oficial da Ordem Nacional do Cruzeiro do Sul do Brasil (12 de Novembro de 1957), Grande-Oficial da Ordem de Benemerência (26 de Julho de 1958), Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique (11 de Julho de 1968), Grã-Cruz da Ordem do Mérito (9 de Junho de 1995), filha de Pedro Goes Pitta, 12.º Bastonário da Ordem dos Advogados Portugueses, e de sua mulher Amélia da Conceição Barata Salgueiro da Silva, pais do professor Paulo Pitta e Cunha.

Referências

  1. António Menezes Cordeiro, Centenário do Nascimento do Professor Doutor Paulo Cunha: Estudos em Homenagem. Edições Almedina, 2012 (ISBN 9789724045023).
  2. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Paulo Arsénio Veríssimo Cunha". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 10 de agosto de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
José Caeiro da Mata
Ministro dos Negócios Estrangeiros
1950 - 1956
Sucedido por
Marcello Caetano
Precedido por
Marcello Caetano
Ministro dos Negócios Estrangeiros
1956 - 1957
Sucedido por
Marcello Caetano
Precedido por
Marcello Caetano
Ministro dos Negócios Estrangeiros
1957 - 1958
Sucedido por
Marcello Mathias
Precedido por
Marcelo Caetano
Reitor da Universidade de Lisboa
1962 - 1965
Sucedido por
José Sarmento de Vasconcelos e Castro