Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1961–62

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Taça dos Campeões Europeus 1961–62
VII European Cup
Dados
Participantes 29
Organização UEFA
Local de disputa UEFA member associations map.svg Europa
Período 21 de setembro de 19612 de maio de 1962
Gol(o)s 218
Partidas 55
Média 3,96 gol(o)s por partida
Campeão Portugal Benfica (2º título)
Vice-campeão Espanha Real Madrid
Melhor marcador 8 gols:
Maior goleada
(diferença)
Real Madrid Espanha 9 – 0 Dinamarca Boldklubben 1913
Estádio Santiago BernabéuMadrid
25 de outubro, Primeira fase
Público 2 085 372
Média 37 915,9 pessoas por partida
◄◄ UEFA member associations map.svg 1960–61 Soccerball.svg 1962–63 UEFA member associations map.svg ►►

A Taça dos Campeões Europeus 1961–62 foi a sétima edição do principal torneio de clubes Europeus. A competição foi ganha pela segunda vez consecutiva pelo Benfica que venceu o pentacampeão Real Madrid da competição pelo placar de 5 a 3 no Estádio Olímpico de Amsterdã. Com a conquista a equipe portuguesa se qualificou para a disputa da Copa Intercontinental contra o Santos do Brasil que venceram a Taça Libertadores da América.

Pela primeira vez o Campeão Nacional de Malta disputou a competição.

Fase Preliminar[editar | editar código-fonte]

O sorteio para a rodada preliminar ocorreu em Copenhague, na Dinamarca em 4 de julho de 1961. Como defensores do títulos, o Benfica só entrou na competição na próxima fase e as restantes 28 equipes foram agrupadas geograficamente em dois potes. A primeira equipe sorteada em cada pote também recebeu o direto de só jogar na próxima fase, enquanto os restantes clubes jogaram a primeira rodada em setembro.

Pote 1 

Norte da Europa

Pote 2 

Sul da Europa

Sorteados Irlanda do Norte

Inglaterra

Alemanha Ocidental

Alemanha Oriental

Polônia

Noruega

Suécia

Dinamarca

Países Baixos

França

República da Irlanda

Bélgica

Luxemburgo

Escócia

Espanha

Portugal

Suíça

Áustria

Romênia

Bulgária

Grécia

Checoslováquia

Hungria

Jugoslávia

Itália

Malta

Byes FC Haka (Finlândia) Fenerbahçe (Turquia)

O calendário foi decidido pelas equipes envolvidas, com todos os jogos a serem jogados até 30 de setembro.

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Estrela de Bucareste Roménia 0–2 Áustria Austria Vienna 0–0 0–2
Nuremberg Alemanha Ocidental 9–1 República da Irlanda Drumcondra 5–0 4–1
Servette Suíça 7–1 Malta Hibernians 5–0 2–1
CDNA Sofia Bulgária 5–6 Checoslováquia Dukla Praga 4–4 1–2
Gothenburg Suécia 2–11 Países Baixos Feyenoord 0–3 2–8
Górnik Zabrze Polónia 5–10 Inglaterra Tottenham Hotspur 4–2 1–8
Standard de Liège Bélgica 4–1 Noruega Fredrikstad 2–1 2–0
Vorwärts Berlin Alemanha Oriental 3–0 Irlanda do Norte Linfield 3–0 (w/o)¹
Monaco França 4–6 Escócia Rangers 2–3 2–3
Sporting Portugal 1–3 Iugoslávia FK Partizan 1–1 0–2
Panathinaikos Grécia 2–3 Itália Juventus 1–1 1–2
Spora Luxembourg Luxemburgo 2–15 Dinamarca Boldklubben 1913 0–6 2–9
Vasas Hungria 1–5 Espanha Real Madrid 0–2 1–3

¹ A Segunda partida foi cancelada, pois os funcionários da imigração do Reino Unido se recusaram a emitir os vistos da equipe do Vorwärts Berlin. Os dirigentes do Linfield não definiram um local alternativo para a disputa, então a equipe da Alemanha Oriental avançou para a Primeira Fase

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Fenerbahçe Turquia 1–3 Alemanha Ocidental Nürnberg 1–2 0–1
Austria Vienna Áustria 2–6 Portugal Benfica 1–1 1–5
Servette Suíça 4–5 Checoslováquia Dukla Praga 4–3 0–2
Feyenoord Países Baixos 2–4 Inglaterra Tottenham Hotspur 1–3 1–1
Boldklubben 1913 Dinamarca 0–12 Espanha Real Madrid 0–3 0–9
FK Partizan Iugoslávia 1–7 Itália Juventus 1–2 0–5
Standard Liège Bélgica 7–1 Finlândia Haka 5–1 2–0
Vorwärts Berlin Alemanha Oriental 2–6 Escócia Rangers 1–2 1–4

Quartas-de-final[editar | editar código-fonte]

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Nuremberg Alemanha Ocidental 3–7 Portugal Benfica 3–1 0–6
Dukla Praga Checoslováquia 2–4 Inglaterra Tottenham Hotspur 1–0 1–4
Juventus Itália 1–1¹ Espanha Real Madrid 0–1 1–0
Standard Liège Bélgica 4–3 Escócia Rangers 4–1 0–2

¹ Real Madrid venceu o Juventus por 3–1 na partida decisiva.

Jogos de Ida[editar | editar código-fonte]

1 de Fevereiro de 1962 Nürnberg Alemanha 3 – 1 Portugal Benfica Städtisches Stadium, Nuremberg

Flachenecker Gol marcado aos 31 minutos de jogo 31', Gol marcado aos 85 minutos de jogo 85'
Strehl Gol marcado aos 40 minutos de jogo 40'
Report Cavém Gol marcado aos 10 minutos de jogo 10' Público: 41 010
Árbitro: Tiny Wharton

7 de Fevereiro de 1962 Standard Liège Bélgica 4 – 1 Escócia Rangers Stade Maurice Dufrasne, Liège

Claessen Gol marcado aos 7 minutos de jogo 7'
Crossan Gol marcado aos 40 minutos de jogo 40', Gol marcado aos 51 minutos de jogo 51'
Vliers Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56'
Report Wilson Gol marcado aos 18 minutos de jogo 18' Público: 35 891
Árbitro: Vicente Caballero

14 de Fevereiro de 1962 Dukla Praga Checoslováquia 1 – 0 Inglaterra Tottenham Hotspur Stadion Dr.Václava Vacka, Praga

Kučera Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59' Report Público: 32 475
Árbitro: Josef Stoll

14 de Fevereiro de 1962 Juventus Itália 0 – 1 Espanha Real Madrid Stadio Comunale, Turin

Report Di Stéfano Gol marcado aos 69 minutos de jogo 69' Público: 66 403
Árbitro: Albert Dusch

Jogo de Volta[editar | editar código-fonte]

14 de Fevereiro de 1962 Rangers Escócia 2 – 0 Bélgica Standard Liège Ibrox Stadium, Glasgow

Brand Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28'
Caldow Gol marcado aos 88 minutos de jogo 88' (pen.)
Report Público: 76 730
Árbitro: Leo Horn

Standard Liège ganhou 4-3 no agregado.


26 de Fevereiro de 1962 Tottenham Hotspur Inglaterra 4 – 1 Checoslováquia Dukla Praga White Hart Lane, Londres

Smith Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11', Gol marcado aos 53 minutos de jogo 53'
Mackay Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15', Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54'
Report Jelínek Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44' Público: 55 389
Árbitro: Carl Jørgensen

Tottenham Hotspur ganhou 4-2 no total.


22 de Fevereiro de 1962 Benfica Portugal 6 – 0 Alemanha Ocidental Nürnberg Estádio da Luz, Lisboa

Águas Gol marcado aos 1 minutos de jogo 1'
Eusébio Gol marcado aos 4 minutos de jogo 4', Gol marcado aos 55 minutos de jogo 55'
Coluna Gol marcado aos 20 minutos de jogo 20'
Augusto Gol marcado aos 63 minutos de jogo 63', Gol marcado aos 78 minutos de jogo 78'
Report Público: 55 000
Árbitro: Gino Rigato

Benfica ganhou 7-3 no agregado.


21 de Fevereiro de 1962 Real Madrid Espanha 0 – 1 Itália Juventus Santiago Bernabéu Stadium, Madrid

Report Sívori Gol marcado aos 39 minutos de jogo 39' Público: 130 000
Árbitro: Maurice Guigue

Real Madrid 1-1 Juventus no agregado.


Playoffs[editar | editar código-fonte]

28 de Fevereiro de 1962 Real Madrid Espanha 3 – 1 Itália Juventus Parc des Princes, Paris

Felo Gol marcado aos 1 minutos de jogo 1'
Del Sol Gol marcado aos 65 minutos de jogo 65'
Tejada Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
Report Sívori Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35' Público: 36 750
Árbitro: Pierre Schwinte

Semifinais[editar | editar código-fonte]

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Benfica Portugal 4–3 Inglaterra Tottenham Hotspur 3–1 1–2
Real Madrid Espanha 6–0 Bélgica Standard Liège 4–0 2–0

Jogos de Ida[editar | editar código-fonte]

26 de Fevereiro de 1962 Tottenham Hotspur Inglaterra 4 – 1 Checoslováquia Dukla Praga White Hart Lane, Londres

Smith Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11', Gol marcado aos 53 minutos de jogo 53'
Mackay Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15', Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54'
Report Jelínek Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44' Público: 55 389
Árbitro: Carl Jørgensen
22 de Março de 1962 Real Madrid Espanha 4 – 0 Bélgica Standard Liège Santiago Bernabéu Stadium, Madrid

Di Stéfano Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23'
Tejada Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38', Gol marcado aos 78 minutos de jogo 78'
Casado Gol marcado aos 48 minutos de jogo 48'
Report Público: 110 000
Árbitro: Joseph Barbéran

Jogos de Volta[editar | editar código-fonte]

5 de Abril de 1962 Tottenham Hotspur Inglaterra 2 – 1 Portugal Benfica White Hart Lane, Londres

Smith Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35'
Blanchflower Gol marcado aos 48 minutos de jogo 48' (pen.)
Report Águas Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15' Público: 64 448
Árbitro: Aage Poulsen

Benfica ganhou 4-3 no agregado.


12 de Abril de 1962 Standard Liège Bélgica 0 – 2 Espanha Real Madrid Stade Maurice Dufrasne, Liège

Report Puskás Gol marcado aos 50 minutos de jogo 50'
Del Sol Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60'
Público: 35 000
Árbitro: Gerhard Schulenburg

O Real Madrid ganhou 6-0 no total.

Final[editar | editar código-fonte]

A final foi disputada em 2 de maio de 1962 no Estádio Olímpico de Amsterdã em Amsterdã na Holanda.

2 de maio de 1962 Benfica Portugal 5 – 3 Espanha Real Madrid Estádio Olímpico de Amsterdã, Amsterdã

Águas Gol marcado aos 25 minutos de jogo 25'
Cavém Gol marcado aos 34 minutos de jogo 34'
Coluna Gol marcado aos 51 minutos de jogo 51'
Eusébio Gol marcado aos 65 minutos de jogo 65' (pen.), Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68'
Puskás Gol marcado aos 17 minutos de jogo 17', Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23', Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38' Público: 65 000
Árbitro: Países BaixosNED Leonard Horn

Premiação[editar | editar código-fonte]

Taça dos Campeões Europeus 1961-62
Portugal
Benfica
Campeão
(2º título)

Artilheiros[editar | editar código-fonte]

Ranking Nome Time Gols
1 Alemanha Ocidental Heinz Strehl Alemanha Ocidental Nürnberg 8
2 Dinamarca Bent Løfqvist Dinamarca Boldklubben 1913 7
Hungria Ferenc Puskás Espanha Real Madrid 7
Espanha Alfredo Di Stéfano Espanha Real Madrid 7
Espanha Justo Tejada Espanha Real Madrid 7
6 Portugal José Águas Portugal Benfica 6
Bélgica Roger Claessen Bélgica Standard Liège 6
Inglaterra Bobby Smith Inglaterra Tottenham Hotspur 6
9 Portugal Eusébio Portugal Benfica 5
Checoslováquia Rudolf Kučera Checoslováquia Dukla Praga 5

Ligações externas[editar | editar código-fonte]