Valença de Perus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Valença de Perus
Fundação 16 de dezembro de 1993 (25 anos)
Cores
Verde
Vermelho
Ouro
Símbolo Rosa dos Ventos
Bairro Perus
Presidente Claudio Oliveira de Messias
Desfile de 2019
Enredo Valença Canta o Poeta Imortal, Salve Monarco da Portela

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Valença de Perus é uma escola de samba de São Paulo. Desfilou como GRBC Unidos de Perus Valença Samba até 2002(Bloco de enredo). A partir de 2003 transforma-se em GRCSES Valença de Perus.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
(antecessor) ?-?
Claudio Oliveira de Messias ?-atualidade [1]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2014 Cléo Valença
2015 Comissão Claudecya Comissão [2]
2016

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Marina Lima
2015 Marina Lima

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2013 Michel e Cléo [3]
2014-2015 William e Sara [2]
2016

Rainhas de bateria[editar | editar código-fonte]

Anos Rainha de bateria Ref.
2014

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Valença de Perus
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref
1997 Campeã Grupo de Espera - Blocos Aconteceu no Natal
1998 7o. Grupo 1 Blocos Samba no arraiá
1999 Campeã Grupo 1 Blocos No mundo encantado com Monteiro Lobato
2000 10o. Grupo Especial Blocos Evolução Tecnológica do Homem Binho
2001 2o. Grupo 1 Blocos

NORTE

Desvendando os mistérios das lendas e contos -

Estórias e lendas

Sidney Vaz
2002 4o. Grupo 1 Blocos

NORTE

Cem anos de Luz - um livro aberto Binho
2003 7o. Grupo 3 Oeste Sonho dourado de faraó Fábio Parra
2004 4º lugar 3-Oeste CEAGESP - Terra da garoa. Êta feira boa! Parabéns São Paulo meu amor.

Compositores:Vadô Milhan, Mascate e Beto Honorato

[1]
2005 2º lugar 3-Oeste Jorge Amado e suas quatro mulheres Binho [4]
2006 7º lugar 2-UESP Vossa Majestade, o Carnaval Márcio e Binho [5]
2007 7º lugar 2-UESP Garantido e Caprichoso na Terra da Garoa Márcio e Binho [6]
2008 12º lugar 2-UESP Na Batida do Calumbé, o Canto da Riqueza Marcio e Binho [7]
2009 3°lugar 3-UESP Estendida à Lona e Formado o Picadeiro. É sorriso, é calor, o Circo chegou!
2010 9°lugar 2-UESP A Revolução da Natureza é o Bicho! Bill de Oliveira
2011 6° lugar 2-UESP A Valença diz no pé
2012 8° lugar 2-UESP Um Sonho de Criança
2013 11º lugar 2-UESP A nossa tribo vai passar e no dia do Índio o Valença é quem vai comemorar

Compositores:Nilsinho, Nego Justo, Lucas e Kleber

[3]
2014 10º lugar 3-UESP O Valença vem mostrar uma estória do nosso Natal de cada dia.

Compositores:Nilsinho Morais

[8][9]
2015 12º lugar 3-UESP A Feira da Comunidade Comissão de Carnaval Manga e Nilsinho [2]
2016 Desclassificada 4-UESP Viagem ao castelo assombrado - Halloween [10]
2017 Campeã 4-UESP Primavera - A Estação da Vida
2018 5°lugar 3-UESP A Saga de Alberto Alvez Edson Lis [11]
2019 6o. 3-UESP Valença Canta o Poeta Imortal, Salve Monarco da Portela Comissão de Carnaval [12]

Referências

  1. a b [1]
  2. a b c [2]
  3. a b [3]
  4. «Central do Carnaval 2005». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 
  5. «Central do Carnaval 2006». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 
  6. «Central do Carnaval 2007». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 
  7. «Central do Carnaval 2008». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 
  8. http://www.sasp.com.br/a_escola_carnaval_samba.asp?rg_carnaval=23462
  9. Sasp. «Carnaval 2014». Consultado em 31 de maio de 2014 
  10. [4]
  11. «Grupo 3». UESP. Consultado em 25 de janeiro de 2018 
  12. «Central do Carnaval 2019». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019