Em Cima da Hora Paulistana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Em Cima da Hora, veja Em Cima da Hora (desambiguação).
Em Cima da Hora
Fundação 20 de janeiro de 1998 (21 anos)
Escola-madrinha Camisa Verde e Branco[1]
Cores
Azul
Vermelho
Branco
Símbolo Coruja segurando um relógio.
Bairro Grajaú
Presidente Jair Santos
Patrono Deus
Desfile de 2019
Enredo Boemia… Aqui me tens de regresso. Parabéns Nelson Gonçalves… 100 anos
http://emcimadahorasp.wixsite.com/samba

O Grêmio Recreativo Cultural e Beneficente Em Cima da Hora Paulistana é uma escola de samba da cidade de São Paulo. Ela está localizada no distrito do Grajaú, na região da Capela do Socorro, e foi fundada em 20 de janeiro de 1998. Mantém suas atividades carnavalescas e ainda atua diretamente como uma ONG sócio-educativa cultural realizando diversas atividades culturais direcionadas a crianças, jovens, idosos e famÍlias carentes da região onde está sediada.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Durante uma das reuniões na sociedade de amigos de bairro do Grajaú, houve uma proposta na plenária de fundar no bairro uma entidade voltada à recreação e à cultura, a qual dedicaria-se exclusivamente, sem fins lucrativos, a trabalhar para o enriquecimento cultural e profissional da comunidade.

Entusiasmado com a ideia, Jair dos Santos, ex-integrante da Mocidade Alegre, prontificou-se a assumir a dianteira do projeto. Numa festa de fundação, realizada posteriormente, havia divergência sobre o nome da nova entidade, tendo sido sugeridos nomes como "Unidos do Grajaú" e "Império do Grajaú". Um velho amigo de Jair, também componente da Mocidade Alegre, telefonou para ele no meio da reunião, sendo prontamente convidado a participar da festividade, no que lhe respondeu "Mas você me convida agora? Em Cima da Hora?"

Jair Santos então lembrou-se do nome da escola de samba carioca Em Cima da Hora, que também teve uma história de escolha de nome parecida, decidindo homenageá-la na denominação de sua nova agremiação.

Quatro anos após, a Em Cima da Hora Paulistana tornou-se campeã do Grupo de Acesso da UESP. Porém, em 2006, a entidade foi acusada pela entidade de "enxerto", quando componentes de uma escola desfilam com fantasias de outra agremiação, e por isso foi punida com uma suspensão de dois anos. Segundo Jair, a punição teria sido injusta, pois o regulamento previa que se fosse identificado o enxerto, ambas as escolas de samba, a que usou, e a que emprestou as fantasias, receberiam a mesma punição, mas nunca teriam divulgado qual escola lhe teria cedido as fantasias.[3]

A agremiação manteve os desfiles carnavalescos pelo bairro, realizando normalmente os carnavais de 2007 e 2008 mesmo sem competir.

Em 2009, retornando da punição, conquistou o 7º lugar no chamado Grupo de Espera da UESP. Já em 2010, obteve o 4º lugar no mesmo grupo, já chamado de Grupo 4. Em 2011, ao desfilar com um enredo em homengem à AACD, após terminar entre as quatro últimas colocadas[4], foi novamente suspensa pela UESP e não participará dos desfiles oficiais em 2012.

Após dois anos sem competir, a Coruja do Samba retornou, com um enredo sobre a homofobia[5] obteve a quarta colocação.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Jair Santos 1998-atualidade [6]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria
2014 Vivian Meire Jose Jefferson Dantas Amauri, e Binga
2015 Vivian Meire Jose Jefferson Dantas Binga
2016 Vivian Meire Jose Jefferson Dantas Emerson
2017 Vivian Meire Jose Jefferson Dantas Emerson
2018 Vivian Meire Jose Jefferson Dantas CApeta

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
2014 Anderson Cabelo e Thalita
2015 João e Thalita
2016 Ramon e Thalita
2017 Ramon e Thalita
2018 Ramon e Luana

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Em Cima da Hora Paulistana
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref
2000 6º lugar Espera Socorro!!!! Arrepia Capela.... Comissão de Carnaval Zemar
2001 8º lugar Espera Petróleo... Ouro negro na terra do negro ouro Moisés e Ellen Karen
2002 Campeã Espera Thereza Santos - Em Cima da Hora vamos lhe homenagear Cid Franco Marquinhos do Cavaco [7]
2003 9° lugar 3-UESP Essas admiráveis mulheres do samba Comissão de Carnaval Grupo Sempre Sorrindo
2004 9° lugar 3-UESP De São Paulo para o mundo... Tributo ao paulistano José Mojica Marins Jair Santos Grupo Sempre Sorrindo
2005 6° lugar Espera Ahh se meu fusca falasse!!!! Comissão de Carnaval Douglas Coruja
2006 8º lugar 4-UESP Embu Guaçu... Cobra Grande 100% manancial... Paraíso a caminho do mar Jair Santos Tchesco SN
2007 Não competiu Querem calar a minha voz Jair Santos Tchesco SN
2008 Não competiu Normal, é o amor... o resto é puro preconceito... Jair Santos Tchesco SN
2009 7º lugar Espera A Coruja do Samba é brasileira, batuqueira e swingueira e vem cantar os 25 anos de carreira do Cantor Boca Nervosa Jair Santos Tchesco SN [4]
2010 4º lugar 4-UESP Cotas Universitárias... O início da Indenização Dirceu Junior Tchesco SN
2011 9º lugar 4-UESP Nas Asas da Coruja do Samba, AACD... 60 Anos de Assistência a Criança Especial. Jair Santos Tchesco SN
2012 Não competiu Samba... Esta é a nossa Bandeira Comissão de Carnaval Tchesco SN
2013 Não competiu Casa Nova... Vida Nova... A Coruja do samba renasce das Cinzas Comissão de Carnaval Tchesco SN
2014 4º lugar 4-UESP Homofobia é Crime... Amai-vos uns aos Outros... como eu vos amei Comissão de Carnaval Tchesco SN [8]
2015 4º lugar 4-UESP Reciclar também é arte Comissão de Carnaval César Gú [9]
2016 Campeã 4-UESP Nas asas da coruja do samba... Gabi e Vivi bailando como voo das borboletas - História viva do carnaval paulistano Carlos Alberto Paulo Manssuli [6]
2017 7º lugar 3-UESP A Coruja do samba reverencia sua raiz...Mocidade Alegre, 50 anos, emoção de toda uma vida Comissão de Carnaval Herbert Nogueira
2018 6º lugar Acesso de Bairros Nas asas da coruja do samba... Tem um leão na toca da coruja Comissão de Carnaval Herbert Nogueira [10]
2019 7º Lugar Acesso de Bairros Boemia… Aqui me tens de regresso. Parabéns Nelson Gonçalves… 100 anos Comissão de Carnaval

Referências

  1. http://sasp.com.br/a_escola_dados.asp?rg_escola=59
  2. http://sasp.com.br/a_escola.asp?rg_escola=59
  3. Renato Galvão (22 Julho 2007). «O papel social do samba». Consultado em 21 de julho de 2011 
  4. a b SASP. «Carnaval 2011». Consultado em 21 de julho de 2011 
  5. SRZD-Carnaval/SP (25 de abril de 2013). «Homofobia será tema de enredo de escola de samba em São Paulo». 15h25. Consultado em 26 de abril de 2013 
  6. a b [1]
  7. SASP. «Carnaval 2002». Consultado em 21 de julho de 2011. Arquivado do original em 10 de março de 2014 
  8. [2]
  9. SRZD-SP (16 de abril de 2014). «Em Cima da Hora divulga enredo 2015». 18h12 
  10. «Grupo 3». UESP. Consultado em 25 de janeiro de 2018