Prova de Fogo (escola de samba)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Prova de Fogo
Fundação 16 de junho de 1974 (45 anos)
Escola-madrinha Camisa Verde e Branco[1]
Cores
Símbolo Chama de Fogo e casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira
Bairro Pirituba
Presidente Rosana Pinto
Presidente de honra Celso de Lima
Desfile de 2019
Enredo Rosas Negras – O Perfume da Flor sou eu
Posição de desfile Terceiro lugar

Grêmio Recreativo Social e Cultural Prova de Fogo é uma escola de samba da cidade de São Paulo. Seu nome é uma homenagem ao bloco Prova de Fogo, do Ceará.

História[editar | editar código-fonte]

A Prova de Fogo foi fundada no bairro da Vila Mangalot, em Pirituba. Tudo começou em um piquenique em Interlagos, no dia 21 de abril de 1974, reunindo jogadores e torcedores do Santista Futebol Clube. A ideia para a formação da escola de samba partiu de Akimilson de Oliveira Câmara, o Ceará, que sugeriu o nome Prova de Fogo, em homenagem a um bloco cearense homônimo ligado ao Corpo de Bombeiros.

A partir daí, aconteceram algumas reuniões na casa de Dona Valdevina, na Vila Mangalot, em Pirituba. Dois meses depois do piquenique foi plantada a primeira semente do samba em Pirituba, com a fundação do Grêmio Recreativo escola de Samba Prova de Fogo em 16 de junho de 1974. Ceará foi eleito o primeiro presidente da escola de samba.

Em 1975, a escola apresentou-se pela primeira vez no Grupo Pleiteante. O belo desfile na Rua 12 de Outubro, na Lapa, rendeu à agremiação o título de campeã e uma vaga no Grupo 3. Após a apresentação de 1980, com um enredo sobre histórias de caboclos, a escola passou a integrar o Grupo 2. Ao longo da sua história, a Prova de Fogo apresentou enredos marcantes, como Cabloco, Meninos de Rua, Circo, Magia Cigana, entre outros.

Em 2019, o enredo foi em homenagem às mulheres negras, intitulado "Rosas Negras o O Perfume da Flor Sou Eu", de autoria de Cesar Caetano e Felipe Cruz. A agremiação ficou em terceiro lugar pelo Grupo de Acesso de Bairros 1 (antigo Grupo 3 da Uesp). Essa foi a melhor colocação da Prova de Fogo na última década.

Conheça mais sobre a agremiação em www.provadefogo.com.br


Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Celso Lima 1983-2011 [2]
Ivan Renato de Lima 2012-2016 [3]
Tadeu Kaçula 2017-2018
Rosana Pinto 2018 até o momento

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2014 Silvio Luis de Lima Renato Vinicius [4]
2016 Carlinhos Sebastian [3]
2017 Ricardo Americano Carlinhos Sebastian
2018 Paulinho
2019 André Marins João Batista (Dão) Vicente Trambolho e André Luiz

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Solange Ferreira [4]
2016 Mafra [3]
2017
2018
2019 Solange Ferreira

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Ramon Lima e Vivian Alves [4]
2015 Tchaca e Vivian Alves [5]
2016 Everson Sena e Gisa Camilo [3]
2017
2018 Julio Cesar e Nicinha Simpatia
2019 Julio Cesar e Nicinha Simpatia

Corte de bateria[editar | editar código-fonte]

Ano Rainha Madrinha Musa Ref.
2014 Karen Ariane Lilian Santos Rosana Pretinhas [4]
2015 Karen Ariane Lilian Santos Rosana Pretinhas
2016 Karen Ariane Rosana Pretinhas
2017 Andréa Capitulino
2018
2019 Karen Ariane Gisele Alves

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Prova de Fogo
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Ref
1975 13º lugar 1-UESP Tempos de Pierrot e Colombina
1976 Desclassificada 1-UESP Verde Que te Quero Verde
1977 3º lugar 1-UESP Nostalgia do Carnaval
1978 5º lugar 1-UESP Vitória Régia
1979 5º lugar 1-UESP E o Vento Levou
1980 Vice-campeã 1-UESP Vida de Caboclo
1981 10º lugar Acesso As Quatro Estações do Ano
1982 Vice-campeã 1-UESP Mundo Encantado da Ilusão
1983 8º lugar Acesso Réquiem de um Canto Triste
1984 9º lugar Acesso O Sonho do Povo, A Magia do Carnaval
1985 Vice-campeã 1-UESP Oranian - o Criador da Terra
1986 9º lugar Acesso A Dança de Aruanda
1987 4º lugar 1-UESP O Barato, Marido da Barata
1988 3º lugar 1-UESP Cem Anos de um Canto Livre
1989 7º lugar 1-UESP Tributo à Pirituba
1990 10º lugar 1-UESP Luiz Gonzaga, "o Lua, Danado de Bom"
1991 3º lugar 1-UESP Bahia e Seus Encantos
1992 Vice-campeã 1-UESP Meninos de Rua
1993 9º lugar 1-UESP Juventude, Caminhos Abertos
1994 8º lugar Acesso Do Passado ao Presente, Um Futuro Reluzente: O Jeito é se Comunicar
1995 6º lugar 1-UESP Respeitável Público
1996 Campeã 1-UESP Eu Quero
1997 10º lugar Acesso Os Maiores Espetáculos da Terra Carlos Marques
1998 Campeã 1-UESP Doce Magia Cigana Gelson
1999 8º lugar Acesso Incas - Filhos do Império Sol Henry Domingues Filho e Wagner Colzatto
2000 6ºlugar 1-UESP Icamiabas Jeronimo Guimarães
2001 3º lugar 1-UESP A Saga Japonesa no Brasil Gil Rincon e José Carlos Lisboa
2002 Vice-campeã 1-UESP Uma Viagem ao Mundo do Carnaval Sidney Vaz
2003 8º lugar Acesso Prova de Fogo na Barca do Inferno Sidney Vaz
2004 6º lugar Acesso A Festa dos Povos no Portal do Mundo Arnaldo Motta
2005 4º lugar 1-UESP Dança: Expressão de Corpo e Alma Michael Smith e Fábio Sorriso
2006 7º lugar Acesso Da Essência à Fragrância: História e Evolução do Perfume Ancelmo Brito
2007 Vice-campeã 1-UESP Mulheres que Fizeram e Fazem a História do Nosso Brasil Leandro Lopes
2008 7º lugar Acesso Cem Anos de Imigração Japonesa, Prova de Fogo é Okinawa (a Terra da Cortesia) neste Carnaval Elizandro Alves (Chuchu)
2009 6º lugar 1-UESP Educação para a Liberdade

Compositores:Rogério Fogal, Gabriel Lima, Lucas Zangalli e Luccas Piccirillo

Eduardo Caetano [2]
2010 5º lugar 1-UESP Carnaval na Roça: O Caipira que Virou Cowboy! Bill de Oliveira
2011 6° lugar 1-UESP Da Segregação à Inclusão Social, Prova de Fogo é Refavela neste Carnaval

Compositores:Denny Gomes, sandro neves e Valquíria

Oziene Furttado [6]
2012 6° lugar 1-UESP Entre laços e fitas, a Prova de Fogo é festa nordestina nesse Carnaval Robson Goulart
2013 4º Lugar 1-UESP Prova de Fogo está em festa no quilombo de Pirituba ! Róbson Goulart
2014 7º lugar 1-UESP Do Sol ao Carnaval: a Prova de Fogo é a chama do samba que não se apaga! Diego Tadeu [4]
2015 8° lugar 1-UESP Grandes batalhas, são para grandes guerreiros Diego Tadeu [5]
2016 4º lugar 1-UESP Chacrinha continua balançando a massa! Cláudio Cebola [3]
2017 12º Lugar 1-UESP Tambores e batuques, festas e tradições no interior paulista Amarildo de Mello
2018 11ºlugar 2-UESP Chiquinha Gonzaga a matriarca da música popular brasileira Amarildo de Mello [7]
2019 3º Lugar Acesso 1 de Bairros (antigo Grupo 3) Rosas Negras – O Perfume da Flor Sou Eu Cezar Caetano e Felipe Cruz [8]

Referências

  1. http://www.sasp.com.br/a_escola_dados.asp?rg_escola=24
  2. a b [1]
  3. a b c d e [2]
  4. a b c d e Sasp. «Carnaval 2014». Consultado em 31 de maio de 2014. Cópia arquivada em 31 de maio de 2014 
  5. a b [3]
  6. [4]
  7. «Grupo 2». UESP. Consultado em 25 de janeiro de 2018 
  8. «Central do Carnaval 2019». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]