Washington Quaquá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Washington Quaquá
Washington Luiz Cardoso Siqueira
Prefeito de Maricá
Período 1º de janeiro de 2009
até 1º de janeiro de 2017
Dados pessoais
Nascimento 31 de março de 1971 (50 anos)
Niterói, RJ, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Partido PT (1989-presente)
linkWP:PPO#Brasil

Washington Luiz Cardoso Siqueira (São Gonçalo, 31 de maio de 1971), conhecido como Washington Quaquá, é um político brasileiro.[1] Foi prefeito de Maricá (RJ) pelo PT por 2 mandatos, elegendo-se em 2008 e ganhando a reeleição em 2012. Foi sucedido na prefeitura por Fabiano Horta, também do PT.

É vice-presidente do PT nacional.[2][3]

Em 2014, implantou um serviço de ônibus gratuito na cidade, usando recursos dos royalties pela exploração de petróleo. Maricá foi o primeiro município brasileiro com mais de 100 mil habitantes a adotar um programa de transporte público gratuito.[4]

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Foi acusado de usar os programas sociais da Prefeitura para alavancar sua campanha. Em 2013 foi condenado pela Justiça Eleitoral por abuso do poder político e conduta vedada a agente público. No entanto, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro não cassou o seu mandato, optando por apenas torná-lo inelegível por oito anos[5][6].

Em 25 de Junho de 2016, foi inaugurada em sua gestão uma estátua do guerrilheiro Che Guevara, em frente ao Hospital Municipal de mesmo nome. A cerimônia de inauguração contou com a presença de Aleida Guevara, filha mais velha de Che.[7]

Referências

  1. Washington Quaquá. Eleições 2012
  2. "Sem reformas, nem Lula salva a esquerda em 2018". Carta Capital, 8 de fevereiro de 2015
  3. Dirigente do PT-RJ sai em defesa do partido e avisa: “Se fosse o Mantega, eu tinha enfiado a porrada”. R7, 25 de fevereiro de 2015
  4. Maricá, a cidade do passe livre. Carta Capital, 8 de fevereiro de 2015
  5. refeito de Maricá-RJ é mantido no mandato, mas é declarado inelegível por oito anos. TSE, 20 de agosto de 2013
  6. Washington Quaquá fica inelegível por oito anos. O Dia, 1 de abril de 2014
  7. Band Rio (28 de junho de 2016). «Prefeitura inaugura estátua de Che Guevara». Consultado em 09 de Dezembro de 2018  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)