American Pie (canção)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"American Pie"
Single de Don McLean
do álbum American Pie
Lado A "American Pie"
Lado B "Empty Chairs" (promo)
"American Pie part 2"
Lançamento Outubro de 1971
Gravação 26 de maio de 1971
Gênero(s) Folk rock
Duração 8:33 min
Gravadora(s) United Artists
Composição Don McLean
Produção Ed Freeman para a The Rainbow Collection, Ltd.
Cronologia de singles de Don McLean
Último
Último
"Vincent"
(1972)
Próximo
Próximo

"American Pie" é uma canção de folk-rock lançada pelo cantor e compositor Don McLean.

Gravado para o álbum American Pie em 1971, este single alcançou o 1° lugar das paradas de sucesso dos EUA em 1972, permanecendo nesta posição por quatro semanas. Foi relançado em 1991, alcançando a 12ª colocação no Reino Unido.

A canção relembra o "dia em que a música morreu" — o acidente aéreo ocorrido em 3 de fevereiro de 1959 que tirou as vidas de Buddy Holly, Ritchie Valens, The Big Bopper e do piloto Roger Peterson.

Bastidores e interpretações[editar | editar código-fonte]

A canção é reconhecida por sua letra enigmática, sujeita desde seu lançamento a vários questionamentos e interpretações. Embora McLean tenha dedicado o álbum American Pie a Buddy Holly, nenhum dos músicos mortos no acidente de avião são identificados pelo nome na canção. Quando perguntado qual era o significado de "American Pie", McLean respondeu, "Significa que nunca mais vou precisar trabalhar".[1] Em outra ocasião, ele afirmou mais seriamente:

Cquote1.svg Você encontra muitas explicações sobre minhas letras, nenhuma delas feitas por mim... sinto deixar todos vocês assim no escuro, mas descobri há muito tempo que compositores devem se expressar e seguir em frente, mantendo um silêncio respeitoso. [2] ' Cquote2.svg

McLean sempre evitou responder a perguntas específicas sobre o significado da letra ("Está além de qualquer análise. É poesia."), exceto para confirmar que ele ficou sabendo da morte de Buddy Holly enquanto trabalhava como entregador de jornais na manhã de 3 de fevereiro de 1959 (referenciado no verso "February made me shiver/with every paper I'd deliver" — "Fevereiro me dava calafrios / A cada jornal que eu entregava"). Ele também afirmou em um editorial publicado em 2009, no 50° aniversário do acidente, que compor o primeiro verso da canção exorcizou a tristeza que ele continuava a sentir pela morte de Holly.[3]

Versões[editar | editar código-fonte]

Diversas versões cover de "American Pie" foram lançadas ao longo dos anos. Um dos primeiros registros é uma versão em espanhol que apareceu no México em 1971, cantada pelo dublador Francisco Colmenero. A primeira versão em inglês só foi lançada no ano seguinte pelo grupo The Brady Bunch. Outra versão em espanhol foi gravada em 1984 pelo cantor nicaraguense Hernaldo Zúñiga, versão esta regravada por Eduardo Fonseca em 2000.

A banda de ska punk Catch 22 transformou-a numa melodia ska que se tornou um dos destaques de seus shows, enquanto a banda de rock alternativo Killdozer lançava uma paródia em ritmo pesado em 1989.

Outras versões foram lançadas pelo cantores Chris de Burgh e Leslie Cheung e pelo grupo vocal King's Singers, entre muitos outros.

Versão de Madonna[editar | editar código-fonte]

"American Pie"
Single de Madonna
do álbum The Next Best Thing
Lançamento 3 de março de 2000
Formato(s) CD single
Gravação Novembro de 1999
Gênero(s) Dance-pop
Duração 4:33
Gravadora(s) Maverick, Warner Bros.
Composição Don McLean
Produção Madonna, William Orbit
Cronologia de singles de Madonna
Último
Último
"Beautiful Stranger"
(1999)
"Music"
(2000)
Próximo
Próximo

A pop star Madonna lançou uma versão de "American Pie" em março de 2000 para promover a trilha sonora de seu filme The Next Best Thing. Sua versão é mais curta que a original, contendo apenas o começo da primeira estrofe e a segunda e a sexta estrofes completas, sendo gravada em ritmo pop-dance. O próprio Don McLean elogiou a versão, dizendo que foi um "presente de uma deusa", e que a gravação era "mística e sensual".[4]

Devido ao sucesso do single, ele foi incluído como faixa bônus de seu álbum Music (2000), ficando de fora apenas do lançamento estadunidense. Madonna explicou em entrevista à BBC Radio 1 em 2001 que a razão de a canção ter sido omitida da coletânea GHV2 é que ela teria sido obrigada a gravar "American Pie" por um executivo de sua gravadora, e que a canção na verdade não deveria fazer parte nem do álbum Music.[5]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. "The Don McLean Story: 1970–1976" - Don-McLean.com
  2. "What is Don McLean's song "American Pie" all about?" - The Straight Dope
  3. "American Pie" - Don-McLean.com
  4. "Madonna: Don McLean Praises Madonna's 'American Pie' - Rhapsody Music Downloads" - VH1.com
  5. "It was something a certain record company executive twisted my arm into doing, but it didn't belong on the (Music) album so now it's being punished." — Madonna, em entrevista à Jo Whitley, transmitida pela emissora de rádio BBC Radio 1 em 2001

Ligações externas[editar | editar código-fonte]