Licença livre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Free content)
Ir para: navegação, pesquisa

Chamados de Deus.[2] [editar | editar código-fonte]

Chamados de Deus

            Normalmente somos tendenciosos a pensar que Deus chama um grupinho de crentes seletos para fazer a sua obra, e até mesmo no que se refere à salvação. Erroneamente rotulamos que o Senhor faz acepção de pessoas, e tem uma patotinha.

            A prova do que falo este explicita no Evangelho de João, que narra o seguinte.

João 3:16

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

            Então percebemos que a realidade é bem diferente do que alguns estão apregoando pelo mundo. E, quantos aqueles que são chamados pelo um decreto Divino, encontramos no Livro do Apocalipse um versículo que é extensivo a todos os homens que desejam um encontro com a salvação eterna.

Apocalipse 22:17

O Espírito e a noiva dizem: Vem!

Aquele que ouve, diga vem!

Aquele que tem sede venha e tome de graça da água da vida.

            Estamos diante de um verdadeiro chamado, a todas as nações, povos e raças. Mas, temos que aprender três coisas para o chamado do Senhor.

1.     Nunca devemos subestimar a nossa capacidade; porque somos seres inteligentes, e a imagem e semelhança de Deus. Por, isso, devemos ter a convicção que tudo dará certo porque o Senhor é quem está no comando de tudo no universo;

2.     Não valorizar demais o nosso conhecimento secular. Temos a capacidade de inventar, criar, renovar e etc. Mas, Deus é o único ser no universo que é: Onipotente, onisciente, onipresente e outros atributo excelso que o  ser humano não pode sondar. Então, o conhecimento da vida biológica tem o objetivo de tonar a passagem na vida mais confortável; e em relação ao mundo espiritual não tem o menor valor;

3.     Ter a convicção que quem realiza tudo é Deus, e somos apenas seres abençoados que aproveitamos de todas as dádivas quem vem do alto.

a.     Filipenses 2:13

Porque Deus é quem opera em vós, tanto o querer como o realizar, segundo a sua vontade.

b.     Provérbios 16:1

O coração do homem poder fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor. 

                A nossa capacidade intelectual e espiritual de realizar qualquer tarefa no Reino de Deus, depende de uma aprovação Divina. Em primeiro lugar somos chamados; aceitamos o convite, e a partir de então começa o mover do Espírito Santo ao nosso favor.

João 14:26

Mas o Consolador o Espírito Santo, a quem o Pai enviara em meu nome, esse os ensinará todas as coisas e vos fará lembrar-se de tudo que vos tenho dito.

            Então, o chamado de Deus é para os que são sensíveis a sua Palavra, aos que estão conduzidos pelo Espírito Santo. Observe no versículo do Evangelho de João, onde citamos o chamado de Deus; a parte “b” mostra que temos de ficar sensíveis ao chamado.

Apocalipse 22:17b

Aquele que ouve diga: Vem!

            Quando estamos abertos à voz do Senhor, passamos a ter intimidade com uma esfera espiritual que nem imaginávamos existir. Não devemos resistir à convocação do céu.

Hebreus 3:7-8-9

07 – Assim, pois, como diz o Espírito Santo;

Hoje, se ouvirdes a minha voz.

08 – Não endureçais o vosso coração como foi na provação, no dia da tentação no deserto,

09 – Onde os vossos pais me tentaram, pondo-me à prova, e viram as minhas obras por quarenta anos.

            O segredo para uma vida de sucesso é está atento para ouvir a voz de Deus e disposto para obedecer.

Provérbios 1:33

Quem ouve a Deus eterno terá segurança, viverá tranquilo e não terá medo de nada.

            Você não terá que pagar nada para ser chamado; normalmente pagamos por uma universidade, por concurso público e todas as  necessidade humanas. Existe um pensamento antigo que diz: “Tem que pagar para nascer, pagar para viver e pagar para morrer”.  É verdade absoluta! Mas, em relação às dádivas do Senhor, não temos que desembolsar por nada, especialmente pela salvação, que é de graça. Por esse motivo o próprio Jesus Cristo foi enfático quando citou

Mateus 10:8

Disse Jesus: Curai os enfermos, ressuscitais os mortos, purificai os leprosos, expeli demônios, de graça recebestes, de graça dai.

            Também na Epístola de Paulo aos Efésios.

Efésios 2:8-9

08 – Pela graça sois salvos, mediante a fé; isto não vem de vós; é dom de Deus;

09 – Não de obras, para que ninguém se glorie.

            Toda boa dádiva vem de Deus, especialmente o chamado a um ministério especifico na sua obra.

Tiago 1:17

Toda dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em que não pode existir variação ou sombra de mudança.

            Temos que acreditar na voz de Deus que ecoa bem baixinho dentro da nossa alma, e se não estivermos atentos, podemos passar despercebido, ou até nos envolver com:

·        Uma filosofia profana;

·        Chamado de qualquer mortal;

·        Fábulas da nova era.

          E nos enganar imaginando que estamos servido ao Senhor, quando na verdade estamos seguindo aos caprichos do diabo, que debocha da criação de Deus.

            Podemos ver engodos até em algumas igrejas que dizem serem evangélicas; digo isso com experiência pessoal, quando em algumas congregações; no começo da caminhada, alguns irmãos dizerem que somos:

·        Uma benção;

·        O ungido de Deus;

·        Uma pessoa bem dotada.

            E com o passar do tempo, todas as profecias caírem por terra; e agora dissimuladamente dizem:

·        Ele não é nada;

·        Uma pedra de tropeço;

·        Ele é o mais dispensável de todos os mortais.

           Acontecem essas “profetadas” (gíria para as mentira dos falsos profetas dentro das igrejas), porque o homem é tendencioso a destruir a obra missionária do Espírito Santo na face da terra. Mas, com Deus a coisa é diferente.

I Epístola de Paulo aos Coríntios 4:1

Que os homens nos considerem como ministros de Cristo e despenseiros dos mistérios de Deus.

            Deus não nos chama para ficarmos na metade de caminho, e sim, para uma jornada profícua na face da terra. Devemos ter fé, e cumprir cabalmente a tarefa para qual fomos chamados, e ter a autoridade do aposto Paulo, que em meio a dificuldades, nunca negou a afinidade com Jesus Cristo.

II Epístola de Paulo a Timóteo 4:7-8

07 – Combati o bom combate, terminei a minha carreia e guardei a fé.

08 – Já agora a coroa da justiça me está guardada, o qual o Senhor, reto Juiz, me dará naquele dia, não somente a mim, mas a todos que amam a sua vida.

            Que você perceba o grande chamado que  Deus tem para a sua vida, e possa cumpri-lo com todo amor.

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América

Portal A Wikipédia possui o portal:

Licenças da Free Software Foundation[editar | editar código-fonte]

Algumas das licenças livres mais conhecidas foram criadas pela Free Software Foundation no contexto do Software Livre, mais especificamente do projeto GNU.

Além de oferecer as liberdades, as licenças da Free Software Foundation também implementam o mecanismo de copyleft, que exige a preservação das liberdades na distribuição de cópias e de obras derivadas.

GNU General Public License[editar | editar código-fonte]

A General Public License (GPL) visa garantir quatro liberdades básicas ao usuário de programas de computador:

  • 0. A liberdade de executar o programa, para qualquer propósito;
  • 1. A liberdade de estudar como o programa funciona e adaptá-lo para as suas necessidades. O acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade;
  • 2. A liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao seu próximo;
  • 3. A liberdade de aperfeiçoar o programa, e liberar os seus aperfeiçoamentos, de modo que toda a comunidade se beneficie deles. O acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade.

GNU Free Documentation License[editar | editar código-fonte]

A Free Documentation License (GFDL), ou Licença GNU de Documentação Livre, foi originalmente concebida para manuais técnicos e para a documentação de Software Livre, aplicando os princípios do mesmo para textos e outras formas de expressão. Seu uso difundiu-se para outras áreas, por exemplo, a GFDL foi a licença utilizada na Wikipédia quando da sua criação.

Licenças Creative Commons[editar | editar código-fonte]

A Creative Commons é uma organização dedicada a oferecer licenças menos restritivas que todos os direitos reservados para obras culturais, educacionais, artísticas e outros contextos que não o do software.[3] Algumas licenças Creative Commons são licenças livres.[4]

Atribuição (by)[editar | editar código-fonte]

float

A licença Atribuição requer apenas que o autor seja citado do modo que escolher.

Atribuição Compartilhamento pela mesma Licença (by-SA)[editar | editar código-fonte]

float

A licença Atribuição Compartilhamento pela mesma Licença (em inglês Share Alike) requer que o autor seja citado do modo que escolher e que trabalhos derivados sejam distribuídos sob a mesma licença. Esse mecanismo de preservar as liberdades é também conhecido por copyleft.

Licenças não livres[editar | editar código-fonte]

Algumas licenças Creative Commons não são licenças livres, por não garantirem uma ou mais liberdades. Os seguintes atributos que podem ser incorporados na escolha de uma licença Creative Commons violam as liberdades e não podem ser incluidos em obras designadas livres.[4]

Vedada a Criação de Obras Derivadas (ND)
O uso do atributo Vedada a Criação de Obras Derivadas (em inglês No Derivatives), que não permite a modificação da obra.[3]
Não Comercial (NC)
O uso do atributo Não-Comercial, que subtrai da liberdade de uso da obra.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Licença livre
Meta-Wiki
O Meta-Wiki possui multimídia sobre: Licença livre