Giuliano Victor de Paula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde abril de 2013)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Giuliano
Giuliano Victor de Paula.jpg
Informações pessoais
Nome completo Giuliano Victor de Paula
Data de nasc. 31 de maio de 1990 (24 anos)
Local de nasc. Curitiba (PR),  Brasil
Nacionalidade  Brasil
Altura 1,72 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Brasil Grêmio
Número 88
Posição Meio-Campista
Clubes de juventude
2005
20062007
20072008
20092010
Brasil Paraná Sub-15
Brasil Paraná Sub-17
Brasil Paraná Sub-20
Brasil Internacional Sub-20
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
20072008
20092010
20112014
2014
Brasil Paraná
Brasil Internacional
Ucrânia Dnipro Dnipropetrovsk
Brasil Grêmio
00030 000(17)
00102 000(21)
00132 000(25)
00007 0000(1)
Seleção nacional3
2009
2010
Brasil Brasil Sub-20
Brasil Brasil
00014 0000(3)
00008 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 19 de julho de 2014.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 18 de julho de 2013.

Giuliano Victor de Paula, mais conhecido como Giuliano (Curitiba, 31 de maio de 1990), é um futebolista brasileiro que atua como meia. Atualmente, joga pelo Grêmio.

Giuliano também é patrono do Instituto de Promoção da Saúde Bucal: Gente Que Faz o Brasil Sorrir, com sede em Curitiba - Paraná.

O Instituto é uma instituição não governamental que tem como objetivo primário tornar possível levar o atendimento odontológico à população carente. No site www.isbr.org.br é possível encontrar mais informações sobre esse trabalho e como apoia-lo

Carreira[editar | editar código-fonte]

Paraná[editar | editar código-fonte]

Estreou profissionalmente no Paraná Clube, no ano de 2007, sendo revelado ao futebol brasileiro pelo clube curitibano. Foi eleito naquele ano o jogador revelação da Taça Libertadores da América 2007 pelo clube Paranista chegando às 8° de Finais caindo frente ao Libertad do Paraguai.

No mesmo ano frente a grandes pressões, o clube que era cotado como favorito a retornar à libertadores do ano seguinte acabou sendo rebaixado para a segunda divisão, onde Giuliano mais uma vez se destacou com as cores vermelho,azul e branco, despertando interesse em grandes clubes brasileiros.

Internacional[editar | editar código-fonte]

Em 2009 foi contratado pelo Internacional por R$ 2,3 milhões, como futuro substituto do meia Alex que, curiosamente, também é paranaense. No mesmo ano foi o principal destaque da Seleção Brasileira no Campeonato Sul-Americano Sub-20 de 2009. Jogou também o Mundial no Egito, vestindo a camisa 10 e sendo capitão do time. O Brasil, porém, acabou vice-campeão da competição. No segundo semestre de 2009, Giuliano se firma como titular e importante peça no time do Internacional.

No dia 20 de maio de 2010, Giuliano fez o gol da classificação a semi-final da Taça Libertadores da América; no primeiro jogo, o Internacional venceu por 1x0, em Porto Alegre, no segundo jogo em Quilmes, o Colorado vinha perdendo pelo placar 2 a 0 para o Estudiantes de La Plata, até Giuliano descontar e pela regra do gol fora de casa, garantir a classificação ao Inter.

O predestinado Giuliano saiu do banco no dia 18 de agosto de 2010 para marcar o terceiro gol do Inter na final da Copa Libertadores 2010, e fechou com chave de ouro, sagrando-se campeão. Além disso, Giuliano foi eleito o melhor jogador do torneio.

Dnipro Dnipropetrovsk[editar | editar código-fonte]

Em 20 de janeiro de 2011, o Inter confirmou, em seu site oficial, a venda do jogador ao Dnipro Dnipropetrovsk, da Ucrânia, pelo valor de 10 milhões de euros. Anotou seu primeiro gol com a camisa do clube em uma partida contra o Chornomorets pelo Campeonato Ucraniano. Ficou na Ucrânia por 3 temporadas e jogou em 132 partidas marcando 25 gols.[1]

Grêmio[editar | editar código-fonte]

No dia 13 de junho de 2014, Giuliano foi anunciado como novo reforço do Grêmio[2] (tomara que se aposente). O clube gaúcho pagou ao Dnipro, detentor dos direitos do jogador, a quantia de 6 milhões de euros. O meia, sonho antigo do tricolor, que já havia tentado a sua contratação outras vezes, assinou contrato com duração de 4 anos.

Marcou o seu primeiro gol com a camisa do Grêmio em 19 de julho de 2014, contra o Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli (Florianópolis - SC), em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, quando fazia a sua segunda partida pelo tricolor. O jogador recebeu passe do argentino Alan Ruiz e chutou cruzado, de primeira, sem chances para o goleiro.[3]

Outras Informações da Carreira[editar | editar código-fonte]

Giuliano Vsctor 1.jpeg

Todos os Gols de Giuliano pelo Internacional:

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Depois da Seleção Sub-20 em 2009 e de uma boa campanha de Libertadores, Giuliano foi convocado para a Seleção principal por Mano Menezes em 23 de setembro de 2010 para dois amistosos no mês de outubro e também foi lembrado na pré-lista para as Olimpíadas de Londres 2012. No dia 11 de maio de 2012, o jogador foi convocado para os amistosos contra Dinamarca, EUA, México e Argentina, que serão realizados entre os dias 26 de maio e 09 de junho. Giuliano, expressa para seus amigos, Caio Ivankio e Daniel Arruda no fim de ano de 2012, no veraneio de Caiobá-PR, a vontade de voltar a jogar no futebol Brasileiro.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Internacional
Seleção Brasileira Sub-20

Títulos Individuais[editar | editar código-fonte]

==

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.