Amor bravío

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Amor Bravío)
Ir para: navegação, pesquisa
Amor Bravío
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 21-22 minutos (capítulos 1 a 10)
41-44 minutos (capítulos 11-165)
88 minutos (capítulo 166)
Criador(es) Martha Carrillo
Cristina García
País de origem  México
Idioma original (em espanhol)
Produção
Diretor(es) Lily Garza
Fernando Nesme
Jesus Nájera Saro
Jorge Robles
Produtor(es) Carlos Moreno Laguillo
Elenco Silvia Navarro
Cristián de la Fuente
Leticia Calderón
César Évora
Laura Carmine
ver mais
Tema de abertura «Cuando manda el corazón» por (Vicente Fernández)
Exibição
Emissora de televisão original Canal de Las Estrellas
Formato de exibição 480i (SDTV)
1080i (HDTV)
Transmissão original 5 de março de 2012 - 21 de outubro de 2012
N.º de episódios 166
Cronologia
Último
La que no podía amar
Qué bonito amor
Próximo
Programas relacionados De pura sangre (1986)
La jaula de oro (1997)

Amor Bravío é uma telenovela mexicana produzida por Carlos Moreno Languillo[1] para a Televisa e exibida pelo Canal de Las Estrellas entre 5 de março e 21 de outubro de 2012. [2] Durante duas semanas dividiu o horário com os últimos capítulos de La que no podía amar. A telenovela é um remake das tramas De pura sangre e La jaula de oro, produzidas em 1985 e 1997, respectivamente.[3] Foi protagonizada por Silvia Navarro e Cristián de la Fuente e antagonizada por Leticia Calderón, César Évora, José Elías Moreno, Laura Carmine e Flavio Medina.[4]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Camila Monterde (Silvia Navarro), é sobrinha de Don Daniel Monterde (Rogelio Guerra), ela é noiva com de Luis del Olmo (Valentino Lanus), ambos sofrem um acidente no qual ele morre inesperadamente. Tempos depois Camila conhece e se casa com Alonso de Lascano (Flavio Medina), suportando a ambição de Alonso e sua mãe Isadora de Lascano (Leticia Calderón), o desejo e a cobiça de Dionisio Ferrer (César Évora) por Camila e suas terras, e a incerta procedência de Daniel Díaz Acosta (Cristián de la Fuente), que usa outro nome Andres Duarte, para descobrir os seus inimigos e adversários, sem imaginar que desta forma encontrará a mulher de sua vida, são os conflitos que deverão ser superados pelo verdadeiro amor.

Camila e Luis eram um casal ideal, mas seu noivado se vê acabado por um terrível acidente do qual desgraçadamente Luis morre, é então que Camila vai viver em «La Malquerida», um rancho de seu tio Daniel Monterde e lá vive para se recuperar da perda de seu amado, no entanto ela conhece Alonso e se casa com ele, é um homem ambicioso que, por ordem de sua mãe Isadora, se casa com ela para poder ficar com todo seu dinhero. Don Daniel acaba morrendo também, mas antes de morrer não deixa a herença para Camila, e sim para Daniel Díaz Acosta, o seu filho fruto de um grande amor do passado.

Em consequência disso Dioniso Ferrer, cumplice de Isadora e de Alonso, mandam alguém para matar a esposa de Daniel, Miriam Farca de Díaz Acosta (Lisset), e que ele seja o principal suspeito. Com isso acaba o plano de Daniel, já que ele é presso injustamente, mas em uma fuga ele consegue escapar e vai para o rancho «La Malquerida» para se vingar, não só da morte de sua mulher, e também por terem lhe culpado injustamente e roubado uma herença que é sua. A princípio Daniel pensa que a principal autora de tudo é Camila, e planeja fazer com que ela pague por tudo, mas ao mesmo tempo acabará conhecendo o amor e a paixão quando encontra Camila. Assim, apesar da desconfiança, o rancor e a sede de vingança ambos saem vitoriosos e superam todos os obstacúlos com coragem e valentia lutando por um Amor Bravio.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Participações especiais

Audiência[editar | editar código-fonte]

Horário # Eps. Estreia Final Posição Temporada Classificação geral
Data Primeiro
capítulo
Data Último
capítulo
Segunda — Sexta
19:15
166
5 de março de 2012
22
22 de outubro de 2012
23 #1 2012

18

A trama estreou com 22.3 pontos de média[5]. No segundo capítulo alcançou 22.9 pontos, a maior audiência da trama. Já sua menor audiência é de 11.8 pontos, alcançada no dia 6 de abril de 2012, uma Sexta Feira Santa. O último capítulo obteve 22.5 pontos de média[6]. Terminou com uma média de 18 pontos. [7]

Versões[editar | editar código-fonte]

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmios TVyNovelas 2013[8][editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado Resultado
Melhor telenovela Carlos Moreno Nomeado
Melhor ator protagonista Cristián de la Fuente Nomeado
Melhor atriz antagonista Leticia Calderón Ganhadora
Melhor ator antagonista César Évora Nomeado
Melhor primeiro ator José Elías Moreno Nomeado
Melhor atriz de reparto Laura Carmine Nomeada
Melhor ator de reparto Flavio Medina Ganhador
Melhor atriz juvenil Mariana Van Rankin Nomeada
Melhor ator juvenil Eddy Vilard Nomeado
Melhor tema musical "Cuando manda el corazón" por Vicente Fernández Nomeado
Melhor história ou adaptação Martha Carrillo
Cristina García
Denisse Phiffer
Ganhadoras

Prêmios People em Espanhol 2012[editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado Resultado
Melhor telenovela Silvia Navarro Nomeada
Melhor atriz Silvia Navarro Nomeada
Melhor ator Cristián de la Fuente Nomeado
Melhor vilã Letícia Calderón Ganhadora
Melhor vilão César Évora Ganhador
Melhor ator secundário René Strickler Nomeado

Prêmios ACE 2013[9][editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado Resultado
Melhor co-atuação feminina Leticia Calderón Ganhadora
Melhor atriz característica Magda Guzmán Ganhadora

Premios Juventud[10][editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado Resultado
¡Chica que me quita el sueño! Silvia Navarro Nomeada
¡Esta buenísimo! Cristián de la Fuente Nomeado
Tema musical de telenovela "Cuando manda el corazón" por Vicente Fernández Nomeado

Referências

  1. «Produtores de Amor Bravío» (em espanhol). Consultado em maio de 2012. 
  2. «Comienzan la faena; hoy se estrena ‘Amor Bravío’» (em espanhol). Zocalo. 5 de março de 2012. Consultado em 29 de outubro de 2015. 
  3. «Carlos Moreno hará el remake de “De Pura Sangre”». Sitios Total. 20 de maio de 2011. Consultado em 14 de fevereiro de 2016. 
  4. Televisa. «Começam as gravações de Amor Bravío» (em espanhol). Consultado em maio de 2012. 
  5. «Ratings telenovelas México: Del estreno de "Amor Bravío"». TV Boricuasa. 6 de março de 2012. Consultado em 6 de fevereiro de 2016. 
  6. «Alcanza "Amor Bravío" 22 ptos. de rating en final». Rádio Fórmula. 22 de outubro de 2012. Consultado em 6 de fevereiro de 2016. 
  7. «Reporte de rating "Amor bravio"» (em espanhol). Fórum Univision. 22 de outubro de 2012. Consultado em 27 de julho de 2015. 
  8. «Lista de ganadores de los Premios TVyNovelas 2013 en México». Starmedia. 28 de abril de 2013. Consultado em 6 de fevereiro de 2016. 
  9. «Estos son los ganadores de los PremiosACE 2013». Estilos blog. 7 de fevereiro de 2013. Consultado em 6 de fevereiro de 2016. 
  10. «Premios Juventud 2013: Los nominados». People en Español. 19 de julho de 2013. Consultado em 6 de fevereiro de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.