Teorias de conspiração sobre Elvis Presley

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Elvis não morreu!)
Ir para: navegação, pesquisa

Teorias de conspiração sobre a sobrevivência de Elvis Presley começaram a surgir imediatamente após a sua morte em 1977. Algumas pessoas acreditam que Elvis Presley não morreu em 1977, mas teve que se esconder por várias razões e ainda está vivo. Essa hipótese foi popularizada pelos livros de Gail Brewer-Giorgio e outros autores. Várias pessoas ainda afirmam terem visto Elvis após a sua morte. Uma onda de avistamentos ocorreu em Kalamazoo, Michigan, no final da década de 1980[1]. Tais relatos encontraram muita ridicularização pública e deram origem a publicações humorísticas como o Weekly World News.[2]

Bill Bixby hospedou dois especiais de televisão que investigam o assunto: The Elvis Files (1991),[3] e The Elvis Conspiracy (1992).[4]

O boato[editar | editar código-fonte]

No dia 16 de agosto de 1977 morria em Graceland, na cidade de Memphis, Tennessee, Estados Unidos, o cantor e intérprete Elvis Aron Presley, considerado o "Rei do Rock'n'Roll" (inclusive a marca "King of Rock'n'Roll" é registrada e só pode ser utilizada em referência a ele). A morte se deu, segundo o atestado de óbito, por arritmia cardíaca e ingestão de vários tipos medicamentos (overdose).[5] Um gigantesco aparato se deu nas cerimônias antes, durante e após o seu enterro, comovendo todo o país. Com fãs em todo mundo, houve um grande lamento geral.

Apesar disso, surgiu uma corrente de pessoas que acreditam que ele não morreu. O slogan "Elvis não Morreu!" é muito conhecido e bastante utilizado, tanto pelos que com sinceridade acreditam nisto, como com fins comerciais pelos detetores dos direitos sobre a imagem e a obra do artista.

Segundo defensores dessa lenda urbana, Elvis seria refém de seu sucesso com uma sucessão de turnês, entrevistas, contratos de gravações e outros compromissos que passaram a incomodá-lo. Por isso, teria forjado sua própria morte para fugir da fama e dos paparazzi. [6]

Elvis Sighting Societies[editar | editar código-fonte]

Elvis Sighting Societies são as sociedades dos que acreditam que Elvis Presley está vivo até hoje.[7] Eles se reúnem regularmente nos Estados Unidos e em outros países, tem jornais, páginas na Internet, e estão sempre colecionando evidências da presença de Elvis vivo. Uma delas tem base no Restaurante Newport em Westboro, distrito de Ottawa, Canadá.

Referências

  1. «Lakeland Ledger - Pesquisa no arquivo do Google Notícias». news.google.com. Consultado em 2016-06-21. 
  2. Michelle Maynard. "Kalamazoo 'sightings' keep Elvis fans hoping the King is still alive". Reading Eagle. August 5, 1988. 16-17.
  3. Rick Kogan. "The once and future King; 'The Elvis Files' brings all those old tabloid rumors back to life". Chicago Tribune. August 13, 1991. Tempo, 1.
  4. "Evening: Best on TV". Chicago Tribune. January 22, 1992. 8.
  5. «Elvis não morreu». O Estado de S.Paulo. 16 de agosto de 2012. «Nos autos médicos um colapso fulminante associado à disfunção cardíaca levou à um fatal ataque cardíaco, para alguns fãs foi uma negligência médica. Até hoje a causa de sua morte permanece motivo de controvérsia.» 
  6. «On Elvis Presley's 81st Birthday, Conspiracy Theories Remain About His Death». International Business Times. «It is a kind of romantic idea," music professor John Covach told the Atlantic. "This idea that maybe Elvis was just tired of the limelight—and he was starting to get old and he was starting to get overweight—and he decided to fake his own death so he could live anonymously without the glare of the photographers. That seemed attractive to people.» 
  7. Entenda por quê até hoje tem gente que acha que Elvis Presley não morreu! - Infoglobo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Brewer-Giorgio, Gail (1988), "Is Elvis Alive?: The Most Incredible Elvis Presley Story Ever Told" (Tudor Publishing Company, New York) - ISBN 0-944276-31-8 - Discute sobre as evidências da presença de Elvis ainda entre os vivos
  • Goldman, Albert, Elvis: The Last 24 Hours (Pan Books, 1991) - ISBN 0-312-92541-7 - Relato das últimas 24 horas de Elvis Presley sob a visão do autor.
  • West, Red; West, Sonny; Hebler, Dave (1988) "Elvis: What Happened?" (Ballantine Publishing Group, New York (NY)), ISBN 0-345-30635-X - Livro lançado pouco antes da morte de Elvis Presley, e discute o seu estado físico e mental.

Ver também[editar | editar código-fonte]