Emre Belözoğlu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Emre Belözoğlu
Emre Belözoğlu
Emre como capitão da Turquia em 2010
Informações pessoais
Nome completo Emre Belözoğlu
Data de nasc. 7 de setembro de 1980 (41 anos)
Local de nasc. Istambul, Turquia
Nacionalidade turco
Altura 1,70 m
canhoto
Informações profissionais
Equipa atual İstanbul Başakşehir
Posição ex-meia
Função treinador
Clubes de juventude
1990–1992
1992–1996
Zeytinburnuspor
Galatasaray
Clubes profissionais
Anos Clubes
1996–2001
2001–2005
2005–2008
2008–2012
2012
2013–2015
2015–2019
2019–2020
Galatasaray
Internazionale
Newcastle United
Fenerbahçe
Atlético de Madrid
Fenerbahçe
İstanbul Başakşehir
Fenerbahçe
Seleção nacional
1994–1995
1995–1997
1996–1997
1997
1998–1999
2000–2019
Turquia Sub-15
Turquia Sub-16
Turquia Sub-17
Turquia Sub-18
Turquia Sub-21
Turquia
Times/Equipas que treinou
2020–2021
2021
2021–
Fenerbahçe (diretor de futebol)
Fenerbahçe (interino)
İstanbul Başakşehir
Última atualização: 21 de outubro de 2010

Emre Belözoğlu (Istambul, 7 de setembro de 1980) é um treinador e ex-futebolista turco que atuava como meio-campista. Atualmente comanda o İstanbul Başakşehir.[1]

Carreira como jogador[editar | editar código-fonte]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Um talentoso meia com boa saída de bola, foi revelado pelo Galatasaray e passou por Internazionale, Newcastle United, Fenerbahçe, Atlético de Madrid e İstanbul Başakşehir.

Seleção Nacional[editar | editar código-fonte]

Atuou pela Seleção Turca entre 2000 e 2019, disputando mais de 90 partidas e ajudando o time a chegar as semifinais da Copa do Mundo FIFA de 2002 e da Eurocopa de 2008. Como parte das comemorações do centenário da FIFA, Pelé nomeou-o para a FIFA 100, uma lista dos 125 maiores futebolistas vivos.[2]

Polêmicas[editar | editar código-fonte]

Durante a passagem pelo Newcastle United, em dezembro de 2006, durante um jogo pela Premier League, Emre foi acusado de racismo contra o goleiro Tim Howard e o zagueiro Joleon Lescott, ambos negros e jogadores do Everton.[3] Em março de 2007 foi absolvido das acusações.[4]

Voltou a ser acusado de insultos racistas em 2012. Atuando pelo Fenerbahçe, xingou o volante marfinense Didier Zokora num jogo contra o Trabzonspor pela Süper Lig.[5] Após o xingamento, ainda durante a partida, Zokora revidou cometendo uma falta duríssima em Emre.[6]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Galatasaray
Internazionale
Newcastle United
Fenerbahçe
Atlético de Madrid

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Emre Belozoglu é o novo treinador do Basaksehir (Turquia)». A Bola. 4 de outubro de 2021 
  2. a b «Lista de craques de Pelé para Fifa tem maioria brasileira». BBC Brasil. 4 de março de 2004. Consultado em 21 de outubro de 2021 
  3. «Meia turco é acusado de racismo em jogo do Inglês». Estadão. 12 de janeiro de 2007. Consultado em 16 de setembro de 2020 
  4. «FA absolve Emre Belozoglu de acusação de racismo». Trivela. 19 de março de 2007. Consultado em 16 de setembro de 2020 
  5. «Jogador do Atlético de Madri pode pegar 2 anos por racismo na Turquia». GloboEsporte.com. 6 de dezembro de 2012. Consultado em 21 de outubro de 2021 
  6. «Turco agredido nos 'países baixos' diz que poderia não ter mais filhos». GloboEsporte.com. 8 de maio de 2012. Consultado em 21 de outubro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]