Lira Imperial do Samba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de GRES Lira Imperial)
Ir para: navegação, pesquisa
Lira Imperial do Samba
Fundação 29 de março de 2006 (11 anos)
Escola-madrinha Império da Tijuca[1]
Cores Verde branco e laranja
Presidente Alaor Macedo da Silva

O Grêmio Recreativo e Escola de Samba Lira Imperial (GRES Lira Imperial) é uma escola de samba de Salvador, no estado brasileiro da Bahia.[2][3]

História[editar | editar código-fonte]

A escola foi fundada com o apoio da Associação das Baianas de Acarajé, com o objetivo de resgatar a tradição das antigas escolas de samba baianas,[carece de fontes?] muito populares entre as décadas de 1960 e 1970, antes de entrarem em decadência, sendo substituídas no Carnaval de Salvador pelos trios elétricos e demais manifestações carnavalescas.[4]

O seu presidente é Alaor Macedo, antigo baluarte do samba baiano, que em parceria com o compositor Anísio Félix, compôs o primeiro samba-enredo da escola, com enredo em homenagem à sua cidade. Alaor foi integrante das escolas Diplomatas de Amaralina e Juventude do Garcia, tendo vivido após isso durante dezoito anos no Rio de Janeiro.[carece de fontes?]

A escola é membro da União de Entidades de Samba da Bahia.[5]

Referências

  1. Rota do samba (1 de dezembro de 2012). «Império da Tijuca batiza escola de samba de Salvador». Consultado em 2 de dezembro de 2012 
  2. Jornal da Mídia. «Encontros das escolas de samba acontece em Salvador». Consultado em 2 de fevereiro de 2009 
  3. Imbuí - seu bairro on line. «Salvador ganhará escola de samba (23/03/2006)». Consultado em 2 de fevereiro de 2009 
  4. Cadena, Nelson (24 de fevereiro de 2017). «O auge das Escolas de Samba no Carnaval da Bahia». Memorias da Bahia. iBahia. Consultado em 26 de fevereiro de 2017 
  5. Site Oficial de Turismo de Salvador. «Samba ganha caminhada e carrega multidão (04/12/2006)». Consultado em 2 de fevereiro de 2009 

Ver também[editar | editar código-fonte]