Lolicon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Loli-con)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde setembro de 2018). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ni hon go2.png Este artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.

Lolicon (ロリコン?), rorikon ou loli-con é uma abreviatura de lolita complex, ou seja, complexo de lolita em inglês.[1][2] A palavra é usada no Japão para pedofilia ou efebofilia. Fora do Japão, geralmente é usada quando se refere a animes ou mangás que retratam meninas menores de idade (de 6 a 14 anos) em situações sexuais ou de nudez.

As leis japonesas consideram que mangás e animes sobre lolicon não são ilegais desde que crianças de verdade não sejam empregadas na sua produção, permitindo o surgimento de um grande mercado para esse tipo de produto. As leis mexicanas também permitem o lolicon.[carece de fontes?]

Entretanto, a subcultura lolicon já foi acusada de encorajar a prostituição infantil.[carece de fontes?] Defensores do lolicon dizem que ele não afeta negativamente as crianças e até desestimula pedófilos a procurar crianças reais.[carece de fontes?]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

As imagens de loli-con mostram personagens com características infantis sugerindo erotismo, seja de forma subjetiva, como nesse exemplo, ou de forma mais explicíta.

A palavra é soletrada em japonês lolicon, e não lolicom, devido à fonologia da língua japonesa. Outra forma de se escrever é rorikon. No Japão, a palavra pode se aplicar a pornografia infantil ou a pedófilos, enquanto no Ocidente seu significado é menos amplo.

Referências

  1. Mead, Rebecca (18 de março de 2002). «Shopping rebellion; what the kids want. (Letter from Tokyo)». The New Yorker 
  2. «ロリコン». Sanseido (em japonês) 

Ver também[editar | editar código-fonte]

  • Shota-con (equivalente ao loli-con, mas com crianças do sexo masculino)
  • Hentai (termo geral para mangás e animes pornográficos)
  • Toddlercon - Um tipo de mangá/anime hentai que envolve bebês e crianças de 0 a 5 anos em atos sexuais.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Lolicon