Missionários do Verbo Divino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura a ordem de cavalaria, veja Ordem Suprema da Santíssima Anunciação.

Congregação do Verbo Divino
 
Societas Verbi Divini
Brasão Congregação do Verbo Divino
Trazendo o amor, ensinamentos e compaixão de Cristo a todas as pessoas
sigla
S.V.D.
Tipo: Ordem religiosa católica
Fundador (a): Santo Arnaldo Janssen
Local e data da fundação: Steyl, 8 de setembro de 1875
Superior geral: Pe. Paulus Budi Kleden, SVD
Membros: 6.005 (religiosos do sexo masculino, incluindo 4.185 sacerdotes) (2018)
Atividades: Missionários
Sede: Curia Generalícia SVD
Via dei Verbiti, 1
00154 Roma, Itália
Site oficial: http://www.svdmissions.org/
Projeto Catolicismo · uso desta caixa

Missionários do Verbo Divino (Societas Verbi Divini, SVD), Congregação do Verbo Divino, ou ainda Verbitas, é uma congregação religiosa católica fundada em Steyl, às margens do rio Mosa nos Países Baixos, no dia 8 de setembro de 1875, pelo padre alemão Arnaldo Janssen. Não pôde fazê-lo na Alemanha em razão da perseguição religiosa determinada por Otto von Bismarck contra os católicos com a sua Kulturkampf.

História[editar | editar código-fonte]

Países onde estão presentes os Missionários do Verbo Divino.
o fundador da Congregação dos Missionários do Verbo Divino
Arnaldo Janssen, o fundador

Santo Arnaldo Janssen fundou a Congregação do Verbo Divino - SVD, como uma comunidade missionária em 08 de setembro de 1875, em Steyl, na Holanda. Estava com 19 anos quando os primeiros missionários chegaram ao Brasil. Foi em 12 de março de 1895 que o pequeno transatlântico aportou em Vitória-ES. Com a autorização e as provisões do bispo de Petrópolis, os dois missionários se prepararam para visitar as colônias de língua alemã. Viajando em canoa e subindo os rios, chegaram às comunidades. Foram convidados pelos colonos do Tirol, nas pitorescas montanhas do Estado do Espírito Santo e na festa de São José, no dia 19 de março, tiveram como data da fundação verbita no Brasil.[1]

A congregação conta em 2018 com 190missionários no Brasil das mais diferentes nacionalidades, espalhados por quatro províncias Brasil Centro (BRC), em São Paulo, Rondônia e Amazonas, Brasil Norte (BRN), em Minas Gerais, Rio de Janeiro, Brasília, Bahia, Sergipe, Alagoas e Pernambuco, Brasil Sul (BRS) em Santa Cataria, Paraná e Mato Grosso do Sul e Região Amazônica (BRA), no Pará e Amapá.Em Portugal a congregação está presente em Tortosendo, Guimarães, Fátima, Lisboa, Almodôvar, Nisa, Minde e Aveiro.

De acordo com sua Constituição, os Verbitas consideram como dever o anúncio da Palavra de Deus a todos os povos, a criação de novas comunidades do Povo de Deus e a promoção do crescimento e a união entre si e com a Igreja inteira. Os verbitas trabalham, primeiro e antes de mais nada, onde o Evangelho ainda não foi anunciado,ou o foi insuficientemente, e onde a Igreja Local ainda não é auto-suficiente.[2]

Em 2018, os Verbitas celebraram o seu 18º Capítulo Geral. O XVIII Capítulo Geral começou no dia 17 de Junho de 2018 e encerrou com a celebração da Eucaristia no dia 14 de Julho de 2018 no Centro Ad Gentes, em Roma. O Capítulo abordou o tema: “O amor de Cristo nos impele (2 Cor 5,14): Enraizados na Palavra, comprometidos com a sua Missão”. O Capítulo Geral é sempre uma ocasião para celebrar a união entre membros como irmãos na Congregação e, mais ainda, para eles inspirar o zelo pela nossa vida e atividade missionária.

No ano de 2006 os Verbitas eram a sétima maior congregação missionária masculina do mundo, e continua crescendo mesmo nas crises da Igreja, mantendo o ideal do seu fundador, Santo Arnaldo Janssen.

Casa Generalícia dos Missionários da Congregação do Verbo Divino, em Roma.

Em 2018 estavam assim distribuídos os seus membros:

  • Bispos: 48
  • Padres:4137
  • Irmãos: 538
  • Irmãos de votos temporais:84
  • Estudantes clérigos: 854
  • Noviços: 344

Em 2018, os verbitas são 6005 missionários provenientes de 84 países nos cinco continentes.[3]

Superiores Generales SVD[editar | editar código-fonte]

Santo Arnoldus Janssen,

8.IX.1875 - 15.I.1909

(†15.I.1909; beatif. 19.X.1975; sanct. 05.X.2003)

Blum, Nicolaus

5.XI.1909 - 29.X.1919

(†29.X.1919)

Gier, Gulielmus

28.IX.1920 - 28.IX.1932

(†18.XI.1951)

Grendel, Ioseph

28.IX.1932 - 8.X.1947

(†10.II.1951)

Große-Kappenberg, Aloisius

8.X.1947 - 27.VIII.1957

(†27.VIII.1957)

Schütte, Ioannes Bernardus

28.III.1958 - 15.XII.1967

(†18.XI.1971)

Musinsky, Ioannes Baptista Paulus

15.XII.1967 - 12.XI.1977

(†02.III.2006)

Heekeren, Henricus

12.XI.1977 - 27.VI.1988

(†14.XII.2004)

Barlage, Henricus

27.VI.1988 - 29.IX.2000

Pernia, Antonius

29.IX.2000 - 29.IX.2012

Kulüke, Heinz

29.IX.2012

Budi Kleden, Paulus

4. VII. 2018

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Nossa história, nossa missão. Missionários da Congregação do Verbo Divino no Brasil - 1895-2000, Belo Horizonte, MG - 2000
  2. Constituições da Congregação do Verbo Divino - Roma, 1983
  3. SODALIUM SOCIETATIS VERBI DIVINI (2018). CATALOGUS. Roma: Apud Curiam Generalitiam SVD. 443 páginas 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Fritz Bornemann (ed.), Historia de Nossa Congregação,(Analecta SVD 54/5) tradução: José Wisniewski, SVD, Apud Collegium Verbo Divini, Romae, 439 pp.
  • Charles D'Souza, Ao encontro do outro. Uma leitura missionaria das constituições da Congregação do Verbo Divino, São Paulo 1997, 154 pp.
  • VV.AA. Nossa história, nossa missão. Missionários da Congregação do Verbo Divino no Brasil. Belo Horizonte, 2000.
  • VV.AA. Desafios Missionários Hoje. Reflexão de missionários do Verbo Divino por ocasião do Centenário de sua chegada ao Brasil. 1995, São Paulo.
  • Valle, Edênio (Org). Diálogo Profético e missão. 2005, Campinas, Komedi.
  • Em diálogo com o Verbo, nº11. Documentos do 17º Capítulo-geral SVD 2012. 2012, Juiz de Fora, Norte Produções.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Missionários do Verbo Divino
Ícone de esboço Este artigo sobre Catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.