Legionários de Cristo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Congregação dos Legionários de Cristo, ou Legião de Cristo (LC), é uma congregação religiosa católica de direito pontifício, fundada em 1941, na Cidade do México, pelo então seminarista Marcial Maciel e um grupo de treze jovens. A congregação declara como missão “a extensão do Reino de Cristo na sociedade conforme as exigências da justiça e caridade cristã, através da formação integral de leigos e sacerdotes, em colaboração com os bispos”[1] .

A congregação mantém estreita ligação com o Movimento Regnum Christi que é um movimento de apostolado formado por leigos, leigas, diáconos e sacerdotes[2] .

Após as denúncias, as investigações e as constatações dos abusos cometidos por seu fundador, a congregação foi submetida a uma intervenção da Santa Sé. Após um período de visitação feita por bispos nomeados pelo papa Bento XVI[3] , a congregação ficou submissa a um delegado pontifício, Dom Velasio De Paolis, que deverá conduzir a reforma da congregação religiosa[4] [5] .


História por ordem cronológica[editar | editar código-fonte]

Ambox rewrite.svg
Esta seção precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo.
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Editor: considere colocar o mês e o ano da marcação. Isso pode ser feito automaticamente, substituindo esta predefinição por {{subst:rec}}

1920 Em 10 de março nasce Marcial Maciel, futuro fundador da ordem religiosa, em Cotija da Paz, Michoacán (México).

19201936 Marcial vive em seu povoado natal. O México atravessa uma profunda crise social e religiosa. Está em ação a revolução cristã mais conhecida como Guerra Cristeira ou Cristiada. O contato com o sofrimento humano marcou em Marcial, desde sua infância, uma profunda preocupação pelo homem, em todas suas dimensões.

1936 Em janeiro Marcial parte até a Cidade do México e inicia sua formação sacerdotal no seminário dirigido pelo Bispo de Veracruz, Mons. Rafael Guízar y Valencia. Na festa do Sagrado Coração de Jesus recebe a inspiração de Deus de fundar uma congregação religiosa.

1941 3 de janeiro. Em um sótão emprestado em uma casa da Cidade do México, nasce a Legião de Cristo, com um fundador de 20 anos e 13 adolescentes. Conta com o apoio do Bispo de Cuernavaca, Mons. Francisco González Arias.

1944 26 de novembro. O P. Marcial Maciel é ordenado sacerdote por Mons. González Arias na Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe, Cidade do México.

1946 Com a finalidade de proporcionar aos membros da congregação uma formação adequada para sua futura missão educativa, o P. Maciel se muda para a Espanha com o primeiro grupo de jovens para cursarem seus estudos humanísticos na Pontifícia Universidade de Comillas.

12 de junho: O P. Maciel visita o Papa Pio XII, quem acolhe com especial interesse seu projeto apostólico e educativo, e abençoa a nova congregação.

1948 25 de maio. Pio XII outorga o Nihil obstat à Legião de Cristo. Em 13 de junho a Legião, debaixo da proteção do Bispo de Cuernavaca, converte-se em congregação de direito diocesano.

1949 Começa-se a configurar o que viria a ser o Movimento Regnum Christi.

1950 24 de dezembro.Inaugura-se o primeiro centro de estudos superiores da Legião de Cristo em Roma.

1952 Durante o verão ordenam-se os quatro primeiros sacerdotes legionários.

1954 8 de fevereiro. A Legião de Cristo abre no México sua primeira obra de apostolado, um centro educativo: o Instituto Cumbres.

1958 12 de dezembro. O Cardeal Vigário de Roma, Clemente Micara, inaugura solenemente a Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe encomendada à Legião de Cristo em Roma, que seria declarada basílica menor em 1990.

1964 Fevereiro. Na Cidade do México inaugura-se a Universidade Anáhuac, primeiro centro universitário dirigido pelos legionários.

6 de julho:Iniciam-se as obras do primeiro colégio da corrente Mão Amiga na Cidade do México, na qual as crianças sem recursos econômicos estudam de modo gratuito.

1965 6 de fevereiro. Paulo VI outorga à Legião de Cristo o Decretum Laudis. A congregação passa a ser de direito pontifício.

1970 No mês junho, Paulo VI encomenda aos Legionários de Cristo a prelatura de Cancún Chetumal aonde se inicia um intenso trabalho missionário entre os povos de Yucatán, México.

19711980 Continua o crescimento apostólico. Ao final desta década a Legião de Cristo conta com 17 centros educativos e 214 centros destinados à formação.

1980 Outubro. Celebra-se em Roma o primeiro Capítulo Geral Ordinário da congregação.

1983 29 de junho. O Papa João Paulo II aprova o texto definitivo das constituições da congregação dos Legionários de Cristo.

1990 Setembro. Inaugura-se o centro de estudos superiores em Via Aurelia Antica, Roma.

1991 3 de janeiro. A Legião de Cristo celebra o 50° aniversário de sua fundação. Por este motivo, o Papa João Paulo II ordena sessenta legionários de Cristo, de sete nacionalidades diferentes na Basílica de São Pedro.

15 de agosto: Abertura do Colégio Internacional Maria Mater Ecclesiae para a formação de futuros sacerdotes diocesanos. O Papa João Paulo II pediu expressamente a fundação deste colégio em outubro de 1990, durante o Sínodo dos bispos sobre a formação dos candidatos ao sacerdócio.

1992 Novembro. Celebra-se o segundo Capítulo Geral Ordinário. Dois dias depois do início, tanto os legionários como os membros do Movimento Regnum Christi, acolhem com grande alegria o anúncio oficial da reeleição do Pe. Marcial Maciel como diretor geral da congregação.

18 de dezembro: Santo Padre recebe em audiência os padres capitulares.

1993 15 de setembro: Abre as portas o Ateneu Pontifício Regina Apostolorum em Roma.

1994 26 de novembro: O Pe. Marcial Maciel celebra no México suas bodas de ouro sacerdotais; nessa ocasião 57 legionários são ordenados sacerdotes pelo núncio apostólico do México Sr. Exmo. Mons. Girolamo Prigione.

1997 No mês de outubro, abre-se um novo centro de estudos superiores dos legionários de Cristo, situado em Nova York, Estados Unidos.

1998 19 de março. João Paulo II visita o centro de estudos superiores e o Ateneu Pontifício Regina Apostolorum dos legionários de Cristo em Roma.

30 de maio: 9.000 membros do Regnum Christi de diversos países atendem ao encontro com os movimentos eclesiais convocado pelo Santo Padre na Praça de São Pedro durante a vigília da festa de Pentecostes.

30 de outubro: A comunidade dos legionários de Roma se muda para sua nova sede em Via degli Aldobrandeschi.

1999 Outubro: Começam as classes nas novas instalações do Ateneu Pontifício Regina Apostolorum em Roma, com capacidade para 3.000 alunos.

29 de outubro: Na cidade de Atlanta, Estados Unidos, 10.000 membros do Regnum Christi assistem ao Encontro de Juventude e Família como preparação para o Grande Jubileu do ano 2000.

2000 1° de janeiro. Em março do Grande Jubileu do ano 2000, o Cardeal Lucas Moreira Neves, Prefeito da Congregação para os Bispos, confere a ordenação sacerdotal a 23 legionários de Cristo.

31 de dezembro: O Cardeal Ângelo Sodano, Secretário de Estado de Sua Santidade, abençoa as instalações do Ateneu Pontifício Regina Apostolorum.

2001 2 de janeiro: A véspera do 60° aniversário da fundação da Legião de Cristo, o Cardeal Darío Castrillón Hoyos, Prefeito da Congregação para o Clero, presidiu a ordenação sacerdotal de 37 legionários de Cristo.

3 de janeiro: Concelebração em ação de graças pelo 60° aniversário da fundação da Legião de Cristo. Participam 15.000 membros do Regnum Christi que se encontram em Roma para celebrar a festa.

4 de janeiro: O Papa João Paulo II recebe na Praça de São Pedro a todos os legionários e membros do Regnum Christi que se reuniram em Roma para celebrar o 60° aniversário da fundação da Legião de Cristo.

22 de dezembro: 44 legionários de Cristo recebem a ordenação sacerdotal das mãos do Cardeal Severino Poletto, arcebispo de Turín, na Basílica de Santa Maria Maior.

2005 Celebra-se o Terceiro Capítulo Geral Ordinário da Congregação. O P. Marcial é reeleito Diretor Geral da Congregação, mas renuncia ao cargo por motivos de saúde e para estar presente no início do trabalho de seu sucessor.

Os padre capitulares elegem então, como novo Diretor Geral, o P. Álvaro Corcuera, LC

2006 Após ter investigado acusações de abusos sexuais referentes ao Pe. Maciel, a Congregação para a Doutrina da Fé decidiu – levando em consideração tanto a idade avançada do Pe. Maciel como sua frágil saúde – renunciar a um processo canônico e convidar o padre a uma vida reservada de oração e penitência, renunciando a todo ministério público.

2008 30 de janeiro Morre nos EUA, aos 87 anos de vida, o Pe. Marcial Maciel, Fundador da congregação.

2010 9 de julho O Papa Bento XVI nomeia um Delegado Pontifício para conduzir a reforma da Congregação.[6] [7]

2011 Em fevereiro de 2011 é criada uma comissão especial encarregada de atender as vítimas do Pe. Marcial Maciel, acusado de atos de pederastia. O grupo, denominado “Comisión de Acercamiento”, é encarregado de escutar as pessoas e apresentar um informe detalhado sobre cada caso, para as decisões do Delegado Pontifício, Cardeal Velasio de Paolis[8] .

2014 Em 06 de fevereiro o Vaticano confirma no cargo o novo Diretor Geral, P. Eduardo Robles Gil Orvañanos, LC. Ele foi eleito durante o Capítulo Geral Extraordinário da Legião de Cristo[9] .

Textos da Congregação Legião de Cristo e do Movimento Regnum Christi[editar | editar código-fonte]

Textos da Santa Sé[editar | editar código-fonte]

Fontes diversas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.