Pergunta complexa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Pergunta complexa é uma falácia que consiste em fazer uma insinuação na forma de pergunta. Dois tópicos sem relação, ou de relação duvidosa, são conjugados e tratados como uma única proposição. Pretende-se que o auditório aceite ou rejeite ambas quando, de facto, uma pode ser aceitável e a outra não. Trata-se de um uso abusivo do operador "e".

Exemplos[editar | editar código-fonte]

  • Deves apoiar a educação familiar e o Direito, dado por Deus, de os pais educarem os filhos de acordo com as suas crenças?
  • Apoias a liberdade e o direito de andar armado?
  • Já deixaste de fazer vendas ilegais? (São duas questões: já cometeste ilegalidades? Já te deixaste disso?)
  • Qual a funcionalidade de defender a liberdade se o livre-arbítrio é uma ilusão?

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia
Ícone de esboço Este artigo sobre lógica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.