Xuxa só para Baixinhos 2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Só Para Baixinhos 2
Álbum de estúdio de Xuxa
Lançamento 5 de setembro de 2001 (2001-09-05)
Gravação 2000—2001
Yahoo Records Studios
(Rio de Janeiro, Rio de Janeiro)
Gênero(s)
Duração 51:25
Formato(s)
Gravadora(s) Som Livre
Direção Marlene Mattos
Produção Zé Henrique
Cronologia de Xuxa
Só Para Baixinhos
(2000)
XSPB 3
(2002)
Singles de Só Para Baixinhos 2
  1. "Dançando Com o Txutxucão"
    Lançamento: 8 de setembro de 2002
  2. "O Ônibus"
    Lançamento: 12 de outubro de 2002
  3. "Vem Que eu Vou Te Ensinar"
    Lançamento: 23 de outubro de 2002

Só Para Baixinhos 2 é o vigésimo quarto álbum de estúdio e o décimo sétimo em português da cantora e apresentadora brasileira Xuxa, lançado em 5 de setembro de 2001 (2001-09-05). É o segundo "álbum visual" de sua carreira, e o segundo da coleção "Só Para Baixinhos".

Lançamento e recepção[editar | editar código-fonte]

Xuxa só para Baixinhos 2, foi lançado em 5 de setembro de 2001 (2001-09-05), primeiramente na versão "CD + VHS" e lançado em DVD pouco tempo depois, foi relançado na versão VHS em 2002, foi remasterizado e lançado em CD independente em 2008.[1][2][3] As músicas mais famosas são "Dançando Com o Txutxucão", "Cinco Macaquinhos" e "Vem Que eu Vou te Ensinar".[4]

O álbum vendeu mais de 200.000 cópias em DVD, rendendo disco de ouro duplo e 750.000 em CD rendendo platina tripla.[5]

Este disco alcançou à segunda posição entre os mais vendidos de 2001.[6] Com o XSPB 2, Xuxa ganha seu primeiro Grammy Latino de Álbum Infantil Latino do Ano, no ano de 2002.[7]

Turnê[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Só para Baixinhos: O Show

Só para Baixinhos: O Show foi a décima segunda turnê de Xuxa, e era baseada nos 4 primeiros volumes da série "Só Para Baixinhos". A turnê percorreu em várias cidades do Brasil como Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, Recife, Salvador, Porto Alegre, Maceió, São Luís, Natal e Goiânia. A ideia da turnê do projeto XSPB veio desde 2000 quando o mesmo foi lançado. A primeira turnê chegou a ser idealizada para 2001, porém com o acidente nas gravações do Xuxa Park, o projeto foi cancelado. Apesar de ser o retorno da apresentadora aos palcos, é uma turnê pouco conhecida pelo público. O cenário do show se assemelha muito ao do projeto XSPB 2, com algumas árvores e as nuvens.

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

CD[1]
N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Chefinho Mandou" (Simon Says)
  • Elliot Chiprut
  • Versão: Vanessa Alves
2:21
2. "Dois Peixinhos" (Three Little Fishies)
  • D. P.
  • Versão: Vanessa Alves
1:26
3. "Vem Que eu Vou te Ensinar" (The Hokey Pokey)
  • Versão: Vanessa Alves
2:35
4. "O Ônibus" (The Wheels on The Bus)
  • D. P.
  • Versão: Vanessa Alves
1:29
5. "Cinco Macaquinhos" (Monkeys on the Bed)
  • D. P.
  • Versão: Vanessa Alves
1:41
6. "Enquanto o Seu Lobo Não Vem" (Juguemos En El Bosque)
  • Banegas Fermin Oscar
  • Fuste Martinez Jose
  • Versão: Vanessa Alves
1:45
7. "Mexendo os Braços Com Teddy" (Move Your Arms Like Henry)
  • P Field
  • Versão: Vanessa Alves
1:50
8. "Dançando Com o Txutxucão" (We're Dancing With Wags The Dog)
  • M Cook
  • J Fatt
  • A Field
  • G Page
  • Versão: Vanessa Alves
1:23
9. "Zoológico" (Zoo)
  • Levine Joey E
  • Versão: Vanessa Alves
1:34
10. "Dez Degraus" (I Climb Ten Stairs)
  • Cook Murray J.
  • Fatt J.
  • Field Anthony D.
  • Page Gregory J
  • Versão: Vanessa Alves
1:10
11. "Bate a Mão, Bate o Pé" (Clap)
  • J. Levine
  • Versão: Vanessa Alves
1:38
12. "Laranjas e Bananas" (Apples and Bananas)
  • Versão: Vanessa Alves
1:40
13. "Pot-Pourri: Misturando as Cores / Onde Estão As Cores? (Colours All Around)"  
  • Vanessa Alves
  • Zé Henrique
  • "Misturando as Cores?" e Jim Rule
  • Versão: Vanessa Alves, em "Onde Estão as Cores?
3:15
14. "Imaginação" (Pretend)
  • J. Levine
  • Versão: Vanessa Alves
1:35
15. "Esticar" (Stretch)
  • J. Levine
  • Versão: Vanessa Alves
1:31
16. "Hum" (Hum)
  • J. Levine
  • Versão: Vanessa Alves
1:46
17. "The Alphabet Song"  
  • D. P.
  • Adaptação: Xuxa
0:53
18. "Pot-Pourri Nacional: O Sapo Não Lava o Pé / Minhoca / O Coelhinho"  
  • (D. P.
  • Adaptação: Xuxa, em "O Sapo Não Lava o Pé" e "Minhoca"
  • Duhilia Frazão Guimarães Madeira, em "O Coelhinho")
2:39
19. "A Bonequinha" (Música Tradicional)
  • Hap Palmer
  • Versão: Vanessa Alves
2:29
20. "Feche os Olhos" (Turn Around)
  • D. P
  • Versão: Vanessa Alves
2:45
Duração total:
37:34

Créditos[editar | editar código-fonte]

  • Direção Artística: Xuxa Meneghel
  • Direção Geral: Marlene Mattos
  • Produzido por: Zé Henrique
  • Direção de Produção: Ângela Matos
  • Assistente de Produção: Ana Paula Guimarães
  • Versão: Vanessa Alves
  • Gravado nos estúdios: Cinédia
  • Direção: José Mario
  • Diretor de Fotografia: Luiz Leal
  • Coreografias: Fly
  • Elenco: Vanessa Alves (rato rosa), Alexandra Richter (rato amarelo), Marcelo Torreão (rato azul)
  • Figurinista: Marcelo Cavalcante
  • Caracterização: Vavá Torres/ Mário Campioli
  • Cabelos e Maquiagem: Edson Freitas
  • Cenografia e Produção de Arte: Lueli Antunes
  • Coordenador Técnico: Alfredo Campos
  • Sonoplastia: Leonardo da Vinci
  • Edição: Jorge Rui
  • Ass. Pós Produção: Ana Paula Faria

Vendas e certificações[editar | editar código-fonte]

País Certificação Vendas
 Brasil - ABPD - DVD 2× Ouro[5] 200.000+
 Brasil - ABPD - CD 3× Platina[5] 750.000+

Referências

  1. a b Discogs. «Xuxa - Xuxa Só Para Baixinhos 2». Consultado em 13 de dezembro de 2017. 
  2. a b Discogs. «Xuxa Só Para Baixinhos 2». Consultado em 13 de dezembro de 2017. 
  3. a b Discogs. «Xuxa Só Para Baixinhos 2 - DVD». Consultado em 13 de dezembro de 2017. 
  4. XUXA. «Xuxa Só Para Baixinhos 2». Consultado em 13 de dezembro de 2017. 
  5. a b c «Certificações (Brasil) (álbum) – Xuxa – Xuxa só para Baixinhos 2». Associação Brasileira dos Produtores de Discos 
  6. «20 CDs e DVDs MAIS VENDIDOS NO BRASIL EM 2001». Associação Brasileira dos Produtores de Discos. Consultado em 8 de janeiro de 2005. 
  7. Terra. «Xuxa ganha Grammy de Melhor Álbum Infantil». Consultado em 13 de dezembro de 2017.