Conflito de Sa'dah

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Conflito de Sa'dah
Guerra contra o terrorismo
Yemen-Sadah.png
Localização de Sa'dah, no Iemen
Data junho de 2004 - junho de 2007
Local Sa'dah, Iemen
Resultado cessar-fogo, exílio dos rebeldes
Combatentes
Flag of Yemen.svg Exército do Iemen
rebeldes xiitas
Comandantes
Hussein Badreddin al-Houthi †
Abdul-Malik al-Houthi
Forças
30 mil 3 mil
Baixas
720 mortos centenas de mortos

A insurgência de Sa'dah é um conflito na província de Sa'dah, no Iemen, que teve início em junho de 2004.

História[editar | editar código-fonte]

Desde junho de 2004, conflitos violentos ocorridos na província de Sa'dah, noroeste do país, causaram a morte de centenas de pessoas e provocando deslocamentos populacionais.

Estes conflitos originaram-se a partir duma insurgência contra o governo do Iêmen, iniciada por um imã disidente Badreddin Hussein al-Houthi. O governo iemita acusava o governo iraniano de dirigir e financiar a insurgência.

A um cessar-fogo, negociado em junho de 2007, seguiu-se um acordo de paz em fevereiro de 2008. Em abril do mesmo ano, no entanto, o processo de paz estava correndo risco, na medida em que cada lado do conflito acusava o outro de não implementar determinados aspectos contidos no acordo de paz. Alguns analistas sugerem que a renovação do conflito terá um impacto na situação humanitária na região.1

Em maio de 2008, estimava-se que cerca de 77 mil pessoas tinham sido forçadas a abandonar suas casas como resultado do conflito.2

Referências