V Governo Constitucional de Portugal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O V Governo Constitucional tomou posse a 7 de julho de 1979, tendo sido constituído por iniciativa do Presidente da República. Terminou o seu mandato a 3 de janeiro de 1980, na sequência da dissolução da Assembleia da República.

Composição[editar | editar código-fonte]

A sua constituição era a seguinte:[1]

Cargo Detentor Período
Primeira-ministra Maria de Lourdes Pintasilgo 1 de agosto de 1979[Nota 1] a 3 de janeiro de 1980[Nota 2]
Ministro Adjunto para a Administração Interna Manuel da Costa Brás 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Defesa Nacional José Loureiro dos Santos 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro dos Negócios Estrangeiros João de Freitas Cruz 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Justiça Pedro Sousa Macedo 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro das Finanças António Sousa Franco 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Coordenação Económica e do Plano Carlos Corrêa Gago 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Agricultura e Pescas Joaquim Lourenço 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Indústria Fernando Videira 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro do Comércio e Turismo Acácio Pereira Magro 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Coordenação Social e
Ministro dos Assuntos Sociais
Alfredo Bruto da Costa 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro do Trabalho Jorge Sá Borges 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro dos Transportes e Comunicações Frederico Monteiro da Silva 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Habitação e Obras Públicas Mário de Azevedo 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Coordenação Cultural e
Ministro da Cultura e da Ciência
Adérito Sedas Nunes 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Educação Luís Veiga da Cunha 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da Comunicação Social João António de Figueiredo 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da República para a
Região Autónoma dos Açores
Henrique Afonso da Silva Horta 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980
Ministro da República para a
Região Autónoma da Madeira
Lino Miguel 1 de agosto de 1979 a 3 de janeiro de 1980

Galeria[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Mota Pinto e os ministros do IV Governo Constitucional foram exonerados no dia 30 de julho de 1979, tendo sido nomeada primeira-ministra Maria de Lourdes Pintasilgo a 31 de julho, sendo os ministros do V Governo nomeados a 1 de agosto. Nesse dia, primeira-ministra e ministros tomaram posse.
  2. Maria de Lourdes Pintasilgo foi exonerada a 27 de dezembro de 1979, sendo os ministros do seu governo exonerados apenas no dia 2 de janeiro de 1980. Francisco Sá Carneiro e os ministros do VI Governo foram nomeados no dia 3 de janeiro, tendo no mesmo dia tomado posse. Até 3 de janeiro, Maria de Lourdes Pintasilgo e os seus ministros permaneceram de facto em funções.

Referências

  1. Guimarãis, Alberto Laplaine; Ayala, Bernardo Diniz de; Machado, Manuel Pinto; António, Miguel Félix. Os Governos da República: 1910–2010. Lisboa: Edição dos autores. Capítulo: V Governo Constitucional. , p. 435–438. ISBN 978-989-97322-0-9
Ícone de esboço Este artigo sobre Portugal é um esboço relacionado ao Projeto Portugal. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.