Antero de Figueiredo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antero de Figueiredo
Nascimento 28 de novembro de 1866
Coimbra
Morte 10 de abril de 1953 (86 anos)
Porto
Nacionalidade Portugal Português
Ocupação Escritor
Prêmios Prémio Ricardo Malheiros (1935)
Magnum opus Miradouro

Antero de Figueiredo (Coimbra, 28 de Novembro de 1866Porto, 10 de Abril de 1953) foi um escritor português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu em Lourosa (Coimbra) no ano de 1866 e morreu na Foz do Douro. Após os estudos secundários em Braga, matriculou-se na Faculdade de Medicina de Coimbra. Conheceu nessa cidade António Nobre, João Penha, Agostinho de Campos e Eugénio de Castro. Interrompeu o curso para viajar pela Europa e depois deslocou-se para os Estados Unidos da América como secretário particular do Ministro do Brasil em Washington, DC. Regressa à Pátria em 1891 e matricula-se na Faculdade de Letras de Lisboa onde se licencia.

Colaborou em diversas publicações periódicas, entre elas as revistas Branco e Negro [1] (1896-1898), Serões [2] (1901-1911) e Atlântida [3] (1915-1920).

Obras[editar | editar código-fonte]

Antero de Figueiredo nasceu para a beleza das coisas e sabe traduzir o seu encantamento em requintes de linguagem policrónica, ora num tom solene de majestade, ora num puro visualismo do real. Tudo isto impregnado de espiritualidade, sobretudo em livros como "Fátima", "Amor Supremo", "Non Sum Dignus". De qualquer forma, estão sempre em causa os ideais da Pátria e os da Religião. Em "Senhora do Amparo" e "Miradouro" desenha com perícia Perfis, Tipos e Casos. Figura entre os mais finos cultores e amantes da língua portuguesa, e a ele se devem algumas das mais sugestivas páginas deste idioma.

Prosa poética e Viagens

Teatro[4]

  • Palavras de Agnelo (1899)
  • A estrada nova: peça em três actos (1900)

Novelística ou romance

Referências

  • Redacção Quidnovi, com coordenação de José Hermano Saraiva, História de Portugal, Dicionário de Personalidades, Volume XV, Ed. QN-Edição e Conteúdos,S.A., 2004
  • Dicionário Enciclopédico Koogan-Larousse-Selecções, Vol.2, Ed. Larousse do Brasil, 1979.


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.