João da Silva Telo e Meneses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
João da Silva Telo e Meneses
Nascimento 1600
Morte 1651 (51 anos)
Cidadania Portugal
Ocupação militar
Prêmios Comendador da Ordem de Cristo, Comendador da Ordem de Santiago da Espada
Título Conde de Aveiras

João da Silva Telo e Meneses, 1.º Conde de Aveiras (cerca de 1600Moçambique, 1651) foi um nobre e militar português. Em 1623, foi nomeado Governador de Mazagão. Em 1625, esteve em Salvador, na Guerra da Restauração. Nomeado em 1640 como 25.º Vice-rei da Índia, onde ficou até 1644. No regresso a Portugal, foi feito Regedor das Justiças. Chegou a ser novamente nomeado Vice-rei da Índia, em 1651, mas morreu a caminho, em Moçambique.

Foi membro do Conselho de Estado e Guerra do Rei Dom Filipe III, e do Rei D. João IV. Era Comendador de Arouca na Ordem de Cristo, e de Moguelas na Ordem de Santiago.

Dados genealógicos[editar | editar código-fonte]

Era neto do seu homónimo João Telo de Menezes, senhor de Aveiras e filho de D. Margarida desse seu avô, que herdou a casa dele, e de Diogo da Silva, senhor de Vagos, a sua segunda mulher, presidente do parlamento de Lisboa[1], alcaide-mor de Lagos, comendador de Messejana e regedor das Justiças[2].

Casou com D. Maria de Castro, filha do senhores de Ulhão[2]. Com descendência.

Referências

Fontes[editar | editar código-fonte]

Precedido por
António Teles de Meneses
Vice-Rei da Índia Portuguesa
1640 — 1645
Sucedido por
Filipe de Mascarenhas