Piedade (São Paulo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Piedade
Bandeira de Piedade
Brasão de Piedade
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 20 de maio de 1840
Gentílico piedadense
Prefeito(a) Maria Vicentina Godinho Pereira da Silva (PSDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Piedade
Localização de Piedade em São Paulo
Piedade está localizado em: Brasil
Piedade
Localização de Piedade no Brasil
23° 42' 43" S 47° 25' 40" O23° 42' 43" S 47° 25' 40" O
Unidade federativa  São Paulo
Mesorregião Macro Metropolitana Paulista São Paulo/2014<http://saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=236960
Microrregião Piedade IBGE/2008[1]
Região metropolitana Sorocaba
Municípios limítrofes Votorantim, Pilar do Sul, Salto de Pirapora, Tapiraí e Ibiúna
Distância até a capital 100 km
Características geográficas
Área 313,140 km² [2]
População 54 523 hab. Estimativa IBGE/2014[3]
Densidade 174,12 hab./km²
Altitude 781 m
Clima Subtropical Cfa
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,757 alto PNUD/2000[4]
PIB R$ 468 583,143 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 9 445,91 IBGE/2008[5]
Página oficial

Piedade é um município brasileiro do estado de São Paulo situado na Região Metropolitana de Sorocaba, na Mesorregião Macro Metropolitana Paulista e na Microrregião de Piedade. Localiza-se a uma latitude 23º42'43" Sul e a uma longitude 47º25'40" Oeste, estando a uma altitude de 781 metros. Sua população estimada em 2004 era de 53.492 habitantes (IBGE).

História[editar | editar código-fonte]

Piedade foi conhecida como capital da cebola, chegando a ser a maior produtora do Brasil. Hoje, sua agricultura é diversificada destacando-se entre elas a alcachofra, morango e caqui. Também é conhecida pelas suas "cerejeiras do Japão", as quais enfeitam a cidade durante os meses de junho e julho, quando acontece sua florada. Na mesma época, a comunidade Japonesa da cidade comemora a festa da cerejeira.

No mês de Maio é realizada a Festa do Kaki Fuyu (variedade muito plantada na região), festividade que reúne várias atrações relativas a colheita do fruto juntamente com o aniversario da cidade.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município encontra-se entre montanhas, no flanco interior da Serra do Mar, em área de preservação ecológica. A altitude varia de 750 a 1227m. Nas partes de vegetação primitiva, é coberto pela mata Atlântica.

Diversos rios, córregos e ribeirões pertencentes às bacias dos rios Tietê, Paranapanema e rio Ribeira de Iguape banham Piedade.

Possui uma área de 745,52 km².

Demografia[editar | editar código-fonte]

A população descende de pioneiros e nativos, não tendo recedido significativa mão de obra escrava. A imigração estrangeira só viria a ocorrer em meados do século XX, com a chegada de japoneses e italianos advindos de outras regiões do estado e que auxiliaram o progresso da cidade. Devida ao clima muito frio e úmido, e também por sua reservas, a cidade recebeu inúmeros imigrantes alemães em busca do ar puro e do clima "europeu" da região. A presença principalmente de alemães, suíços e austríacos, mas também de holandeses, belgas, dinamarqueses, suecos e noruegueses não é organizada, não apresentando assim formação de colônias relevantes.

Dados do Censo - 2000

População total: 50.131

  • Urbana: 22.057
  • Rural: 28.074
  • Homens: 26.311
  • Mulheres: 23.820

Densidade demográfica (hab./km²): 67,24

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 18,62

Expectativa de vida (anos): 69,81

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,39

Taxa de alfabetização: 88,15%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,757

  • IDH-M Renda: 0,712
  • IDH-M Longevidade: 0,747
  • IDH-M Educação: 0,811

(Fonte: IPEADATA)

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Administração[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

Sua economia é essencialmente agrícola, fazendo parte do Cinturão Verde do Estado de São Paulo, abastecendo a metrópole com seus hortifrutigranjeiros. A proximidade do município ao mercado da Grande São Paulo foi responsável pelo significativo desenvolvimento da região.

Apresenta também destaque no turismo, com belezas naturais e diversas pousadas que apresentam como diferencial exatamente o contato com a natureza. O município também possui como atração turística uma fazenda de criação de camarões de água doce.

Piedade é um município com potencial para muitas atividades. Uma das quais está em crescimento acelerado nos últimos anos é a criação de cavalos que, anteriormente, abrangia somente a raça manga-larga, porém, no início do século XXI, o número de cavalos da raça crioula aumentou de forma significativa, assim como a quantidade de proprietários.

Outra fonte que destaca-se na economia piedadense é a produção de alcachofra, já que atualmente o município é considerado o maior produtor de alcachofra do Brasil.

Referências

  1. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas IBGE_DTB_2008
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2014 Estimativa Populacional 2014 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2014). Visitado em 28 de agosto de 2014.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]